Rapariga de 14 anos hospitalizada em Braga após desafio da “Baleia Azul”

Uma rapariga de 14 anos foi internada, esta quinta-feira, no Hospital de Braga, com sinais de auto-mutilação devido ao jogo virtual “Baleia Azul”.

Segundo o Jornal de Notícias, a menor chegou ao Hospital Senhora da Oliveira, em Guimarães, acompanhada por um amigo mais velho e foi depois transferida para o Hospital de Braga, já ao fim da noite de quinta-feira.

O amigo contou aos médicos que os cortes no pescoço e nos braços da jovem foram auto-infligidos com um x-ato na sequência de uma das tarefas do jogo “Baleia Azul”.

Com este caso registado na quinta-feira, contabilizam-se pelo menos oito casos de auto-mutilação relacionados com o jogo em todo o país.

Em abril, uma rapariga de 18 anos foi encontrada com vários ferimentos junto à linha férrea do Algarve, em Albufeira, depois de seguir as regras do “Baleia Azul”. A jovem terá saltado de um viaduto e foi resgatada pelos bombeiro com ferimentos na cara e vários cortes numa perna que formavam a palavra “sim”.

Apesar de a maioria dos casos envolver adolescentes entre os 14 e os 18 anos, a GNR de Viseu recebeu, esta semana, uma queixa apresentada por uma pessoa adulta que realizou o primeiro desafio, decidiu não continuar e foi ameaçada.

Entretanto, foi detetado outro caso de envolvimento no “Baleia Azul” na zona de Viseu, tratando-se de uma adolescente de 15 anos que terá feito um golpe no pescoço com uma lâmina.

“Depois de tantas notícias, a jovem pesquisou no Google sobre o jogo, acabando por ser contactada por um indivíduo, que se supõe que seja brasileiro, e que insistiu para que participasse no jogo“, esclareceu o comandante da força policial local, Víctor Rodrigues.

Sabe-se ainda que a Urgência de Pedopsiquiatria do Porto já avaliou, no início deste mês, cinco menores com lesões associadas ao fenómeno Baleia Azul.

No jogo, os jovens são compelidos a seguir 50 passos, provando que completaram cada desafio com fotografias que enviam a um curador, que incita o jogador a cumprir os desafios – como escrever “F57” na palma da mão, com uma faca.

Outras tarefas incluem acordar às 04:20 e subir a um telhado ou uma ponte, cortar os lábios e falar com outros jogadores. O último desafio é o suicídio, da forma que o curador do jogo indicar.

A PSP já está a realizar ações de sensibilização nas escolas para demover os jovens de praticarem o jogo, alertando ainda os professores para comunicarem às autoridades quaisquer situações suspeitas.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Recibos verdes e sócios-gerentes já podem pedir apoio relativo a maio

O formulário para os trabalhadores independentes e sócios-gerentes pedirem o apoio criado no âmbito da pandemia covid-19, relativo a maio, fica hoje disponível na Segurança Social Direta, podendo ser entregue até 9 de junho. O prazo …

Director nacional da PJ defende "recompensa garantida" para Rui Pinto

O director nacional da Polícia Judiciária (PJ), Luís Neves, realça a colaboração de Rui Pinto como tendo sido essencial para apurar a "verdade material" no caso de pirataria informática que o envolve e defende, por …

Lufthansa aceita condições do resgate. Vai ceder aviões e perder "slots"

O Governo da Alemanha e a Comissão Europeia (CE) chegaram a um acordo sobre o resgate da Lufthansa e que poderá evitar a falência da companhia aérea, anunciaram, na sexta-feira, fontes próximas das negociações e …

Chipre vai pagar despesas das férias a turistas que ficarem infetados no país

O Chipre vai pagar o custo das férias aos turistas que testaram positivo depois de viajarem para o país. Entre as despesas está o alojamento, a alimentação e os medicamentos. O Chipre comprometeu-se a pagar todas …

Tribunais vão vender máscaras a um euro. "É uma margem de lucro de 45 por cento"

Os tribunais vão ter máscaras cirúrgicas à venda para advogados e testemunhas, de modo a garantir que podem entrar nas salas de audiência a partir de quarta-feira, dia em que a Justiça retoma as sessões …

Julgamento BES. Ministério Público acredita que provas da Suíça ainda podem ser utilizadas

O jornal Público escreve este sábado que os procuradores do Ministério Público (MP) acreditam ainda ser possível utilizar os elementos solicitados nas cartas rogatórias enviadas às autoridades suíças no julgamento do caso BES. O Ministério …

Salários mais baixos podem passar a ter lay-off pago a 100%

O Governo está a estudar a possibilidade de o regime de lay-off, desenhado especificamente para o contexto da pandemia de covid-19, passar a ser pago na sua totalidade (100%) para quem tem salários mais baixos. …

Bronca na Liga. Contestação adia 5 substituições e o Marítimo recusa assinar Plano de Retoma

Após dois dias intensos de reuniões, foi aprovado o Plano de Retoma do campeonato nacional para a disputa das últimas 10 jornadas da época 2019/2020. Mas apenas 17 clubes o assinaram. O Marítimo recusou fazê-lo, …

Igreja perdeu 50 milhões de euros com a pandemia (e há dioceses em lay-off)

Ao cabo de dois meses de paragem por causa da pandemia de covid-19, as missas regressam, neste sábado, mas com regras novas para evitar a propagação do coronavírus. Uma paragem que resultou num "prejuízo" de …

Reabertura de ATL adiada para 15 de junho. Creches arrancam segunda-feira (sem apoios para os pais)

As Atividades de Tempos Livres (ATL) não integradas em estabelecimentos escolares só poderão voltar a funcionar a partir de 15 de junho, duas semanas depois daquilo que estava inicialmente previsto. O anúncio foi feito pelo primeiro-ministro, …