“O PSD não pode andar a triturar líderes”

Miguel A. Lopes / Lusa

O líder do PSD, Rui Rio

O presidente do PSD e recandidato ao cargo, Rui Rio, defendeu esta terça-feira que o partido não pode andar “a triturar líderes” sempre que não vence eleições, considerando que tal afeta a confiança dos portugueses.

Em entrevista à Antena 1, Rui Rio defendeu que o PSD não deve andar a “triturar líderes” sob pena de perder a confiança do país.

“O PSD não pode mudar de líder como quem muda de camisa, não pode de congresso em congresso andar a trocar de líder, eu sou o 18.º, o PSD é o partido que teve mais líderes. O PSD não pode andar a triturar líderes, se andar os portugueses olham para o PSD e não merece a confiança que deve”, afirmou na primeira entrevista desde as diretas de sábado passado.

Sobre a primeira volta, o atual presidente do PSD disse não ter ficado nada surpreendido com o resultado. “Bate certinho com o que respondia quando as pessoas me perguntavam sobre o resultado: eu acho que consigo ganhar à primeira volta, é difícil, mas é possível”.

Questionado qual a razão pela qual os militantes do PSD devem votar nele em vez de em Luís Montenegro na segunda volta, Rio considerou que a primeira é, precisamente, a estabilidade. “Se nós, de cada vez que temos um ato eleitoral e não conseguimos ter mais um voto que o adversário, temos automaticamente de trocar de líder, vamos ter dificuldade em criar confiança e sustentabilidade na opinião pública, por isso me recandidato.”

Quanto à semana final de campanha para esta segunda volta, o presidente do PSD diz que não esperem dele “uma campanha agressiva a atacar os ouros”. “Não é muito do meu estilo, e não vou começar agora a apontar defeitos no adversário para que votem em mim, não é o meu género.”

Rio classificou como “uma brincadeira” ter respondido, no Twitter, em estilo de anedota, aos apoiantes de Luís Montenegro: “Quando em outubro o PS teve mais 8,5% do que o PSD, eles acharam que houve um desastre. E agora que perderam por 8,1%, acham que tiveram um resultado jeitoso”.

Luís Montenegro já reagiu, também nas redes sociais: “A arrogância desta graçola não enobrece a política, o PSD e o seu autor. Quando o país e o nosso PSD precisavam de um debate televisivo sério e esclarecedor, Rui Rio recusou-o por ter medo que fosse desprestigiante. Percebe-se mais uma vez porquê… e por quem!”.

Na entrevista à Antena 1, Rio disse que a intenção não foi “zombar” do adversário, mas falar em “tom de brincadeira”, em vez de num “tom vingativo”. “Vamos ter uma segunda volta, tudo leva a crer que ganho, se eu ganhar está tudo bem, se eu perder também está bem. Não dramatizem tudo, não vejam em tudo uma tática.”

Na entrevista, Rio voltou a defender que o posicionamento do PSD tem de ser ao centro por motivos aritméticos – à direita dos sociais-democratas só há atualmente sete deputados – políticos e de convicção.

Para as autárquicas, repetiu que “é muito difícil” o PSD reconquistar o maior número de câmaras já em 2021, mas escusou-se a qualificar essa ambição já expressa pelo seu adversário Montenegro. “O militante é livre de votar e acreditar ou não, as pessoas têm a maturidade de descodificar o que cada um diz”, afirmou.

Rio escusou-se a avançar quem será o próximo líder parlamentar se vencer as diretas – sairá desse cargo após o Congresso -, mas, questionado sobre o nome de Adão Silva, admitiu que “é um dos deputados mais experientes e o primeiro ‘vice’”.

Quanto a um potencial sucessor de que falou em entrevista à TSF na semana passada, o presidente do PSD frisou que o seu principal objetivo é chegar a primeiro-ministro.

“Tem de se ter humildade, ao mesmo tempo que tento fazer tudo para isso, deve ser feito um trajeto em paralelo em que se preparam pessoas para me poder suceder. Não é um, mas também não são dez”, afirmou, assegurando que “neste momento” não tem ainda um delfim.

O atual presidente do PSD, Rui Rio, e o antigo líder parlamentar Luís Montenegro disputarão no sábado uma inédita segunda volta das eleições diretas para escolher o próximo presidente.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Coronavírus já provocou 56 mortes. China começa a desenvolver vacina

China começou a desenvolver uma vacina contra o novo coronavírus, que já provocou a morte a 56 pessoas e infetou 1.975 pessoas no país, informa este domingo o jornal oficial do Partido Comunista Chinês (PCC). De …

Portugueses vencem "Óscares" de animação em Los Angeles

O filme “Tio Tomás, A Contabilidade dos Dias” da realizadora portuguesa Regina Pessoa, venceu este domingo o prémio de Melhor Curta Metragem e Sérgio Martins venceu a Melhor Direção de Animação em Longa Metragem, pelo …

Juiz Neto de Moura muda nome com que assina acórdãos

O juiz Neto de Moura, envolvido em algumas decisões polémicas sobre violência doméstica, alterou o nome com que assina os acórdãos, avança o Jornal de Notícias na sua edição impressa deste domingo. De acordo com …

Violenta tempestade faz pelo menos 30 mortos em Minas Gerais

A violenta tempestade que desde quinta-feira assola o estado de Minas Gerais, sudeste do Brasil, já provocou pelo menos 30 mortos e 17 desaparecidos, anunciou este domingo a Proteção Civil. De acordo com o novo balanço, …

Descobertas quatro novas espécies de tubarões que caminham

Foram descobertas quatro novas espécies de tubarões que caminham usando as suas barbatanas. Ao todo são já conhecidas nove espécies deste tipo de tubarões. Investigadores encontraram tubarões que caminham nas águas do norte da Austrália e …

Caso suspeito de infeção por coronavírus em Portugal deu negativo

A Direção-Geral da Saúde (DGS) informou este domingo que o primeiro caso suspeita de coronavírus em Portugal, com um paciente sob observação no Hospital de Curry Cabral, em Lisboa, deu negativo após  análises. "A Direção-Geral da …

Francisco Rodrigues dos Santos é o novo líder do CDS

A moção de estratégia de Francisco Rodrigues dos Santos, sob o título "Voltar a Acreditar", foi a mais votada na madrugada domingo no 28.º congresso do CDS, em Aveiro, avançaram à agência Lusa fontes partidárias. A …

Cientistas descobrem proteína capaz de imitar os efeitos do exercício físico

A proteína, chamada de Sestrin, é capaz de proporcionar benefícios musculares muito semelhantes aos da prática de exercício físico. Um grupo de cientistas da Universidade de Medicina do Michigan, nos Estados Unidos, descobriu uma proteína …

Inscrição hebraica com 2.800 anos revela antigo nome bíblico

Uma equipa de arqueólogos encontrou um jarro com 2.8000 anos com a inscrição em hebraico "Benayo" no sítio arqueológico de Abel Beth Maacah, no norte de Israel, local várias vezes mencionado na Bíblia Hebraica.  De …

Braga vence FC Porto e conquista Taça da Liga. Sérgio coloca lugar à disposição

O Sporting de Braga venceu hoje o FC Porto por 1-0 e conquistou a Taça da Liga, com Ricardo Horta a marcar o golo decisivo aos 90+5, garantindo um troféu que os bracarenses já tinham …