António Costa: PS é partido “europeísta”, mas não “euro ingénuo” ou subserviente

Miguel A. Lopes / Lusa

O secretário-geral do PS, António Costa, define o seu partido como “europeísta”, mas não “euro ingénuo”, considerando que a solução para grande parte dos problemas nacionais passa por a União Europeia corrigir deficiências e não por atitude de “subserviência”.

Esta posição de António Costa consta de uma mensagem dirigida aos eleitores portugueses, no dia em que arranca oficialmente a campanha eleitoral para as eleições europeias do próximo dia 26 e que está publicada no site europa.ps.pt.

Nesta sua mensagem, o líder dos socialistas portugueses começa por se referir a uma ideia que assumiu quando anunciou a sua candidatura à liderança do PS, em junho de 2014, na qual diz ter defendido que a solução para parte dos problemas nacionais “exige uma mudança na Europa”. A partir deste princípio, o secretário-geral do PS desenvolve em seguida uma orientação política com aplicação nestas eleições europeias.

“Somos europeístas, mas não podemos ser euro ingénuos. É necessário corrigir as deficiências que a crise evidenciou na união monetária, compensar os efeitos assimétricos que o euro tem nas diferentes economias, recuperar os danos sociais e económicos provocados pelo ajustamento, encontrar um novo equilíbrio na gestão dos nossos compromissos que favoreça o crescimento sustentável, a criação de emprego, o controlo do défice e a redução da dívida”, sustenta o primeiro-ministro.

António Costa procura por outro lado advertir que, numa negociação entre 28 Estados-membros, “é difícil prometer resultados, sem o risco de desiludir”. “Mas é necessário que haja clareza sobre o que queremos e compromisso sobre a atitude construtiva, determinada e patriótica com que defenderemos o interesse nacional, como parceiros leais, iguais entre iguais e nunca, nunca mais, subservientes”, acentua.

António Costa defende que, ao longo dos cerca de três anos e meio como líder do executivo nacional procurou cumprir o “compromisso de romper com um ciclo de triste subserviência, para afirmar Portugal na União Europeia, como um parceiro leal mas ativo, que se assume igual entre iguais”.

“Das migrações à reforma da zona euro, Portugal tem estado sempre empenhado na primeira linha nos grandes debates europeus. Como António Guterres demonstrou há mais de 20 anos, a melhor forma de defender os nossos interesses específicos é sermos reconhecidos pela defesa que fazemos dos interesses gerais da União Europeia”, apontou, após citar o exemplo na frente europeia do atual secretário-geral das Nações Unidas enquanto líder do Governo português entre 1995 e 2001.

Neste ponto, numa alusão aos principais desafios que Portugal travou na União Europeia, António Costa acrescenta que, entre os 28 Estados-membros, Portugal não esteve apenas empenhado numa agenda nacional, como “na luta contra as sanções, na defesa de uma maior fatia no bolo dos fundos comunitários ou sequer na urgente conclusão da reforma da zona Euro”.

Na sua mensagem, António Costa elogia a lista de candidatos do PS ao Parlamento Europeu, classificando-a como “excelente, renovada, paritária, rejuvenescida, representativa de todas as regiões – com o merecido destaque para as regiões autónomas dos Açores e da Madeira – que reúne candidatos com sólida experiência política”.

Candidatos que nos abrem à sociedade, militantes do PS ou independentes, e encabeçada pelo Pedro Marques, que ao longo da sua vida, como autarca, deputado, secretário de Estado e ministro adquiriu um profundo conhecimento do país, do seu território, das suas carências sociais, dando provas de sólida competência técnica e política. Partimos por isso para esta campanha com a responsabilidade, a ambição e a confiança de lutarmos por uma grande vitória que dê força ao PS, a Portugal e à Europa“, completa.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

SOS Animal vai constituir-se assistente no processo contra João Moura

A SOS Animal anunciou, esta sexta-feira, que se vai constituir assistente no processo criminal contra o cavaleiro tauromáquico detido, na quarta-feira, por suspeitas de maus-tratos a cães em Monforte, no distrito de Portalegre. Em comunicado, a SOS …

SMS de Rangel revelam teia de corrupção na Relação de Lisboa. Juiz Vaz das Neves tem empresa contra a lei

O ex-presidente do Tribunal da Relação de Lisboa, Luís Vaz das Neves, que foi constituído arguido na Operação Lex, tem uma empresa que se dedica à arbitragem extrajudicial de conflitos, o que constitui uma violação …

Presidente da PwC esteve em Lisboa para controlar danos do Luanda Leaks

O presidente mundial da PricewaterhouseCoopers (PwC) esteve em Lisboa, há duas semanas, para controlar os danos provocados pelo caso Luanda Leaks. Bob Moritz, presidente mundial da PricewaterhouseCoopers (PwC), esteve em Lisboa, há duas semanas, para perceber até …

CM Lisboa vai negociar avenças em parques para moradores da envolvente da Baixa

O presidente da Câmara de Lisboa afirmou, esta sexta-feira, que a autarquia irá tentar acordar com os operadores dos parques de estacionamento da envolvente da Zona de Emissões Reduzidas da Baixa-Chiado a criação de "avenças …

Caso Marega. PGR tinha brigada anti-racismo no jogo de Guimarães

A equipa do Ministério Público estava de serviço, no jogo entre V. Guimarães e FC Porto, quando o jogador maliano decidiu abandonar o campo na sequência de cânticos racistas. De acordo com o semanário Expresso, a …

Cientistas descobriram o que comiam os primeiros australianos

Uma equipa de arqueólogos e anciões aborígines encontraram sobras carbonizadas de há 65 mil anos, que estão a mostrar o que comiam as primeiras pessoas a viver na Austrália. Os investigadores e anciões aborígines locais recuperaram recentemente …

Estivadores avançam para greve total no Porto de Lisboa

Os estivadores do porto de Lisboa decidiram, esta sexta-feira, convocar uma greve total, de 9 a 30 de março, face à decisão das empresas de estiva de pedirem a insolvência da A-ETPL, Associação – Empresa …

Rui Rio quer controlar contactos entre a bancada do PSD e jornalistas

A direção do PSD enviou, esta sexta-feira, um comunicado aos deputados no qual determina que os contactos com os jornalistas deverão ser efetuados de forma articulada através da assessoria de imprensa. De acordo com a revista …

Medusas lançam granadas de muco e deixam a "água dormente"

Uma espécie de medusa caça as suas presas lançando granadas de veneno para deixar a "água dormente". Esta é a resolução de um mistério de longa data, que também afeta seres humanos. As águas-vivas-de-cabeça-para-baixo (Cassiopea xamachana), …

Coronavírus faz duas vítimas mortais em Itália

Duas pessoas morreram, em menos de 24 horas, infetadas com o coronavírus, em Itália. Já há a registar três mortes na Europa devido ao Covid-19. A segunda morte está a ser avançada pela agência noticiosa italiana …