PSD terá vida “mais facilitada” porque PS “não foi feliz” na escolha da lista

Mário Cruz / Lusa

O presidente do PSD, Rui Rio

Rui Rio referiu-se ao facto de o PS ter escolhido Pedro Marques, ex-ministro responsável pelos fundos europeus, para cabeça-de-lista. Para o líder do PSD, o socialista simboliza “o contrário” do que precisa o país.

O líder social-democrata, Rui Rio, considerou que o PSD vai ter a vida “mais facilitada” nas eleições europeias porque o PS escolheu para cabeça-de-lista o ex-ministro Pedro Marques, que tutelou a área “mais fraca” do Governo.

“Teremos um pouco a vida mais facilitada que o normal porque o Partido Socialista não foi efetivamente feliz na escolha da sua lista. E não foi particularmente feliz na escolha do seu cabeça-de-lista”, disse este domingo Rui Rio na Figueira da Foz, discursando no encerramento da Universidade Europa, perante cerca de 70 jovens militantes e simpatizantes da JSD.

Referindo-se ao anterior ministro do Equipamento e das Infraestruturas, cargo que Pedro Marques exerceu no atual Governo até ser anunciado como cabeça-de-lista do PS às eleições europeias, Rui Rio disse que quando Portugal precisa de investimento “o PS foi escolher para seu cabeça-de-lista exatamente o símbolo contrário” desse investimento.

“O símbolo daquele que tendo tutelado o investimento público, durante todo o tempo em que foi ministro, tutelou a área mais fraca do Governo, que tem uma performance perto de zero”, apontou o presidente do PSD.

“E é este Partido Socialista que diz ‘reparem no que este homem [Pedro Marques] fez, votem nele por favor’. Mas votem nele por favor para quê? Para ele ir para o Parlamento Europeu com o mesmo nível de atuação e o mesmo nível de performance que teve aqui em Portugal? Não escolheram bem“, frisou Rui Rio.

Referiu, por outro lado, que Pedro Marques foi ministro de um Governo “que criticava o Governo anterior porque não se fazia investimento público”.

“A despeito de nós estarmos sob a intervenção da troika e não termos fundos para libertar. Pois bem, [agora] não há troika, há mais liberdade, há mais crescimento económico e eles [o Governo PS] têm um nível de investimento público absolutamente desastrado”, disse o presidente do PSD.

Logo no início da sua intervenção de cerca de 45 minutos, o líder social-democrata cumprimentou o cabeça de lista do PSD Paulo Rangel e sublinhou que a “tarefa que se costuma dizer difícil das eleições europeias nem é assim tão difícil”. “Porque ele tem um adversário relativamente fraco e portanto iremos, no resultado final, perceber exatamente isso”, afirmou Rui Rio.

Já sobre a lista do PSD, Rui Rio disse que o partido tem de a saber construir “de forma a mostrar o contrário” do PS.

“E uma das formas de mostrar o contrário não é apostar em quem já deu provas que não consegue, que é o caso do cabeça-de-lista Pedro Marques, do PS, mas apostar em quem tem um futuro à sua frente e a vontade de trabalhar”, referiu, anunciando, embora sem especificar, que a JSD “estará seguramente bem representada” na lista ao Parlamento Europeu.

Em fevereiro, a JSD anunciou ter indicado a Rui Rio o nome de Ana Lídia Pereira, 27 anos, recém-eleita presidente do YEPP, a juventude do Partido Popular Europeu, para integrar a lista de candidatos do partido às eleições europeias.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Ministro holandês faz mea culpa. "Não fomos suficientemente empáticos" com o sul da Europa

O ministro das Finanças holandês reconheceu que foi infeliz nas posições que assumiu sobre a resposta económica à pandemia de covid-19, assumindo que mostrou pouca “empatia” com os países do sul da Europa. Em declarações à …

Estados Unidos admitem possibilidade de novo surto no outono

O diretor do Instituto Nacional de Alergias e Doenças Infecciosas dos Estados Unidos disse haver a possibilidade de o país enfrentar um novo surto depois do verão, mas lembrou que nessa altura "várias coisas vão …

Mortes em Portugal estão a aumentar desde o início do mês (sem contar com a Covid-19)

Já morreram mais pessoas em Portugal, neste ano, do que em igual período do ano passado, com especial destaque para o  mês de Março, onde a taxa de mortalidade aumentou, mesmo sem contar com as vítimas de …

PCP quer reabrir camas e decretar preços máximos nos combustíveis para enfrentar pandemia

O PCP apresentou um pacote extenso de propostas para fazer face aos impactos do surto de covid-19. Entre elas está a reabertura do Hospital Militar. O PCP apresentou um conjunto de medidas para fazer face ao …

Houseparty nega pirataria e oferece recompensa milionária a quem provar "campanha difamatória"

A aplicação favorita de quem está em quarentena está sob acusação de piratear contas de outras apps. A Houseparty nega e oferece uma recompensa de 1 milhão de dólares a quem provar a "campanha de …

"Agricultura não pára". Há trabalho no campo para os trabalhadores em lay-off

Com a época das colheitas à porta e a falta de braços no campo, a Confederação dos Agricultores de Portugal (CAP) vai propor ao Governo a criação de plataformas de emprego temporário para permitir aos …

Covid-19. Cerimónias fúnebres proibidas em Espanha

As cerimónias fúnebres foram hoje proibidas em Espanha, o segundo país mais afetado pela covid-19 no mundo, e os funerais não podem ter mais do que três pessoas presentes, para impedir a propagação da pandemia …

Falta de meios dificulta marcação de testes à Covid-19

Os utentes do Norte referenciados pelas autoridades de saúde para fazerem o teste à Covid-19 estão a ter grandes dificuldades na marcação nos laboratórios recomendados, devido ao disparo na procura e ao facto de a …

"Impõe-se manter as medidas de contenção", diz Marcelo

O Presidente da República afirmou esta terça-feira que se impõe manter as medidas de contenção que vigoram em Portugal, referindo que essa foi uma opinião unânime na segunda reunião técnica sobre a situação da covid-19 …

Crise poderá levar a Juve a vender Ronaldo por 70 milhões

A crise financeira causada pela pandemia de covid-19 poderá "obrigar" a Juventus a vender Cristiano Ronaldo por 70 milhões de euros, avança a imprensa italiana, frisando que existem mais dois cenários em cima da mesa. O …