PS diz que nunca houve ministro da Ciência no actual governo

EWEA / Flickr

José Carlos Zorrinho

José Carlos Zorrinho

O dirigente socialista Carlos Zorrinho considerou hoje que “nunca houve” um ministro da Ciência no atual Governo, mas defendeu que não faz sentido pedir individualmente a demissão de membros do executivo PSD/CDS.

Carlos Zorrinho falava numa declaração aos jornalistas, na Assembleia da República, a propósito da controvérsia em torno da alegada existência de cortes nas bolsas de doutoramento e pós-doutoramento.

“Não faz sentido pedirmos a demissão de ministros individualmente, mas a verdade – e é a pergunta que deixou aos portugueses – é se alguma vez houve ministro da Ciência neste Governo?”, questionou o ex-líder parlamentar socialista, depois de interrogado se o PS defende a demissão do ministro da Educação, Nuno Crato.

Sobre a ação de protesto contra a política do Governo na área da investigação, o ex-secretário de Estado dos executivos liderados por José Sócrates disse imaginar neste momento “a tristeza dos bolseiros que se manifestam” contra a política do Governo.

“Não é apenas o facto de esses bolseiros verem a sua vida precarizada e não saberem como vão pagar as suas contas nos próximos meses. Um bolseiro de investigação aposta uma vida num projeto – e ver um projeto apagado, como quem apaga um interruptor de luz, é próprio de alguém que demonstra uma enorme insensibilidade”, advogou.

De acordo com Carlos Zorrinho, o PS “está solidário com os investigadores portugueses”, partilhando com eles “a mesma visão de futuro para Portugal – um país com um futuro baseado no conhecimento, na inovação e nas competências”.

“O Governo está a hipotecar o nosso futuro, fazendo com que os mais qualificados sejam obrigados a emigrar. Por outro lado, desvaloriza o trabalho dos que cá ficam, pressionando para uma baixa de salários”, apontou.

Nas suas declarações, Carlos Zorrinho disse ainda que o Governo “vê sinais positivos no empobrecimento”, facto que, pelo contrário, para o PS, “é um sinal tragicamente negativo”.

“O ajustamento feito através do empobrecimento tem como único significado que os sacrifícios pedidos aos portugueses são para sempre e não têm fim. O PS defende o ajustamento pelo crescimento, pelo conhecimento e pela inovação”, acrescentou o dirigente socialista.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Santander encerrou 60 balcões em 2020 e prevê fechar mais 30 até março

O Santander encerrou 60 balcões em 2020 e estima fechar mais cerca de 30 este trimestre, numa adaptação ao modelo de negócio que diz obrigatória para sobreviver. A Comissão Executiva do Santander, que assina a carta enviada …

Instituto Pasteur interrompe desenvolvimento de vacina

O Instituto Pasteur anunciou esta segunda-feira ter parado o desenvolvimento do seu principal projeto de vacina contra a covid-19, porque os primeiros ensaios demonstraram ser menos eficaz do que se esperava. Um outro agente francês, o …

Maduro anuncia "gotas milagrosas" 100% eficazes contra a covid-19

Este domingo, o Presidente venezuelano Nicolás Maduro apresentou um suposto medicamento desenvolvido no país que descreveu como "gotas milagrosas", 100% eficazes contra a covid-19. O Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, apresentou este domingo umas gotas que …

Associação de Juízes pede urgência na aprovação de lei sobre suspensão de prazos processuais

A Associação Sindical dos Juízes Portugueses (ASJP) pediu esta segunda-feira ao Governo e ao parlamento a "maior urgência" na aprovação da proposta de lei que determina a suspensão dos prazos nos processos judiciais não urgentes. Segundo …

Marisa Matias e João Ferreira ficam sem subvenção pública

As candidaturas de João Ferreira e Marisa Matias não vão receber a subvenção pública para financiar as suas campanhas eleitorais, uma vez que ficaram abaixo dos 5%, a fasquia imposta pela lei para ter acesso …

Misericórdias de Viseu apelam ao bom senso na vacinação

O presidente do secretariado regional de Viseu da União das Misericórdias disse esta segunda-feira à agência Lusa que na vacinação contra a covid-19 “tem de haver bom senso” e explicou que, quando sobram vacinas, “têm …

Quatro futebolistas e presidente do Palmas morrem em queda de avioneta no Brasil

Quatro futebolistas e o presidente do Palmas morreram ontem num acidente de aviação a caminho de Goiânia, onde a equipa da quarta divisão brasileira ia defrontar o Vila Nova na Taça Verde. "Lamentamos informar que não …

Marcelo bate recorde de Mário Soares. É o primeiro a ganhar em todos os concelhos

Marcelo Rebelo de Sousa foi o primeiro candidato a ganhar todos os concelhos numas eleições presidenciais em democracia. O candidato a Presidente da República e reeleito para o cargo, Marcelo Rebelo de Sousa, ganhou a votação …

Portugal regista mais 252 mortes e 6.923 casos de covid-19

Portugal registou, esta segunda-feira, mais 252 mortes e 6.923 novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral da Saúde, …

Pintor Francisco Gaia morre aos 87 anos

O pintor e escultor Francisco Gaia, que realizou exposições nos Estados Unidos, Holanda e Portugal, morreu no sábado, em Vila Franca de Xira, aos 87 anos, vítima de covid-19, disse a família à agência Lusa …