Projeto piloto leva telefones às celas das cadeias de Tires e Linhó

Mário Cruz / Lusa

Vão começar a ser instalados, ainda neste ano, telefones nas celas das prisões de Tires e Linhó, um projeto piloto que vai durar seis meses, indicou nesta quarta-feira o diretor geral das prisões, Rómulo Mateus.

À Renascença Rómulo Mateus explicou que a medida, importada de França, visa reduzir o tráfico de telemóveis, as tensões entre guardas e detidos e o número de suicídios. “Agora é só uma questão técnica e tem de haver um enquadramento legislativo que permita sairmos deste paradigma que temos de uma chamada por dia durante cinco minutos, que não serve os interesses de ninguém”, indicou.

Segundo o responsável, as cablagens e os equipamentos serão instaladas dentro de “alguns meses”, devendo o projeto começar a funcionar “ainda neste ano”.

A cada três meses, rusgas nas cadeias. É “uma rusga maior, mais generalizada, com o apoio do grupo de intervenção e segurança prisional, com o grupo de cinotecnia”, explicou no programa As Três da Manhã. Nestas rusgas são encontrados, por exemplo, telemóveis, droga, seringas, bebida fermentada, apontou.

O diretor reconheceu a falta de guardas prisionais. “Quando temos 49 estabelecimentos prisionais, alguns muito pequenos, torna-se difícil dizer que temos um número suficiente de guardas. Mas estamos empenhados e temos o apoio da tutela para entrar num programa rotineiro de recrutar os meios necessários de segurança e vigilância”, adiantou.

Relativamente aos meios, Rómulo Mateus indicou: “Olhemos para as equipas de reinserção social, olhemos para os centros educativos, para os serviços centrais, onde são necessárias viaturas dos serviços gerais, que estão todas muito envelhecidas: frequentemente ou o conta-quilómetros já deu a volta ou são viaturas todas do século passado”.

“A frota automóvel é um sério problema desta direção geral. Precisamos urgentemente de renovar as carrinhas celulares, mas também as viaturas de serviços gerais”, sublinhou.

Relativamente ao processo de construção da nova cadeia de Ponta Delgada, o diretor dos serviços prisionais explicou que esta “tem uma dificuldade natural: um cone de escórias basálticas – ditas bagacinas – que têm que ser removidas. O concurso para remoção entrou em derrapagem por questões legais e, tanto quanto sei, foi anulado”.

“Vamos, portanto, ter de retomar esse processo, porque o terreno tem de ser preparado para receber um estabelecimento prisional que albergará entre 400 e 500 reclusos”, concluiu o responsável.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Pelo menos 17 mortos e 400 feridos em explosões na Guiné Equatorial

Pelo menos 17 pessoas morreram e outras 400 ficaram feridas após várias explosões registadas, este domingo, num quartel militar na cidade de Bata, na Guiné Equatorial, informaram as autoridades. De acordo com dados do Ministério da …

Marques Mendes antecipa desconfinamento a 15 de março. Creches e 1º ciclo são os primeiros a abrir

No seu habitual espaço de comentário na SIC, Luís Marques Mendes revelou, este domingo, que as creches, pré-escolar e 1º ciclo deverão abrir já a 15 de março. Segundo o comentador, o plano que vai ser …

Olivier Dassault, deputado bilionário francês, morre em acidente de helicóptero

O deputado francês Olivier Dassault, neto do fundador da Dassault Aviation, morreu este domingo, aos 69 anos, num acidente de helicóptero, no nordeste de França, avança a Agência France-Press (AFP). O acidente aconteceu este domingo perto …

Teoria ensinada na escola pode estar errada. Há um "núcleo mais interno" no centro da Terra

Uma equipa de investigadores da Universidade Nacional da Austrália confirmou, rastreando milhares de modelos numéricos, a existência do "núcleo mais interno" nas profundezas da Terra.  Na escola, os estudantes costumam aprender que o planeta Terra é …

Sonda passa ao lado de Vénus, tira-lhe uma fotografia e surpreende cientistas da NASA

A imagem obtida pelo Wide-field Imager (WISPR) da Parker Solar Probe foi capturada a 12.380 quilómetros de Vénus. A Parker Solar Probe, da NASA, capturou vistas deslumbrantes de Vénus em julho de 2020. O alvo da …

Cientista descobre espécie extinta de ganso através de uma pintura egípcia

Uma famosa pintura que estava originalmente no túmulo do príncipe egípcio Nefermaat levou um cientista a descobrir uma espécie de ganso já extinta. A cena "gansos de Meidum", originalmente pintada no túmulo do príncipe Nefermaat, encontra-se …

Físico cria algoritmo de IA que pode provar que a realidade é uma simulação

Hong Qin, do Laboratório de Física de Plasma de Princeton (PPPL) do Departamento de Energia dos EUA, criou um algoritmo de Inteligência Artificial que pode provar que a realidade é, na verdade, uma simulação. O algoritmo …

Quase 10 anos depois, avião de Gaddafi continua parado num aeródromo em França

Quase uma década depois de ter aterrado em solo francês, o avião presidencial do ex-ditador líbio continua parado num aeródromo no sul do país, estando no meio de vários processos judiciais que parecem não ter …

Governo recebeu 1.600 ideias para a bazuca. Costa agradece mobilização

Durante a fase de discussão pública, o Plano de Recuperação e Resiliência recebeu mais de 1.600 contribuições e mais de 65 mil consultas. O primeiro-ministro António Costa disse que, durante a fase de discussão pública, …

"Honjok" é o nome do movimento sul-coreano que reivindica a solidão

A solidão tornou-se um tema recorrente devido à pandemia de covid-19. Na Coreia do Sul, existe um movimento chamado "honjok", que promove um estilo de vida solitário. O isolamento imposto pela pandemia de covid-19 está a …