Progressão nas carreiras dos professores em 2019 em risco

Rodrigo Antunes / Lusa

Os professores correm o risco de não ver, durante o ano de 2019, satisfeita nenhuma exigência sobre o reconhecimento da contagem do tempo de serviço para efeitos na progressão na carreira.

De acordo com o jornal Público, que ouviu um membro do Executivo de António Costa, as alterações introduzidas no Orçamento do Estado para 2019, apenas obrigam o Governo a voltar a negociar com os professores, sem quaisquer limites, prazos ou regras.

Ou seja, caso o diploma que reconhece aos professores dois anos, nove meses e dezoito dias de tempo de serviço seja vetado pelo Presidente da República ou chumbado numa apreciação parlamentar, os docentes podem ficar mesmo sem nada.

“Ao contrário do que disseram, não alteraram coisa nenhuma. Os partidos parlamentares fizeram uma verdadeira rábula sobre a carreira dos professores”, afirmou a fonte ouvida pelo matutino, garantindo que “o que foi aprovado não acrescenta nada, é igual ao que estava no Orçamento de 2018”.

De acordo com o membro do Governo, ao chumbar o ponto 2 da proposta do PCP, que exigia uma ‘solução legal que assegure a consideração integral do tempo de serviço’, a Assembleia da República confirmou que o Governo “não está obrigado a aceitar os nove anos, quatro meses e nove dias [que os professores exigem ver reconhecidos]”. “Não enganem os professores!”, disse.

A mesma fonte, que não se identificou ao Público, recordou ainda que depois do Orçamento do Estado aprovado, o Parlamento não pode aumentar a despesa pública.

Trata-se, no fundo, de uma indicação vazia. Em causa, apontou a fonte, está o facto de, nas votações na especialidade, ter sido chumbado o ponto 2 da alteração ao artigo 30º do OE proposta pelo PCP onde ficava explícito que “o cumprimento do disposto no número anterior considera-se verificado com a definição da solução legal que assegure a consideração integral do tempo de serviço”.

Sem esta norma, bem como outras normas da proposta do PCP, do BE e do CDS que se referiam ao tempo que devia ser reconhecido e ao modo de o pagar, nota o Público, o Governo apenas está comprometido a negociações genéricas indicadas nos primeiros pontos das propostas de alteração aprovadas e apresentadas pelo PSD, CDS e PCP.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. A montanha pariu um rato. Os professores estrebucham mas não aguentam mais de dois dias em greve. O governo agradece a fraca resistência. Os estivadores de Setúbal obrigaram a ministra a sentar-se.

RESPONDER

Libertação de água em Fukushima tem "potencial para danificar o ADN humano"

A Greenpeace, uma organização ambiental internacional, avisou através de um relatório que a água contaminada que poderá ser lançada no mar pela usina nuclear de Fukushima contém carbono radioativo que pode danificar o ADN humano. De …

Liga dos Campeões: 32 equipas, 32 jogadores que podem brilhar

O melhor jogador da Liga portuguesa está na lista. Internacional português do Manchester City também entra nas escolhas. A Liga dos Campeões já arrancou, desta vez numa velocidade diferente, já que vai haver jogos em quase …

Facebook prepara medidas para controlar possível agitação eleitoral

Equipas do Facebook estão a analisar a possibilidade acalmar o conflito eleitoral nos Estados Unidos (EUA), implementando ferramentas internas projetadas para o que chama de países "em risco". Segundo fontes ligadas à empresa, citadas pelo Wall …

Vítor Aguiar e Silva é o vencedor do Prémio Camões 2020

O professor e ensaísta Vítor Manuel de Aguiar e Silva é o vencedor do Prémio Camões 2020, anunciado hoje pela ministra da Cultura, após reunião do júri. O Prémio Camões de literatura em língua portuguesa foi …

Football Leaks. José Miguel Júdice chama "ladrão" a Rui Pinto em tribunal

O antigo sócio fundador da sociedade de advogados José Miguel Júdice chamou esta terça-feira “ladrão” a Rui Pinto, denunciando a “violência moral e psicológica” do criador do ‘Football Leaks’ na 17.ª sessão do julgamento. “Fui visitado …

Josep Maria Bartomeu demite-se da presidência do Barcelona

Josep Maria Bartomeu apresentou, juntamente com o resto da direção do Barcelona, a demissão da liderança do clube. Bartomeu era contestado por vários adeptos e jogadores. A direção do FC Barcelona, liderada por Josep Maria Bartomeu, …

Navigator antecipa subsídio de Natal e dá prémios aos trabalhadores em ano de lucro de 20 milhões

A empresa portuguesa Navigator anunciou que vai pagar os subsídios de Natal mais cedo e distribuir prémios pelos trabalhadores. Decisão que surge em ano de pandemia, mas quando a empresa se apresta para divulgar um …

Governo prepara alargamento dos prazos para trocar prendas de Natal

O Governo espera dar mais 30 a 45 dias úteis, a contar a partir de 25 de dezembro, para trocas e devoluções de prendas de Natal. O Correio da Manhã avança, esta terça-feira, que o Governo …

Juan Carlos quer regressar a Espanha. Amigos dizem que tem receio de morrer fora do país

Hospedado nos Emirados Árabes Unidos, a rotina de Juan Carlos varia entre os seus aposentos e as idas ao ginásio. Contudo, o rei emérito está "extremamente" aborrecido na Ásia e tem receio da morte fora …

Justiça brasileira aceita nova acusação de branqueamento de capitais contra Lula da Silva

A Justiça brasileira aceitou uma nova acusação contra o ex-Presidente Lula da Silva, pelo alegado crime de branqueamento de capitais através de falsas doações do grupo Odebrecht, informou na segunda-feira o Ministério Público (MP). A acusação, …