Produção de vacina contra hepatite parada na China após 14 mortes

World Bank / Flickr

-

As três principais fabricantes chinesas de vacinas contra a hepatite B pararam a produção devido a problemas de homologação, depois de, nas últimas semanas, pelo menos 14 recém-nascidos terem morrido após serem inoculados, informou hoje a agência oficial Xinhua.

As empresas afectadas são a BioKangtai, a Tiantan e a Dalian Hissen, mas as investigações em torno do caso prosseguem, dado que, apesar de ainda não ter sido determinada, com clareza, a causa das mortes, sabe-se que os bebés foram vacinados com uma das três marcas pouco antes de morrerem.

As três marcas produzem, em conjunto, 80% das vacinas contra a hepatite B administradas na China, onde sete empresas, incluindo multinacionais, se dedicam à produção deste tipo de fármaco.

A Administração Estatal para Supervisão de Alimentos e Medicamentos indicou que as três empresas não cumprem os padrões de boas práticas, estabelecidos em 2010, os quais estipulam que os fabricantes que não receberam homologação na data limite de finais de 2013 devem parar a sua produção em 2014.

O programa de imunização nacional chinês exige que a vacina contra a hepatite B seja administrada 24 horas depois do nascimento e, de novo, no primeiro e no sexto mês.

A hepatite B constitui um grave problema de saúde pública na China, onde se calcula que 130 milhões de pessoas sejam portadoras do vírus (quase um em cada dez habitantes) e 30 milhões tenham desenvolvido a doença.

Para tentar reduzir estes grandes números, o país tem lançado campanhas de vacinação infantil massiva, especialmente em zonas mais pobres, bem como campanhas de consciencialização contra a discriminação das pessoas afectadas pela doença.

A Organização Mundial de Saúde manifestou, recentemente, a sua preocupação com estes casos, avançando que iria cooperar com as autoridades chinesas nas investigações.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Pela primeira vez em 10 anos, a Wikipédia vai mudar de aparência

A icónica Wikipédia vai, pela primeira vez em 10 anos, ser modificada para tornar o site mais acessível - e menos "assustador" - para novos utilizadores. A Wikipédia tem sido parte integrante da cultura da web …

Encontrados medicamentos ilegais em suplementos para o cérebro

Cientistas encontraram medicamentos ilegais, não aprovados nos Estados Unidos, em suplementos que alegadamente melhoram o desempenho cognitivo. Clareza mental, criatividade aprimorada e uma memória extremamente nítida são algumas das promessas feitas a quem compra suplementos de …

Voluntários oferecem-se para cumprir pena de jovem acusado de blasfémia

Num ato de solidariedade, 120 voluntários pediram para cumprir a pena de um jovem nigeriano condenado a 12 anos de prisão por blasfémia. Entre os voluntários está o diretor do Memorial de Auschwitz. Ao todo, 120 …

ADN ajuda a identificar assassino em série num dos mais infames casos da Austrália

Uma amostra de ADN ajudou a justiça australiana a considerar um homem como culpado pelo assassinato de duas mulheres na década de 1990, encerrando um caso que permaneceu sem solução durante quase 25 anos. Durante quase …

Mais 665 casos e nove mortes por covid-19 em Portugal

Portugal regista, este domingo, mais 665 novos casos positivos e nove mortes por covid-19, segundo boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Assim, desde o início da pandemia, Portugal conta com 73.604 infetados e 1.953 …

De guerreiros a anciões. Grupo étnico no Quénia faz cerimónia única de "transformação"

Milhares de homens Maasai vestidos com xales vermelhos e roxos e com as suas cabeças revestidas de ocre vermelho reuniram-se esta semana para uma cerimónia que os transforma de Moran (guerreiros) em Mzee (anciãos). De acordo …

Há 60 anos, Richard Nixon tricou uma sanduíche (e este homem guardou-a desde então)

Há 60 anos, o então vice-Presidente dos Estados Unidos, Richard Nixon, trincou uma sanduíche - e Steve Jenne, um homem que vive em Illinois, guardou-a os restos desde então. De acordo com o The New York …

Coreia do Norte adverte Sul para não procurar nas suas águas oficial assassinado

A Coreia do Norte pediu hoje à Marinha sul-coreana que deixe de entrar nas suas águas territoriais, numa altura em que Seul procura recuperar o corpo de um oficial sul-coreano morto a tiro no mar …

"Um abandonar dos utentes". Centros de saúde atiram pacientes para farmácias e privados

Sem resposta nos centros de saúde, vários utentes vêm-se obrigados a recorrer ao setor privado e a farmácias. A Entidade Reguladora de Saúde já recebeu várias reclamações. Face à pandemia de covid-19, os centros de saúde …

Polícia treinou uma cadela para farejar provas eletrónicas

No Minnesota, Estados Unidos, a polícia treinou uma cadela para farejar dispositivos eletrónicos. Sota já ajudou a encontrar provas em dez crimes. A polícia estatal do Minnesota treinou uma cadela labrador britânica para farejar dispositivos eletrónicos, …