Conte desistiu. Cottarelli vai formar Governo em Itália

Alessandro Di Meo / EPA

O primeiro-ministro italiano, Giuseppe Conte, desistiu de formar governo. Conte anunciou ao Presidente italiano, Sergio Mattarella, que se recusaria a formar um executivo sem a sua escolha para os assuntos económicos. Entretanto, Mattarella nomeou um antigo responsável do FMI para liderar um governo transitório até à realização de novas eleições no país.

Paolo Savona foi o nome vetado por Mattarella para ocupar o cargo de ministro da Economia e Finanças, por assumir posições euro-céticas e mostrar indisponibilidade para aplicar a receita europeia para corrigir os desvios económicos do país.

Segundo o Sol, o cenário mais provável é agora a realização de novas eleições em Itália.

O líder da extrema-direita, Matteo Salvini, pediu de imediato uma nova ida às urnas. “A Itália não é uma colónia, não somos escravos dos alemães ou franceses, dos spreads ou da Finança”, escreveu no Twitter.

“A palavra deve regressar a vós”, vincou o líder do partido nacionalista Liga, apontando o caminho das eleições antecipadas.

Também Luigi Di Maio, líder do Movimento 5 Estrelas, deixou críticas à decisão de Mattarella. “Temos um problema democrático: não vivemos numa democracia livre”, disse.

“Sou há muito um grande admirador de Mattarella, mas isto trata-se de uma decisão incompreensível”, reiterou. Di Maio, ao contrário de Salvini, defende um segundo projeto de Governo ao invés da realização de novas eleições.

De acordo com o Público, Mattarella declarou que ninguém o pode acusar de não ter tentado, ao longo dos últimos dois meses, de fomentar a criação de um novo Governo, mesmo que esta dependesse da combinação do partido anti-sistema, 5 Estrelas, e da extra-direita, Liga, os dois partidos mais votados nas últimas eleições de Março.

Cottarelli aceita ser primeiro-ministro

Esta segunda-feira, Mattarella encarregou Carlo Cottarelli, um antigo responsável do Fundo Monetário Internacional (FMI) de formar um Governo tecnocrata, anunciou a presidência. “O Presidente Mattarella recebeu o doutor Cottarelli e pediu-lhe que formasse um Governo”, anunciou aos jornalistas o secretário-geral da presidência, Ugo Zampetti.

O antigo diretor para os assuntos orçamentais do FMI afirmou, citado pela Reuters, que o seu principal objetivo será aprovar o Orçamento de Estado para o próximo ano e prometeu ainda formar um Governo “rapidamente”.

“Vou apresentar-me ao Parlamento com um programa que – se receber “luz verde” – vai incluir a aprovação do Orçamento do Estado. Depois o Parlamento será dissolvido com eleições no início de 2019″, afirmou.

De acordo com o Jornal de Negócios, Carlo Cottarelli só aceitará liderar o próximo Governo caso vença uma moção de confiança no Parlamento. Se isso não acontecer as eleições antecipadas decorrerão já em agosto.

“Na ausência da confiança do Parlamento, o Governo demite-se imediatamente e a sua função será a gestão corrente até às eleições que ocorrerão em Agosto”, declarou.

Carlo Cotarelli é atualmente diretor do Observatório das Contas Públicas da Universidade Católica de Milão e foi diretor do Departamento de Assuntos Fiscais do Fundo Monetário Internacional (FMI).

Em 2013, o então chefe do Governo, Enrico Letta, nomeou Cotarelli comissário para a implementação de um plano de redução dos gastos públicos, cargo que manteve até à tomada de posse de Matteo Renzi como primeiro-ministro.

Cottarelli é um dos economistas mais críticos das propostas económicas do programa de Governo acordado entre a Liga Norte e o Movimento 5 Estrelas.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Europa tem que ser o seu "próprio Plano Marshall". Centeno defende solução sem o "estigma" da austeridade

Mário Centeno continua a incentivar uma solução conjunta assente na ideia da solidariedade europeia perante "uma crise inesperada e sem precedentes" devido à pandemia de Covid-19. Como presidente do Eurogrupo, o ministro das Finanças de …

Há mais de 10 mil infetados em Portugal e mais 20 mortes

O boletim epidemiológico da Direção-geral da Saúde deste sábado regista 10.524 casos de infeção por covid-19 em Portugal. Há mais 20 mortes, num total de 266 óbitos. Nas últimas 24 horas, até à meia-noite, foram registados …

Quase meio milhão de portugueses estão em lay-off. "Sistema é errado", diz Francisco Louçã

Uma semana depois de o Governo ter aberto a porta ao lay-off simplificado, mais de 22 mil empresas já recorreram a este novo regime. Atualmente, há 425.287 trabalhadores nessa situação. Francisco Louçã considera este sistema …

Costa "chocado" com caso da morte no aeroporto. Enfermeira, médico e polícias também investigados

Além dos três inspectores do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) que são suspeitos de terem agredido um cidadão ucraniano, que acabou por morrer, também há outros elementos do SEF, um médicos e uma enfermeira, …

Reino Unido ultrapassa número de óbitos da China. Itália ainda não conseguiu inverter a curva

O Reino Unido regista agora um número de óbitos superior ao número registado na China. Em Itália, embora o pico já possa ter sido ultrapassado, o país ainda não conseguiu inverter a curva epidemiológica. Nas últimas …

Keir Starmer substitui Jeremy Corbyn e é o novo líder do Labour

Keir Starmer, de 57 anos, que tem feito parte da equipa de topo de Jeremy Corbyn nos últimos três anos, no papel de secretário sombra do Brexit, é o novo líder do Partido Trabalhista. De acordo …

Marcelo vai pedir "apoio rápido e robusto" aos cinco maiores bancos do país

Marcelo Rebelo de Sousa vai reunir-se na próxima segunda-feira com os presidentes dos cinco maiores bancos portugueses para discutir o apoio que a banca pode dar às empresas e famílias. De acordo com semanário Expresso, o …

Turquia retém avião com ventiladores para Espanha

A ministra das Relações Exteriores de Espanha, Arancha González Laya, disse esta sexta-feira que as autoridades da Turquia retêm em Ancara um avião oriundo da China com ventiladores, para combater a pandemia de covid-19. A ministra …

Arqueólogos revelam condições horríveis de campo de concentração nazi no Reino Unido

Uma equipa de arqueólogos revelou as condições horríveis de um campo de concentração nazi em Alderney, a ilha britânica mais setentrional do Canal da Mancha, onde estavam prisioneiros políticos e trabalhadores forçados durante a Segunda …

Governo quer reabrir ensino secundário a 4 de maio. Telescola deve arrancar depois da Páscoa

O Governo está a preparar a reabertura das escolas apenas para o ensino secundário para 4 de maio. Ainda falta ouvir a Direção-geral da Saúde, os especialistas, o Conselho Nacional de Educação e o Conselho …