Nova técnica pode ajudar a prever erupções vulcânicas com anos de antecedência

Uma equipa de cientistas desenvolveu uma nova técnica de alerta precoce, baseada em dados de satélite, que poderia ser usada para prever erupções vulcânicas com anos de antecedência.

Com a ajuda de dados de satélite, cientistas da NASA e da Universidade do Alasca criaram um novo método que deteta sinais de atividade vulcânica anos antes das erupções. Além disso, os dados orbitais podem ajudar a comunidade científica a descobrir quais vulcões devem ser equipados com equipamentos sensíveis de monitorização terrestre.

“A nova metodologia é baseada num aumento subtil, mas significativo nas emissões de calor em grandes áreas de um vulcão nos anos que antecederam a sua erupção”, disse o autor principal Társilo Girona, ex-membro do Jet Propulsion Laboratory (JPL), em comunicado.

“Isso permite-nos ver que um vulcão voltou a despertar, muitas vezes muito antes de os outros sinais aparecerem”, completou. O artigo científico com os resultados foi publicado em março na Nature Geoscience.

A equipa analisou cerca de 16 anos de dados espectrais de calor radiante de espectrorradiómetros de imagem de resolução moderada (MODIS) a bordo dos satélites Terra e Áqua da NASA, para vários tipos de vulcões que entraram em erupção nas últimas duas décadas.

Apesar das diferenças entre os vulcões, os resultados foram consistentes: nos anos anteriores à erupção, a temperatura radiante da superfície de grande parte do vulcão aumentou cerca de 1 grau Celsius em relação ao seu estado normal. Os cientistas observaram ainda que a temperatura diminuiu após cada erupção.

“Não estamos a falar de pontos quentes, mas sim do aquecimento de grandes áreas de vulcões”, disse o coautor Paul Lundgren, do JPL. “Provavelmente, o calor está relacionado com processos fundamentais que ocorrem em profundidade.”

Os cientistas acreditam que o aumento do calor pode resultar da interação entre os depósitos de magma e os sistemas hidrotérmicos.

O magma contém gases e outros fluidos. Quando sobe através de um vulcão, os gases difundem-se para a superfície e podem emitir calor. Da mesma forma, essa desgaseificação pode facilitar o fluxo ascendente das águas subterrâneas e o aumento do lençol freático, assim como a circulação hidrotérmica, que pode aumentar a temperatura do solo.

Os investigadores salvaguardam que podem também estar em jogo outros processos, uma vez que a compreensão do comportamento dos vulcões ainda permanece limitada.

Liliana Malainho, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Espanha vai administrar terceira dose da vacina

Espanha anunciou esta sexta-feira que será administrada uma terceira dose da vacina contra a covid-19, embora ainda não haja data prevista. Carolina Darias, ministra da Saúde espanhola, anunciou esta sexta-feira que será administrada uma terceira dose …

Portugal com mais 3.794 casos de covid-19 e 16 mortes

Portugal registou, esta sexta-feira, 3.794 novos casos e 16 mortes na sequência da infeção por covid-19, de acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Segundo o último boletim da Direção-Geral da Saúde, o …

Deputada expulsa do parlamento britânico por chamar “mentiroso” a Boris Johnson

A deputada do Partido Trabalhista, Dawn Butler, foi esta quinta-feira expulsa da Câmara dos Comuns, a câmara baixa do Parlamento britânico, por chamar "mentiroso" ao primeiro-ministro, Boris Johnson. Butler foi expulsa pela presidente adjunta temporária, Judith …

UGT dispara contra o Governo. "Exemplo vem sempre de quem está no topo"

Numa carta aberta ao primeiro-ministro, a UGT criticou a atitude de vários ministros, a destruição de milhares de postos de trabalho durante a pandemia e alertou para a suspeita de existir cartelização entre os grandes …

Greve de fome de 470 pessoas em Bruxelas termina 60 dias depois

Em Bruxelas, mais de 470 pessoas deram por terminada uma greve de fome que durou dois meses. O governo belga disse que não pode ceder a chantagens e saudou a boa decisão. Nos últimos dois meses …

Estados Unidos anunciam novas sanções a Cuba. “É apenas o início”

Sanções dos Estados Unidos a Cuba têm como objetivo castigar “os indivíduos responsáveis pela opressão da população cubana”. Ministro dos Negócios Estrangeiros cubano, numa reação, fala em medidas "sem fundamento e caluniosas" e pede que …

Militantes do Chega acusados de agredir homossexual em Viseu

Militantes do Chega são acusados de terem agredido um homem homossexual no final da tarde de quarta-feira, na rua, em Viseu. Segundo informação avançada pelo Expresso, os agressores são afetos à candidatura do partido de …

Só Portugal e Lituânia é que ainda não têm 5G na União Europeia

Portugal e a Lituânia eram os dois países da União Europeia (UE) sem serviços de quinta geração (5G) no final de junho, de acordo com último relatório do Observatório Europeu para o 5G. "No final de …

Número três do Benfica suspeito de fraude fiscal

Os investigadores da Operação Saco Azul suspeitam que o Benfica desviou 1,4 milhões de euros, dos 1,8 milhões que pagou à empresa informática Questão Flexível. O semanário Expresso avança, na sua edição desta sexta-feira, que o …

OE2022: PCP já reuniu com o Governo, mas chuta discussões para pós-autárquicas. BE resgata propostas

O Governo já começa a apalpar terreno à esquerda para as negociações do Orçamento do Estado para 2022. O executivo reuniu com o PCP, mas o partido diz que só negoceia após as autárquicas. BE …