Presidente do Equador acusa Assange de tentar usar embaixada como “centro de espionagem”

Stringer / EPA

O Presidente do Equador, Lenin Moreno, acusou Julian Assange, fundador do WikiLeaks, de ter tentado usar a embaixada equatoriana em Londres “como um centro de espionagem” e de violar “repetidas vezes” as condições de asilo.

“Não podemos permitir que a nossa casa, a casa que as abriu as suas portas, se torne num centro de espionagem”, afirmou o chefe de Estado do Equador, citado pelo The Guardian. “Esta atividade viola as condições de asilo. A nossa decisão [de pôr fim ao asilo] não é arbitrária, baseia-se antes no direito internacional”.

Na passada quinta-feira, o fundador do portal foi retirado da embaixada equatoriana em Londres, onde estava asilado há quase sete anos, pela polícia britânica. A sua prisão abriu assim caminho para uma eventual extradição para os Estados Unidos.

Tal como recorda o jornal britânico, o relacionamento de Assange com os seus anfitriões entrou em colapso depois de o Equador ter acusado o fundador do Wikileaks de obter informações sobre a vida pessoal de Lenin Moreno.

O presidente do Equador negou estas acusações, lamentando que Assange tivesse usado a embaixada para interferir nas democracias de outros países.

“Qualquer tentativa de desestabilização é um ato repreensível para o Equador, porque somos uma nação soberana e respeitamos a política de cada país”, acrescentou Moreno, numa declaração via e-mail, ao diário The Guardian.

Moreno apontou ainda o “comportamento higiénico inadequado” de Assange na embaixada, revelando ainda que os seus “problemas de saúde” acabaram também por ditar o fim da sua estadia no edifício diplomático.

“[Assange] manteve um constante comportamento higiénico inadequado ao longo da sua estadia, o que afetou a sua própria saúde e o clima interno da missão diplomática. Além disso, tinha problemas de saúde que deveriam também ser resolvidos”, afirmou.

Nunca tentamos expulsar Assange, tal como alguns atores políticos querem que todos acreditem. Dadas as constantes violações de protocolos e ameaças, o asilo político tornou-se insustentável”, completou o Presidente do Equador.

As acusações do Presidente do Equador foram rapidamente contestadas pela advogada de Assange, Jennifer Robinson. “Acho que a primeira coisa a dizer é que o Equador fez algumas alegações ultrajantes nos últimos dias, para justificar o que foi um ato ilegal e extraordinário ao permitir que a polícia britânica entrasse numa embaixada“, afirmou.

Assange quer cooperar com Suécia

Nesta segunda-feira Jennifer Robinson adiantou ainda que o fundador do WikiLeaks está preparado para cooperar com as autoridades suecas caso peçam a sua extradição, sublinhando que a prioridade é evitar a extradição para os EUA.

Julian Assange está preso em Londres, depois de ter sido detido na quinta-feira. O ativista pediu asilo político na embaixada em agosto de 2012 para não ser extraditado para a Suécia, onde era acusado de violação, num caso entretanto arquivado.

O cidadão australiano de 47 anos foi detido devido a um mandado de extradição norte-americano por “pirataria informática”, que será analisado numa audiência judicial a 02 de maio, e a um mandado emitido em junho de 2012 pela justiça britânica por não-comparência em tribunal, um crime passível de ser punido com um ano de prisão.

Assange já disse que vai “contestar e combater” o pedido de extradição, declarou à imprensa, após a sua comparência em tribunal, a sua advogada Jennifer Robinson, para quem a detenção de Julian Assange “cria um perigoso precedente para os órgãos de comunicação social e os jornalistas” em todo o mundo.

O australiano é formalmente acusado nos Estados Unidos de associação criminosa com vista a cometer “pirataria informática”, punível com uma pena máxima de cinco anos de prisão, revelou esta segunda-feira o Departamento de Justiça norte-americano.

É também acusado de ter ajudado a ex-analista dos serviços secretos norte-americanos Chelsea Manning a obter uma palavra-passe para aceder a milhares de documentos classificados como segredos de defesa.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Britânico é absolvido por estar sonâmbulo durante a agressão sexual

Um britânico com 21 anos entrou na cama onde o melhor amigo e a namorada dormiam e iniciou contactos sexuais com esta. O indivíduo foi absolvido num tribunal em York, Inglaterra, porque a situação ocorreu …

Piratas de Edelweiss. A resistência de jovens que pôs açúcar no combustível dos tanques nazis

Os Piratas de Edelweiss foram um grupo de jovens da resistência alemã ao regime nazi durante a Segunda Guerra Mundial. Passaram despercebidos historicamente, mas foram uma peça importante na vitória dos Aliados. Durante a História da …

Nova espécie de dinossauro carnívoro identificada na Península Ibérica

Uma nova espécie de dinossauro carnívoro foi identificada na província de Castellon, em Espanha, o primeiro representante do grupo na Península Ibérica a que deram o nome de Vallibonavenatrix cani. A espécie habitou a Península Ibérica …

Lavar a loiça ou fazer jardinagem ajuda idosos a viverem mais tempo

Bastam pequenas mudanças nos hábitos do dia-a-dia - como ar um passeio na rua, lavar a loiça ou fazer jardinagem - para aumentar a longevidade na população mais idosa, concluiu uma investigação de uma universidade …

Apple lançou um cartão de crédito. Mas desaconselha andar com ele

A Apple lançou um cartão de crédito que dá aos utilizadores cerca de 2% do valor de cada compra de volta mas é quase impossível transportar o cartão sem o estragar, pelo menos sem danificar …

Município alemão está a oferecer um milhão de euros a quem provar que a cidade não existe

Uma cidade na Alemanha está a oferecer um milhão de euros à primeira pessoa que fornecer "provas incontestáveis" de que aquele local não existe. Autoridades em Bielefeld, a cerca de 100 quilómetros de Hanover, estão a …

Altice diz que decisão da Anacom na migração da TDT é "ambígua, omissa e vaga"

Em causa está o processo de libertação da faixa 700 MHz da televisão digital terrestre, necessário para o desenvolvimento do 5G, e que tem sido criticado pelo grupo. A Altice Portugal considera que o sentido provável …

Fitbit vai oferecer rastreadores a toda a população de Singapura

A empresa norte-americana Fitbit anunciou uma parceria com o Conselho de Promoção de Saúde de Singapura numa iniciativa de saúde pública, a Live Healthy SG, que fornecerá aos 5,6 milhões de habitantes do país rastreadores …

Japão acusa Coreia do Sul de minar confiança ao colocar fim na partilha de dados militares

O primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, acusou esta sexta-feira a Coreia do Sul de minar a confiança entre os dois países ao cancelar um acordo de partilha de informações militares. As declarações de Shinzo Abe foram proferidas …

Há uma nova denúncia contra Harvey Weinstein

O produtor de cinema Harvey Weinstein, que enfrenta dois processos por agressão sexual em Nova Iorque, terá uma nova audiência na próxima segunda-feira para ser informado de uma nova denúncia apresentada, informou na quinta-feira o …