Presidente do Equador acusa Assange de tentar usar embaixada como “centro de espionagem”

Stringer / EPA

O Presidente do Equador, Lenin Moreno, acusou Julian Assange, fundador do WikiLeaks, de ter tentado usar a embaixada equatoriana em Londres “como um centro de espionagem” e de violar “repetidas vezes” as condições de asilo.

“Não podemos permitir que a nossa casa, a casa que as abriu as suas portas, se torne num centro de espionagem”, afirmou o chefe de Estado do Equador, citado pelo The Guardian. “Esta atividade viola as condições de asilo. A nossa decisão [de pôr fim ao asilo] não é arbitrária, baseia-se antes no direito internacional”.

Na passada quinta-feira, o fundador do portal foi retirado da embaixada equatoriana em Londres, onde estava asilado há quase sete anos, pela polícia britânica. A sua prisão abriu assim caminho para uma eventual extradição para os Estados Unidos.

Tal como recorda o jornal britânico, o relacionamento de Assange com os seus anfitriões entrou em colapso depois de o Equador ter acusado o fundador do Wikileaks de obter informações sobre a vida pessoal de Lenin Moreno.

O presidente do Equador negou estas acusações, lamentando que Assange tivesse usado a embaixada para interferir nas democracias de outros países.

“Qualquer tentativa de desestabilização é um ato repreensível para o Equador, porque somos uma nação soberana e respeitamos a política de cada país”, acrescentou Moreno, numa declaração via e-mail, ao diário The Guardian.

Moreno apontou ainda o “comportamento higiénico inadequado” de Assange na embaixada, revelando ainda que os seus “problemas de saúde” acabaram também por ditar o fim da sua estadia no edifício diplomático.

“[Assange] manteve um constante comportamento higiénico inadequado ao longo da sua estadia, o que afetou a sua própria saúde e o clima interno da missão diplomática. Além disso, tinha problemas de saúde que deveriam também ser resolvidos”, afirmou.

Nunca tentamos expulsar Assange, tal como alguns atores políticos querem que todos acreditem. Dadas as constantes violações de protocolos e ameaças, o asilo político tornou-se insustentável”, completou o Presidente do Equador.

As acusações do Presidente do Equador foram rapidamente contestadas pela advogada de Assange, Jennifer Robinson. “Acho que a primeira coisa a dizer é que o Equador fez algumas alegações ultrajantes nos últimos dias, para justificar o que foi um ato ilegal e extraordinário ao permitir que a polícia britânica entrasse numa embaixada“, afirmou.

Assange quer cooperar com Suécia

Nesta segunda-feira Jennifer Robinson adiantou ainda que o fundador do WikiLeaks está preparado para cooperar com as autoridades suecas caso peçam a sua extradição, sublinhando que a prioridade é evitar a extradição para os EUA.

Julian Assange está preso em Londres, depois de ter sido detido na quinta-feira. O ativista pediu asilo político na embaixada em agosto de 2012 para não ser extraditado para a Suécia, onde era acusado de violação, num caso entretanto arquivado.

O cidadão australiano de 47 anos foi detido devido a um mandado de extradição norte-americano por “pirataria informática”, que será analisado numa audiência judicial a 02 de maio, e a um mandado emitido em junho de 2012 pela justiça britânica por não-comparência em tribunal, um crime passível de ser punido com um ano de prisão.

Assange já disse que vai “contestar e combater” o pedido de extradição, declarou à imprensa, após a sua comparência em tribunal, a sua advogada Jennifer Robinson, para quem a detenção de Julian Assange “cria um perigoso precedente para os órgãos de comunicação social e os jornalistas” em todo o mundo.

O australiano é formalmente acusado nos Estados Unidos de associação criminosa com vista a cometer “pirataria informática”, punível com uma pena máxima de cinco anos de prisão, revelou esta segunda-feira o Departamento de Justiça norte-americano.

É também acusado de ter ajudado a ex-analista dos serviços secretos norte-americanos Chelsea Manning a obter uma palavra-passe para aceder a milhares de documentos classificados como segredos de defesa.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Descobertas duas super-Terras na zona habitável de uma das estrelas mais próximas do Sistema Solar

Uma equipa internacional de cientistas encontrou duas super-Terras a orbitar uma das estrelas mais próximas do Sistema Solar. Conduzida pela Universidade de Göttingen, na Alemanha, a equipa de especialistas localizou um sistema formado por pelo …

Sporting 2-1 Gil Vicente | Leão de Plata só sabe vencer

O Sporting cumpriu na recepção ao Gil Vicente, no fecho da 29ª jornada da Liga NOS, e venceu por 2-1, num jogo que pareceu sempre controlado, mas que terminou com emoção. Os “leões” dominaram por completo …

Leões marinhos decapitados estão a dar à costa no Canadá (e ninguém sabe porquê)

Os corpos decapitados de pelo menos cinco leões-marinhos encontrados nas costas de Vancouver, no Canadá, nos últimos meses sugerem que pode haver um serial killer de mamíferos marinhos à solta. O LiveScience relata que pelo menos …

Este japonês é a única pessoa no mundo a ter um mestrado em Estudos Ninja

Um homem japonês tornou-se a primeira pessoa no mundo a ter um mestrado em Estudos Ninja depois de concluir um curso de pós-graduação que envolvia a aprendizagem de artes marciais básicas e escalada de montanhas. De …

Cátio Baldé acusado de comprar vistos para jogadores do Benfica

Cátio Baldé está a ser acusado de corrupção passiva por ter pagado a um funcionário da embaixada portuguesa em Bissau para conseguir vistos para jogadores do Benfica. O empresário admite o crime, mas nega o …

Ex-polícia admite ser "Assassino de Golden State" e declara-se culpado de 13 homicídios

O ex-polícia norte-americano Joseph DeAngelo declarou-se, esta segunda-feira, culpado de 13 homicídios. Mais conhecido como o "Assassino de Golden State", DeAngelo foi preso em 2018, após 40 anos de investigação. A identificação do criminoso apenas foi …

Infarmed garante ter stock de remdesivir, apesar da compra massiva dos EUA

Depois da notícia de que os EUA compraram à empresa Gilead Sciences praticamente toda a reserva para três meses do medicamento remdesivir, o primeiro aprovado no país no tratamento de covid-19, o Infarmed garante que …

Orfão, capturado e apresentado à rainha. A história da mais antiga fotografia de um indígena da Nova Zelândia

Um daguerreótipo - primeiro processo fotográfico do mundo - mantido na Biblioteca Nacional da Austrália é o mais antigo retrato fotográfico conhecido de um indígena maori da Nova Zelândia. Na imagem antiga, um adolescente aparece vestido …

Uma mesa de 490 metros na Charles Bridge. Em Praga, o fim da restrições celebrou-se com um jantar em massa

Os habitantes de Praga, capital da República Checa, construíram uma mesa com quase 490 metros e realizaram um enorme jantar público esta terça-feira para comemorar o fim do bloqueio do coronavírus no país. De acordo com …

Vladimir Putin vai poder governar a Rússia até 2036

Os eleitores russos devem aprovar, com larga maioria, as emendas constitucionais que permitem ao Presidente Vladimir Putin concorrer a outros dois mandatos, de acordo com os primeiros resultados do referendo. A Comissão Central de Eleições disse …