“Um sinal das boas relações”. Presidente de Angola escreveu a António Costa

Laurent Gillieron / EPA

O primeiro-ministro de Portugal, António Costa, e o Presidente da República de Angola, João Lourenço, em Davos, Suíça.

O primeiro-ministro recebeu, esta segunda-feira, do ministro das Relações Exteriores de Angola, uma carta do Presidente angolano, que disse traduzir “um sinal das boas relações” entre os dois países.

Manuel Domingos Augusto entregou esta carta a António Costa no início da reunião entre ambos, nas instalações provisórias do primeiro-ministro português, no Terreiro do Paço, em Lisboa.

Aproveitando a presença da comunicação social para a recolha de imagens no início da reunião, o ministro das Relações Exteriores de Angola anunciou que era portador de uma carta do chefe de Estado angolano, João Lourenço, destinada ao primeiro-ministro português.

Costa recebeu o envelope fechado, em formato A4, tendo Domingos Augusto adiantado logo uma explicação para este ato diplomático. “É um sinal das boas relações” entre os dois países, disse. O teor desta missiva não foi divulgado pelas autoridades angolanas.

Manuel Domingos Augusto foi recebido à entrada para a reunião com António Costa pelo ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, por volta das 12h00.

No final deste encontro, não estão previstas declarações nem do primeiro-ministro português, nem do titular da pasta dos Negócios Estrangeiros de Angola.

António Costa, que esteve em Moçambique entre quarta e sexta-feira da semana passada, deverá realizar uma visita oficial a Angola ainda durante este ano.

  ZAP // Lusa

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.