O preço do barril desce, mas o preço do gasóleo não

Marcelo Camargo / ABr

“Por que razão desce o preço do barril, mas não desce o preço do gasóleo?” A Associação Nacional de Transportes Públicos Rodoviários de Mercadorias (Antram) exige respostas ao Governo.

Esta semana começa com descidas: tanto a gasolina como o gasóleo vão baixar cerca de cêntimo e meio, adianta o Jornal i. Contudo, apesar de ser a sexta semana consecutiva de descida dos preços, os valores praticados em Portugal continuam a ser alvo de polémica.

A Associação Nacional de Transportes Públicos Rodoviários de Mercadorias (Antram) exige ao Governo que tome uma posição e que explique o motivo pelo qual a baixa do preço do barril de petróleo nunca tem correspondência no custo dos combustíveis.

Por que razão desce o preço do barril, mas não desce o preço do gasóleo? Como pode esta situação continuar sistematicamente a acontecer? Que medidas tem a tutela em marcha para reverter a situação?”, questiona, em comunicado, a associação que quer ver estas três perguntas respondidas.

“Se olharmos para a descida do preço do barril de petróleo e para os valores do gasóleo, que continuam elevados, sem acompanhar percentualmente a referida descida, não encontramos justificação possível”, aponta a associação na nota emitida.

“Esta situação é visível no preço do barril que, a 15 de outubro, se situava nos 80,91 euros – rondando, nesta data, o preço médio do gasóleo os 1.404 euros/litro –, e que, um mês depois, a 14 de novembro, se encontra nos 65,58 euros – rondando o preço médio do gasóleo os 1.435 euros/litro. Apesar de estarmos perante uma descida superior a 15 euros, a realidade é que o preço do gasóleo pouco ou nada se alterou – neste caso vemos mesmo uma subida –, quando, na realidade, esta descida deveria de se refletir no preço final do litro de gasóleo”, detalha a Antram.

A associação considera que esta é uma realidade que prejudica o setor dos transportes, que se encontra atualmente numa “situação limite”. Desta forma, a Antram exige ao Governo que sejam aplicadas “medidas que permitam às empresas de transportes e ao setor enfrentar e combater este flagelo“.

Este não é, no entanto, um assunto novo. Em maio deste ano, Portugal tinha a quinta gasolina mais cara da Europa, sendo que mais de metade do preço praticado em território nacional resultava de impostos e taxas.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Continua a mesma vigarice!!! Em Julho de 2008, o petróleo bateu nos 148 dls.o barril!!!Nunca os combustíveis nessa altura chegaram a estes valores.No início de Outubro, bateram os 86 dls. Barril,Agora está 20 dls.mais barato, 66 o barril e quanto baixam os combustíveis?Um mísero 1.5cm.Olha se fosse ao contrário,subiam para aí 50cm.Mas o pior disto tudo, é que a entidade que devia regular alguma coisa, não regula absolutamente nada!!! Cambada de ladrões.

  2. A Antram deve andar a dormir…
    Tudo bem que os combustíveis estão caros, mas será possivel que uma associação de transportes rodoviários não saiba que a cotacão do gasóleo é independente da cotação do petróleo (brent)?!
    Não acredito….
    De qualquer modo, vão lá ver os valores actuais da cotação do gasóleo e irão perceber o que se passa…
    É muito bonito deixar tudo nas mãos do “mercado”, mas quando o mercado é o que se sabe, vem logo todos a pedir “regulacão”!…

RESPONDER

O único carro-avião do mundo vai ser vendido em leilão

O Taylor Aerocar, aquele que é o único carro-avião legalizado em todo o mundo, vai a leilão no início do próximo ano. Este modelo da marca data do ano de 1954. Se é um apaixonado por …

Marcha pelo Clima. Polícia espanhola deteve duas pessoas com facas e martelos

A Polícia Nacional de Espanha deteve, na sexta-feira, duas pessoas que pretendiam perturbar a manifestação pelo clima em Madrid, tendo apreendido vários materiais, como facas e martelos. Um homem e uma mulher foram detidos e enviados …

Reflexão, ritual ou mundo idealizado. Um Natal sem filmes, não é Natal

Se é daquelas pessoas que passa a noite da Natal com uma chávena na mão, meias nos pés e um filme na televisão, saiba que não está sozinho. Nesta altura do ano, os filmes tornam-se …

Musk ilibado depois de ter chamado "pedófilo" a mergulhador no resgate da gruta da Tailândia

O magnata fundador da Tesla, Elon Musk, foi absolvido na sexta-feira no processo por difamação movido pelo espeleólogo britânico Vernon Unsworth, que alegava ter sido chamado de pedófilo. Após cerca de uma hora de deliberações, o …

Luzes nas redes de pesca? Os golfinhos e as tartarugas agradecem

A implementação de luzes nas redes de pesca reduz a probabilidade de tartarugas marinhas e de golfinhos serem apanhados por acidente. Luzes LED nas redes de pesca eliminariam a "captura acidental" de tartarugas marinhas em mais …

Presidente da República passa o fim de ano na ilha do Corvo

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, vai passar a noite de 31 de dezembro para 1 de janeiro na ilha do Corvo, nos Açores, de onde será transmitida a sua mensagem de Ano …

O calor extremo está a fazer com que os bebés nasçam mais cedo

Investigadores descobriram que o calor extremo faz com que os bebés nasçam mais cedo. Tal como quase tudo neste mundo, as coisas só vão piorar com as alterações climáticas. Segundo o Science Alert, os dois investigadores …

Empresa está a contratar uma pessoa que será paga para usar pijamas e dormir

Um start-up de colchões da Índia, que se descreve como uma "empresa de soluções para dormir" está a contratar alguém que será pago apenas para fazer isso mesmo. O objetivo é testar os seus produtos de …

O primeiro local funerário de compostagem humana do mundo abre em 2021

Prevê-se que a primeira instalação funerária de compostagem humana do mundo abra na primavera de 2021, depois de os legisladores do Estado de Washington terem legalizado o processo póstumo no início do ano. A empresa Recompose, …

Estado emprestou dois milhões à Cruz Vermelha para pagar salários

A Parpública SGPS emprestou dois milhões de euros ao Hospital da Cruz Vermelha, nomeadamente para fazer pagamento de salários. A Parpública SGPS, holding tutelada pelo Ministério das Finanças, libertou dois milhões de euros para permitir ao …