Portugueses põem no lixo comida fora do prazo que ainda podia ser consumida

Mais de metade dos inquiridos num estudo da DECO – Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor admite deitar para o lixo alimentos fora do prazo de validade, o que nem sempre será necessário e pode significar desperdício.

“O nosso inquérito revela muito desperdício alimentar: mais de metade dos inquiridos confessa deitar para o lixo alimentos fora de prazo”, refere um artigo publicado na edição de abril da revista Proteste, com base em inquéritos a uma amostra representativa da população portuguesa.

Até aqui tudo bem. Contudo, a DECO sublinha que deitar para o lixo produtos fora do prazo é o que deve ser feito no caso dos perecíveis (onde se lê na embalagem “consumir até”), mas nos produtos que indicam “consumir preferencialmente antes de” não há problema em consumi-los findo o prazo de validade, desde que em boas condições de conservação.

Carne, peixe, enchidos, ovos, leite do dia, bolos com creme, queijo fresco ou iogurtes são alguns dos exemplos de alimentos perecíveis em que se deve respeitar o prazo de validade indicado.

A DECO nota que cerca de dois terços dos inquiridos não sabem qual a distinção entre as designações “consumir até” e “consumir preferencialmente antes de”.

Uma técnica da DECO explicou à agência Lusa que há legislação que define e diferencia as duas formas de rotular os prazos de validade.

O “consumir até” é a forma de impor uma data limite de consumo e aplica-se a produtos perecíveis, enquanto o “consumir preferencialmente antes de” significa a data de durabilidade mínima do produto.

Segundo a DECO, o desconhecimento destas diferenças “explica que 40% dos inquiridos deitem fora produtos cujo prazo preferencial de consumo foi ultrapassado. Tal poderá constituir um desperdício desnecessário”.

A massa ou o café, por exemplo, podem apresentar, depois daquele prazo, um sabor ou textura um pouco alterados mas sem riscos de intoxicação alimentar.

No caso destes alimentos com a indicação “consumir preferencialmente até” não haverá problemas em consumi-los depois do prazo indicado desde que a embalagem esteja ainda fechada e o alimento bem guardado, segundo o modo de conservação aconselhado.

Ainda em relação a desperdícios, os dados do estudo mostram que 14% dos inquiridos deitam comida fora porque cozinhou em excesso.

A maioria dos pratos cozinhados e das sopas pode ser congelada durante três meses“, aconselha a DECO.

Comprar o mais barato

Numa análise aos hábitos de compras alimentares, o estudo concluiu que sete em cada 10 inquiridos optam pelo hipermercado, sendo o preço o fator que mais contribui para esta escolha, seguindo-se a proximidade e a variedade.

Dois terços dos inquiridos afirmaram ainda usar com frequência cupões de descontos e um quinto opta frequentemente por produtos em promoção, de venda rápida (perto do fim do prazo).

Relativamente a compras alimentares, apenas 4% dos inquiridos tem hábito de as fazer online.

“Esta opção pode ser interessante: além de poupar tempo em deslocações e filas de espera, correrá menos risco de se deixar tentar por produtos e novidades em destaque de que não precisa”, recomenda a DECO.

Logo a seguir à opção do preço, os consumidores procuram alimentos saudáveis e saborosos, com a preocupação ambiental a surgir apenas como quinto motivo mais apontado.

A falta de conhecimento ou desconfiança sobre o significado dos rótulos que alegam “orgânico” ou “biológico” será uma das razões, a par com a falta de produtos que anunciem aquelas caraterísticas.

Os inquéritos que serviram de base a este estudo foram realizados entre setembro e novembro do ano passado numa amostra de 1.725 consumidores dos 25 aos 74 anos.

/Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Se souber bem, como. Não ligo NADA a datas de validade! Só assim de repente lembro-me que há pouco tempo cheguei a comer um iogurte com mais de um mês depois da validade que estava óptimo e uma lata de sardinhas que passava 3 anos da data! Não sei como alguém não consegue ver se a comida está a ficar podre ou não. a mínima alteração do cheiro normal significa que já está em processo de putrefação…

RESPONDER

Um dos maiores sites de dados sobre a covid-19 na Austrália é, afinal, gerido por adolescentes

Aproveitando o momento em que passaram a integrar as estatísticas que os próprios fazem chegar diariamente à população australiana, o grupo de três jovens revelou a sua identidade para surpresa de muitos dos seus seguidores. …

Mais cinco mortes e 713 casos confirmados em Portugal

Portugal registou, este sábado, mais cinco mortes e 713 casos confirmados de covid-19, de acordo com o mais recente boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Este sábado registaram-se mais cinco mortes e 713 novos casos …

Dirigente da Huawei detida no Canadá pode voltar à China após acordo com EUA

A justiça dos EUA aceitou hoje o acordo entre o Departamento da Justiça e a Huawei, que vai permitir à filha do fundador e diretora financeira do conglomerado chinês de telecomunicações regressar à China. Uma juíza …

Depois do coro de críticas, brasões da Praça do Império passam do jardim para a calçada

Os brasões florais que representam as capitais de distrito e as ex-colónias portuguesas vão mesmo ser retirados da Praça do Império, em Lisboa, mas passarão a estar representados em pedra da calçada. É a solução …

Vulcão, La Palma

Aeroporto de Las Palmas inoperacional devido à acumulação de cinzas

O aeroporto de La Palma, na Ilha de Tenerife, nas Canárias, está inoperacional por acumulação de cinzas, resultante da erupção do vulcão Cumbre Vieja, informou hoje a empresa gestora dos aeroportos e do tráfego aéreo …

Siza Vieira reforça que é "trabalho" dos Bancos discutir com os clientes o reembolso das moratórias

O ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, reforça que cabe aos Bancos "discutir com os seus clientes que têm moratórias nos sectores mais afectados" pela pandemia o reembolso das dívidas após o fim destes mecanismos …

Domingos Soares de Oliveira de saída do Benfica

Além de João Varandas Fernandes e José Eduardo Moniz, o administrador Domingos Soares de Oliveira também não vai integrar a lista de Rui Costa para as próximas eleições. Rui Costa confirmou na terça-feira que é candidato …

Depois do Bayern, Barcelona também está atento a Luis Díaz

Luis Díaz continua a somar boas exibições e clubes interessados na sua contratação. Agora fala-se do desejo do Barcelona em contratar o colombiano em janeiro. Luis Díaz atravessa um momento de forma excecional ao serviço do …

Fuse Valley, Matosinhos

Está a nascer em Matosinhos a Silicon Valley portuguesa (e até Siza Vieira está "espantado")

O "Fuse Valley" promete ser a Silicon Valley portuguesa, em Matosinhos, num empreendimento inovador da Farfetch e da Castro Group que até deixa o ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, "espantado". A abertura está prevista …

Portugal aguarda "luz verde" da EMA para avançar com terceira dose aos idosos

Portugal aguarda a autorização da Agência Europeia de Medicamentos para avançar com a administração da terceira dose da vacina contra a covid-19 a maiores de 65 anos. Com base nos resultados de dois grandes estudos científicos …