Portugueses fazem cada vez mais lixo (e a reciclagem não está a funcionar)

Os investimentos nacionais para aumentar a reciclagem não estão a ter os resultados que se previa. Segundo a Agência Portuguesa do Ambiente (APA), as metas definidas dificilmente serão atingidas.

Os portugueses estão há quatro anos seguidos a produzir mais lixo (+2% em 2017), mas o maior problema é que, invertendo uma tendência com vários anos, diminuíram os resíduos recicláveis recuperados: menos cerca de 50 mil toneladas (descida de 9%).

O relatório anual sobre resíduos urbanos da APA fala mesmo numa “significativa diminuição” destes números fruto da queda na seleção do lixo pelos portugueses, mas também pela seleção mecânica nos centros de tratamento.

O documento, avança a TSF, revela que a seleção de resíduos feita diretamente pelos portugueses e empresas também caiu de 11% para 10% do total de lixo produzido no país. A agência, tutelada pelo ministério, a admitir que as mudanças culturais, como a compra de menos jornais ou e bens embalados, não justificam tudo.

Por outro lado, contrariando mais uma tendência dos últimos anos, outra conclusão que preocupa as autoridades ambientais: aumentaram, em 2017, os resíduos depositados em aterro, numa “inversão na tendência de decréscimo que poderá comprometer os objetivos definidos” para 2020 no Plano Estratégico para os Resíduos Urbanos.

O relatório diz ainda que os esforços feitos para aumentar a recolha seletiva de lixo para reciclagem “não têm tido os devidos reflexos nos comportamentos da população”. Se Portugal quiser cumprir as metas para 2020, “urge avaliar possíveis alternativas” para levar os portugueses a separarem mais os resíduos.

Uma das propostas da APA é que as pessoas “participem ativamente na seleção do lixo” e que se continuem a desenvolver incentivos financeiros para quem faça essa separação, penalizando quem não a faça.

A Agência Portuguesa do Ambiente conclui que “há que fazer uma análise das possíveis alternativas para combater e inverter esta situação e iniciar a sua implementação de forma a ser possível atingir os valores definidos para 2020”, daqui a apenas dois anos.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Que empreguem gente para separar o lixo na lixeira. Um bom EPI e um banho no final e está a andar. Ainda há muitos desempregados. Querem é o povo a trabalhar de graça para eles como fazem aqui na rua. Entregam contentores que os vizinhos deixam à porta dia sim dia não. O dia do plástico, o dia do cartão, o dia das ervas…Depois do camião recolher o lixo toca a levar o contentor outra vez para dentro. A solução passa pela origem do lixo e não pelo seu fim. Como estamos a ver com a proibição dos plásticos descartáveis.

RESPONDER

Paulo Gonçalves. Seguradoras atrasam autópsia e trasladação do corpo para Portugal

Paulo Gonçalves faleceu no domingo, aos 40 anos, na sequência de uma queda sofrida ao quilómetro 273 da sétima de 12 etapas do Rali Dakar. Exigências das seguradoras quanto a despistes toxicológicos ao corpo de Paulo …

Estivadores vão fazer greve em Setúbal e ameaçam fazer o mesmo em Lisboa

O Sindicato dos Estivadores e Atividade Logística (SEAL) revelou esta sexta-feira que vai entregar já na segunda-feira um pré-aviso de greve no Porto de Setúbal e ameaça fazer o mesmo no Porto de Lisboa. “Os trabalhadores …

Segundo maior diamante transforma-se em joias Louis Vuitton

Depois de cortado e polido, o segundo maior diamante da história será transformado numa coleção de joias da Louis Vuitton. A Lucara Diamond encontrou o diamante Sewelo, de 1.758 quilates, na sua mina do Botswana, no …

Filho do presidente da Câmara de Pedrógão Grande "sem memória" no caso da reconstrução de casas

O adjunto do presidente da Câmara de Pedrógão Grande, Telmo Alves, que também é filho do autarca, disse em Tribunal que desconhece o processo de reconstrução das casas ardidas no incêndio no concelho, em 2017, …

Joacine não está inscrita no congresso do Livre

De acordo com o semanário Expresso, a deputada única do Livre não se inscreveu na reunião magna do partido, que se realiza este fim de semana, em Lisboa. A deputada do Livre, Joacine Katar Moreira, e …

"Há condições para avançar" com o alargamento da ADSE

"Há condições para avançar" com o alargamento da ADSE aos contratos individuais do Estado e aos precários regularizados no PREVPAP, disse Alexandra Leitão, esta sexta-feira, no Parlamento. A ministra da Modernização do Estado e da Administração …

Países "lutam" por fundos europeus para neutralizar emissões de carbono

Um novo fundo de 100 mil milhões destinado a neutralizar as emissões de dióxido de carbono na Europa até 2050 está em disputa por vários países. A Comissão Europeia quer implementar um fundo de 100 mil …

Tribunal japonês suspende atividade de reator nuclear que tinha recebido luz verde

Um tribunal no Japão ordenou esta sexta-feira que o reator nuclear da central de Ikata (oeste do país) pare por razões de segurança, numa decisão que revoga uma anterior que deu luz verde ao seu …

Panamá. Sete corpos encontrados em vala comum em área indígena controlada por seita religiosa

Os corpos de sete pessoas foram encontrados na quinta-feira numa vala comum numa área indígena do Panamá controlada por uma seita religiosa, entre eles o de uma grávida e cinco dos seus filhos. Outras 15 …

Deixar de dar aulas com mais de 60 anos só no pré-escolar e 1.º ciclo

A possibilidade de os professores com mais de 60 anos deixarem de dar aulas para "desempenhar outras atividades", prevista no Orçamento do Estado de 2020, será apenas aplicada ao pré-escolar e 1.º ciclo, esclareceu o …