Portuguesa nos cuidados intensivos após férias na República Dominicana

Uma portuguesa de 42 anos, residente em Famalicão, esteve internada nos cuidados intensivos do Hospital de Braga após passar férias na República Dominicana, avançou este domingo o Jornal de Notícias.

De acordo com a RTP, que noticiou depois o caso, a mulher já terá saído dos cuidados intensivos, continuando internada na mesma unidade hospitalar. 

De acordo com o matutino, que dá conta que a turista portuguesa está com “prognóstico reservado”, a mulher viajava com o marido quando se começou a sentir mal poucos depois depois de chegar àquela ilha das Caraíbas.

“Os sintomas eram semelhantes a uma gastroenterite, a que se juntava muita falta de ar”, disse um familiar, citado pelo mesmo diário. “Regressaram num voo normal, mas [a mulher] já estava muito doente, com dificuldade em respirar, com o corpo inchado e dores musculares”, salientou a mesma fonte.

O JN escreve ainda que se suspeita que a doença tenha sido contraída através do gelo utilizado para refrescar as bebidas feito de água não potável.

Os exames já levados a cabo aponta para uma “uma miocardite“, uma inflamação do músculo do coração que provoca arritmias e insuficiência cardíaca.

Em junho passado, recorda o Jornal de Notícias, um outro português, também de férias na República Dominicana, foi tratado após apresentar os mesmos sintomas.

Durante este verão, vários turistas norte-americanos morreram depois de passarem férias em vários resorts da República Dominicana.

Apesar de não haver certezas quanto à causa das mortes, nem mesmo se há uma correlação entre estas, os episódios fizeram disparar os alarmes nos Estados Unidos, e no turismo da ilha, levando a República Dominicana a baixar os preços praticados de 1100 para 800 euros, observa o semanário Expresso.

O FBI e as autoridades locais estão a investigar os casos.

No fim de junho, o Governo português, atravesses do Ministério dos Negócios Estrangeiros pediu aos turistas portugueses que tencionassem viajar para a República Dominicana que tivessem precaução, recordando que a água da torneira do país não é potável.

O Ministério apelou para que os portugueses tivessem especial cuidado quanto ao consumo de bebidas e para que optassem sempre por água engarrafada.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

19 COMENTÁRIOS

      • Com tanta noticia sobre as mortes lá ocorridas ,mas ninguem lê noticias querem é passear para o desconhecido e self´s para mostrar aos amigos do face …
        a maioria que vai pra fora nem conhece as belezas do seu proprio país e ajudava o seu país a manter postos de trabalho na area do turismo sem este tipo de problemas de saude publica

    • Este comentário não me saiu nada bem. Há palavras que parecem pedras e o “agora aguente-se” é desse género. O que aconteceu a esta senhora podia ter acontecido a qualquer um. Renovo o meu desejo de rápidas melhoras.

  1. Implacável. Você concerteza deve viver até aos duzentos anos.Zbraitlin,nunca vi um nome assim, já tinha visto Zebriu,deve ser da mesma família.

    • Albino Forjaz Sampaio?!…O sátiro das Palavras Cínicas?!..lembro-me de ser criança e haver um livro dele lá em casa.
      Há dias li o relato duma americana que ia perdendo o pai por infecção duma bactéria fatal naquelas águas maritimas…os sintomas são muito semelhantes e há falha cardíaca…os USA estão a alertar os cidadãos para n entrarem nas águas das praias…Aqui em Portugal dizem p beberem água engarrafada, neh?? Pois…férias sem praia n valia a pena.Bora continuar a ser politicamente correctos que vamos no bom caminho.

  2. É muito importante respeitar alguns princípios: não beber água sem ser engarrafada não consumir gelo e ter consumo reduzido das bebidas alcoólicas nos regimes TI. A Fruta e alimentos crus ou mal cozinhados é necessário ter muito cuidado. A senhora provavelmente não respeitou estes princípios, percebo que por vezes é difícil. Rápidas melhoras!

  3. Obrigado, José Pimpão.
    Finalmente, um comentário coerente, “com cabeça, tronco e membros”, sem ataques gratuito.
    Um comentário é isto!

  4. Antes de criarem teorias ou de dizer que foi bem feito por não ter lido os avisos, saibam que eu esrive lá o mês passado no mesmo hotel e que LITERALMENTE todas as bebidas contêm alguma substância prejudicial, eu por exemplo senti-me mal após beber coca-cola, o hotel faz de propósito, não é á toa que já morreram mais de 10 pessoas.

  5. A todos os que se queixam de viver num país desenvolvido onde, apesar de todos os problemas, temos regulações e controlos sobre os produtos que consumimos, vejam como é bom o paraíso!

    Na República das Bananas os impostos são baixos, mas o saneamento não existe, a água e os alimentos não sao controlados, a população é miserável e o crime gigantesco. Enfim, o paraíso para os ricos, que podem pagar para ficar ao lado de isto tudo. Até ao dia em que morrem de botulismo, porque o hotel comprou o marisco na candonga.

    Era um paraíso destes que os troikos queriam implantar no nosso país. Ainda estamos a pagar com língua de palmo os cortes e as desregulações terceiro-mundistas que impuseram.

  6. Troiko… convém você largar esses alucinogéneos o quanto antes, pois isso vai acabar consigo de vez. Trazer o tema Troika em Portugal para esta notícia, só demonstra o seu critico e debilitado estado mental. Trate-se homem.

RESPONDER

O mistério das anãs brancas com campos magnéticos incrivelmente fortes pode ter sido resolvido

Uma equipa internacional de cientistas acredita ter desvendado o mistério dos campos magnéticos incrivelmente fortes em anãs brancas: um mecanismo de dínamo. Um dos fenómenos mais marcantes da Astrofísica é a presença de campos magnéticos. Como …

Nova Iorque quer oferecer vacina aos turistas. Miami vai começar a vacinar no aeroporto

Em Nova Iorque os turistas irão receber a vacina da Johnson & Johnson e em Miami a vacina da Pfizer. Com o objetivo de reativar o turismo na cidade, as autoridades de Nova Iorque querem oferecer …

Carta misteriosa escrita por passageira do Titanic está a intrigar os peritos

Uma equipa de investigadores está a tentar desvendar um mistério que envolve uma carta que terá sido escrita por uma jovem a bordo do Titanic na véspera do naufrágio. Uma família encontrou a carta numa garrafa …

Violência na Colômbia preocupa comunidade internacional

Várias cidades colombianas continuam a ser palco de violentas manifestações contra o Governo do país, mas são reprimidas com força pela polícia e por militares. As manifestações começaram em forma de protesto contra uma reforma tributária …

Veterana de Bletchley Park tem um novo código da 2.ª Guerra para decifrar (mas precisa de ajuda)

Um casal que encontrou mensagens codificadas da II Guerra Mundial sob o assoalho está tentar decifrá-las com a ajuda do seu vizinho, um decifrador de códigos de Bletchley Park. John e Val Campbell encontraram um esconderijo …

"Caixas mistério" com animais de estimação geram indignação na China

Uma nova moda conhecida como "caixa mistério" ganhou popularidade na China. O método consiste em fazer uma encomenda através da internet e é enviada, pelo correio, uma caixa com um animal de estimação. Estas encomendas estão …

Arquivos da polícia do Estado Islâmico revelam como era a vida sob o califado

Arquivos da polícia do Estado Islâmico, conhecida como shurta, revelam como era a vida sob o califado. Os polícias eram tão bem pagos que não podiam ser subornados. Não é sempre que os regimes mirram …

Barco português detido por ancorar ilegalmente em águas da Malásia

Um navio mercante registado em Portugal está retido na Malásia por ter alegadamente ancorado em águas territoriais do país sem autorização, avançou esta sexta-feira a Guarda Costeira malaia. Num comunicado, Nurul Hizam Zakaria, diretor da agência …

”Eficácia e qualidade”. OMS aprova vacina chinesa da Sinopharm

A Organização Mundial da Saúde (OMS) aprovou, esta sexta-feira, o uso de emergência da vacina chinesa contra a covid-19 da Sinopharm. Trata-se da primeira vacina desenvolvida pela China a ser aprovada pela organização, lembra a agência …

Sem estado de emergência não pode haver confinamento de pessoas saudáveis

O constitucionalista Jorge Reis Novais defendeu hoje que sem estado de emergência que suspenda a garantia do artigo 27.º da Constituição não pode haver confinamento de pessoas saudáveis, até uma eventual revisão constitucional. Por outro lado, …