Português nos EUA queixa-se de roubo de raspadinha de 4 milhões de dólares

Imigrante pensava que o bilhete só valia quatro mil euros e alega ter sido enganado por duas mulheres.

Um português imigrante em New Bedford, Estados Unidos, queixa-se em tribunal de ser vítima de um “esquema de roubo” de duas mulheres, relativo a uma raspadinha vencedora de quatro milhões de dólares, o equivalente a 3,6 milhões de euros.

A queixa feita por João Luís DaPonte no Tribunal Superior de Bristol relata que foi em 23 de novembro que raspou o bilhete vencedor, da lotaria do estado de Massachusetts, que escrevia um valor de “$4MIL”, uma abreviatura para quatro milhões de dólares em inglês, mas por falta de conhecimentos da língua, acreditou que se tratava de quatro mil.

Segundo jornais locais, DaPonte pediu a Maria O., habitante de New Bedford, para levar a raspadinha e levantar o dinheiro, acreditando que a mulher prestava este tipo de serviço a outros vencedores, a custo de uma percentagem.

Maria O. terá dado apenas 3.800 dólares em vez dos quatro milhões ao imigrante. Segundo a queixa, Maria Oliveira terá entregue a raspadinha à patroa da padaria onde trabalha, Susana Gaspar, e as duas “montaram um esquema” para defraudar DaPonte.

Na versão da queixa, Susana G. fez-se passar por vencedora na Comissão da Lotaria, onde assinou e recebeu o dinheiro e foi dada nos jornais locais como a segunda pessoa a ganhar a lotaria do estado de Massachusetts.

A acusada Susana G. terá escolhido a opção de pagamento a pronto, que equivaliam a 2,6 milhões de dólares, antes de impostos.

Quando se apresentou em tribunal, Maria O. rejeitou todas as acusações e declarou que não recebeu a raspadinha do queixoso e “nunca recebeu dinheiro para levantar bilhetes de lotaria para ninguém”, acrescentando que nunca entregou dinheiro a DaPonte.

Um jornal norte-americano escreve que João Luís DaPonte soube em 10 de dezembro que uma mulher tinha ganho uma raspadinha de quatro milhões comprada no mesmo café e ficou “muito surpreendido” que o prémio tenha saído logo após ele ter vencido uma raspadinha de quatro mil dólares.

O homem apercebeu-se que foi vítima de um esquema quando mostrou uma fotografia da raspadinha a um amigo e este lhe disse que “$4MIL” significam quatro milhões.

O advogado que representa as duas acusadas, Walter Faria, declarou numa entrevista que duvida de todas as acusações apresentadas na queixa e disse que Maria O. comprou o bilhete para Susana G., que assinou a raspadinha.

O advogado achou difícil acreditar em algumas das reivindicações de DaPonte e acrescentou que o homem e Maria O. não se conhecem.

“Por que havia de entregar uma raspadinha vencedora a uma estranha?”, questionou o advogado, acrescentando que “é difícil imaginar que outra pessoa (um membro da família ou um amigo) não tenha reconhecido que eram quatro milhões e não quatro mil”.

O caso está a ser investigado e ainda não há data marcada para uma audiência.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Madjer diz adeus ao futebol de praia

O internacional português, eleito cinco vezes melhor jogador mundial de futebol de praia, anunciou, esta quinta-feira, o fim de carreira e prepara-se para assumir o cargo de coordenador para a modalidade da Federação Portuguesa de …

Parlamento aprova despenalização da eutanásia

Os cinco projetos de lei que despenalizam a eutanásia do BE, PAN, PS, PEV e IL foram aprovados, esta quinta-feira, na generalidade, na Assembleia da República. O projeto de lei do Partido Socialista recebeu 127 votos …

Tribunal da Relação mantém penas de prisão para ex-seguranças do Urban Beach

O Tribunal da Relação de Lisboa (TRL) decidiu manter as penas efetivas aplicadas pelo tribunal de 1.º instância aos ex-seguranças da discoteca Urban Beach acusados por tentativa de homicídio de dois homens. Segundo o acórdão, a …

Mafioso português Joe Barbosa retratado em livro sobre a Cosa Nostra, o FBI e a justiça nos EUA

Ser português travou a ascensão de Joseph Barbosa na máfia italiana nos Estados Unidos (EUA), mas foi em língua portuguesa o seu elogio fúnebre, após ser assassinado por denunciar mafiosos culpados e inocentes e expor …

Testes deram negativo em mais uma criança internada por suspeita de Covid-19

Uma criança regressada da China foi encaminhada, esta quinta-feira, para o Hospital D. Estefânia, por suspeita de infeção pelo novo coronavírus, mas as análises deram negativo, anunciou a Direção-Geral da Saúde (DGS). Num comunicado publicado no …

A China até já está "a queimar" dinheiro para combater o coronavírus

A luta entre a China e o novo coronavírus, o Covid-19, tem colocado os órgãos governamentais em alerta. O governo parece não poupar esforços para conter a proliferação da doença - nem que seja preciso, …

Barcelona contrata Braithwaite para substituir Dembélé

O FC Barcelona anunciou, esta quinta-feira, a contratação do futebolista dinamarquês, do Leganés, para substituir o lesionado Dembélé, depois de pagar a cláusula de rescisão de 18 milhões de euros. Com a contratação de Martin Braithwaite, …

Senador do Ceará baleado ao tentar invadir com uma retroescavadora um quartel tomado por polícias amotinados

Esta quarta-feira, Cid Gomes foi baleado depois de ter invadido com uma retroescavadora um portão de um quartel da Polícia Militar na cidade de Sobral, no estado do Ceará. O senador Cid Gomes foi baleado, na noite …

PS acusa Bloco de "má fé" na escolha de juízes para o Constitucional

O Bloco não gostou de ter ficado de fora da escolha dos dois novos juízes para o Tribunal Constitucional. PS acusa agora o partido de esquerda de "má fé". Numa conferência de imprensa no Parlamento, esta …

Justiça suíça acusa presidente do PSG e ex-responsável da FIFA de gestão danosa

O presidente do Paris Saint-Germain e um antigo secretário-geral da FIFA foram acusados de gestão danosa pela justiça suíça, numa investigação sobre os direitos televisivos do Mundial de futebol. O Ministério Público da Suíça acusa Nasser …