Portugal já não deve ao FMI. Pagamento antecipado poupa 100 milhões de euros

Rodrigo Antunes / Lusa

O ministro das Finanças, Mário Centeno, anunciou que Portugal concretiza esta segunda-feira o pagamento do total da dívida ao Fundo Monetário Internacional (FMI), com a liquidação de 4,7 mil milhões de euros.

Numa conferência de imprensa no Ministério das Finanças, em Lisboa, Mário Centeno disse que “é concretizado hoje” o pagamento total do empréstimo ao FMI, que ascende a 28 mil milhões de euros, salientando que as poupanças estimadas com o pagamento antecipado do que faltava, de 4,7 mil milhões, totalizam cerca de 100 milhões de euros.

No total, as poupanças acumuladas ao longo dos últimos dois anos serão de 1,16 mil milhões de euros, adiantou Mário Centeno. O ministro afirmou ainda que o Governo mantém os objetivos para 2018 e 2019 de redução do rácio da dívida no PIB para 121,2% e 118,5%, respetivamente.

De forma a liquidar a dívida ao FMI, Portugal foi ao mercado financiar-se a taxas de juro mais baixas do que aquelas que são cobradas pelo Fundo Internacional. Este processo de pagamentos antecipados surgiu em 2015, como uma estratégia desenhada pelo Governo (PSD/CDS) do então primeiro-ministro Pedro Passos Coelhos, tendo como objetivo travar os custos associados à divida.

O FMI não é mais um credor de Portugal, mas restam ainda dívidas por pagar a instituições como o Fundo Europeu de Estabilidade Financeira e o Mecanismo Europeu de Estabilidade, tal como recorda o Notícias ao Minuto.

No âmbito do resgate financeiro, Portugal recebeu 78 mil milhões, dos quais 26,3 milhões foram emprestados pelo FMI e os restantes mais de 50 milhões pelas outras duas instituições, segundo dados relativos ao mês de novembro divulgados pela Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública, sendo este o valor que ainda falta liquidar.

Centeno frisou que o reembolso desta segunda-feira “melhora a sustentabilidade da dívida portuguesa, aumenta a confiança dos investidores em Portugal e otimiza a gestão da dívida pública”, adiantando que continuará a haver uma “importante almofada de liquidez para enfrentar eventuais turbulências no mercado”.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. É bem, mas assim o Cem-tino não vai certamente ter um lugar no FMI, como teve o seu antecessor (Gasparzinho), pelo excelente serviço prestado (ao FMI, claro)!!

  2. Mais outra manchete para enganar papalvos…
    Quem não ler com atenção ficará com a ideia que a dívida pública portuguesa desceu. Os mais ingénuos até pensarão que foi paga na totalidade!

    É, por isso, preciso dizer e repetir até à exaustão: isto não foi pagar a dívida, foi substituir dívida por outra!

    A dívida soberana de Portugal não desceu. Na verdade, é agora aproximadamente 20 mil milhões de euros mais elevada do que quando este governo tomou posse há 3 anos (vinte mil milhões!)
    Os números não são secretos. São públicos, estão no site do Banco de Portugal.

  3. Todo este tempo tem sido usado para esmagar ainda mais o sector privado para dar benesses ao sector publico que o privado nao tem. Veremos quando parar a descida de juros e do turismo como vão continuar a pagar essas benesses

  4. O que eles fizeram foi substituir divida. A verdadeira razão é que a partir daqui não têm os chatos do FMI a chatear e passam a poder esbanjar à vontade!

RESPONDER

Grande carruagem cerimonial descoberta quase intacta em Pompeia

Uma grande carruagem cerimonial de quatro rodas, com elementos de ferro, decorações de bronze e estanho, restos de madeira mineralizada e vestígios de elementos orgânicos, como cordas, foi encontrada quase intacta na área arqueológica de …

FC Porto 0-0 Sporting | Nulo com sabor a vitória para o "leão"

O “clássico” do Dragão, entre FC Porto e Sporting, terminou sem golos, sem grande futebol, e com um “leão” cada vez mais perto do título, apesar de ainda faltar muito campeonato.  A igualdade permite à formação …

Adolesceste entusiasta por pirotecnia construiu o seu próprio simulador profissional de fogos de artifício

O FWsim foi lançado pela primeira vez em 2010 como um software de planeamento de fogos de artifício, voltado para profissionais de pirotecnia e entusiastas de fogos de artifício. Em 2006, conta o Vice, Lukas Trötzmüller …

Pela primeira vez em 45 anos, uma casa vitoriana "flutuou" pelas ruas de San Francisco

A manhã de 21 de fevereiro em San Francisco, nos Estados Unidos, foi um pouco diferente do normal: uma casa vitoriana passou a "flutuar" pelas ruas da cidade. De acordo com o BuzzFeed News, uma equipa …

Nação Cherokee pede à Jeep que deixe de usar o nome da tribo nos seus carros

"É hora de a Jeep reconsiderar chamar os seus SUVs Cherokee e Grand Cherokee". Pela primeira vez, a tribo norte-americana Nação Cherokee pediu diretamente à Jeep para parar de usar o seu nome nos seus …

PCP quer apoios a 100% para pais "imediatamente e com efeitos retroativos"

O secretário-geral do PCP pediu ao Governo, este sábado, apoios a 100% para os trabalhadores que estão em casa com os filhos, pagos "imediatamente e com efeitos retroativos", e defendeu um plano de desconfinamento "setor …

Naufrágio grego que levava partes do Partenon está a revelar os seus segredos

A última expedição de mergulhadores ao navio grego Mentor, que naufragou perto da ilha Citera em 1802, recuperou várias peças do cordame, moedas, a sola de couro de um sapato, uma fivela de metal, uma …

Chega vai reagir "muito veementemente" na rua à tentativa de ilegalização

O líder do Chega disse, este sábado, que o partido vai responder "muito veementemente" e com "presença na rua", já em março, à tentativa de ilegalização da estrutura promovida por Ana Gomes. "Quero deixar claro aqui, …

Procura-se candidato para dormir. Site oferece 1650 euros e uma noite num resort

Este pode ser, literalmente, um emprego de sonho: fazer dinheiro enquanto se dorme, incluindo uma noite num resort de 5 estrelas. O site Sleep Standards, que se dedica a dar informação sobre pesquisas e produtos relacionados …

Catarina Martins faz apelo a Costa. "Moratórias têm de ser estendidas já"

A coordenadora do Bloco de Esquerda fez um apelo direto ao primeiro-ministro, este sábado, para que não espere que "seja tarde demais" e decida já estender as moratórias, evitando assim uma vaga de despejos e …