Portagens em algumas ex-SCUT dão prejuízo e têm custos de cobrança altos

Teresa Lamas Serra / Facebook

Paulo Morais, presidente da Associação Transparência e Integridade (ATI)

Paulo Morais, presidente da Associação Transparência e Integridade (ATI)

Algumas ex-SCUT – vias Sem Custos para o Utilizador – que agora são portajadas dão prejuízo e têm um custo de cobrança ridículo, disse hoje o vice-presidente da Associação Transparência e Integridade (ATI), Paulo Morais, durante o II Fórum Algarve/Andaluzia.

“É completamente inconcebível que se ande a perturbar a vida a tantos milhões de pessoas para no fundo ir recolher umas migalhas por via das portagens”, disse Paulo Morais à margem do evento dedicado à luta pela suspensão das portagens na A22 que decorreu em Loulé.

Aquele dirigente da ATI frisou que os ganhos financeiros são diminutos porque os custos de cobrança (custos dos pórticos, gestão e manutenção e o custo de cobrança direta) são muito elevados.

Durante a apresentação intitulada “Dois anos de portagens: uma PPP ruinosa para o Algarve”, Paulo Morais identificou ainda aqueles que considera serem os três pecados mortais das Parcerias Público-Privadas (PPP).

Em declarações à Lusa, Paulo Morais afirmou que “as PPP têm consequências terríveis no Orçamento de Estado Português e vão ter durante mais 20 anos porque são ruinosas a vários níveis”.

O primeiro “pecado mortal” está relacionado com o facto de, desde 2010, todas as PPP terem sido transformadas num sistema novo de pagamento que consiste na taxa de disponibilidade diária e que Paulo Morais disse estar com rentabilidades na ordem dos 23 a 24% sem risco.

“Nas PPP rodoviárias em Portugal acontece o absurdo que é rentabilidades milionárias a troco de risco zero”, prosseguiu reportando-se às teorias económicas para estas questões defendem que para riscos baixos devem ser aplicadas taxas mais baixas.

O segundo “pecado” das PPP rodoviárias portuguesas está relacionado com os prémios e multas relacionados com a sinistralidade.

Paulo Morais explicou no caso português a sinistralidade baixa recebe prémios avultados e o aumento de sinistralidade obriga a multas baixas, pelo que “aos concessionários das autoestradas basta terem pequenas reduções de sinistralidade para terem uma segunda renda”.

Os acordos para a reposição do equilíbrio financeiro do negócio dos concessionários é o terceiro problema referido pelo vice-presidente da ATI que sublinha que aqueles que deveriam ser acordos excecionais realizados, por exemplo, ao fim de 15 anos, são frequentes em Portugal.

“Só na Lusoponte, que é a primeira PPP, a Ponte Vasco da Gama já vai no nono acordo e em cada um desses acordos invariavelmente aquilo que acontece é que é o Estado que dá mais dinheiro aos concessionários”, disse apoiando-se nos dados de 2011 que indicam que o Estado Português terá pago cerca de 900 milhões de euros em acordos de reequilíbrio que se somaram aos cerca de 800 milhões inicialmente acordados.

Um cenário que Paulo Morais considera só ser possível com “uma promiscuidade absoluta entre os negócios e a atividade política”.

“O mais correto é dizer que a atividade política em Portugal se transformou numa mega central de negócios”, disse dando como exemplo que quando a legislação central das PPP foi aprovada a Comissão das Obras Públicas tinha na sua composição sete deputados que acumulavam as funções de administradores em empresas de obras públicas.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

No funeral de Filipe, a família real não vai usar uniformes militares "para evitar envergonhar Harry"

No funeral do duque de Edimburgo os membros da família real não vão usar uniformes militares. A quebra na tradição é justificada como medida "para evitar envergonhar" o príncipe Harry. Segundo o The Sun, a decisão …

FBI diz que grupos radicais dos EUA têm fortes ligações com extrema-direita europeia

O diretor do FBI revela que os radicais norte-americanos são os que têm os laços internacionais mais vastos e que se têm deslocado para se encontrarem com outros ativistas. Os norte-americanos de extrema-direita e com motivações …

Nova espécie de pterossauro revela o polegar opositor mais antigo de sempre

Cientistas descobriram uma nova espécie de pterossauro que viveu durante o período Jurássico e que subia às árvores graças aos seus polegares opositores. Esta característica nunca tinha sido observada nestes animais. De acordo com a rede …

Devido ao sucesso da vacinação, Israel põe fim à obrigatoriedade de uso de máscara no exterior

As autoridades israelitas anunciaram hoje que a partir do próximo domingo acabará a obrigatoriedade de uso de máscara no exterior, medida no quadro do levantamento progressivo das restrições ligadas à pandemia de covid-19. Na primavera de …

A rainha Isabel de Castela ficou conhecida por cheirar mal (mas novos documentos põem fim aos mitos)

A famosa rainha Isabel I de Castela, em Espanha, era conhecida por lavar-se pouco e cheirar mal. Contudo, documentos recém-descobertos mostram que possuía uma quantidade enorme de perfumes de grande valor. Isabel I financiou a viagem …

Instagram testa opção que permite ocultar ou mostrar o número de likes

O Instagram vai começar a testar uma nova opção que dá aos seus utilizadores a possibilidade de esconder os likes recebidos nas publicações. Em 2019, a empresa começou por forçar esta mudança, aplicando-a a alguns utilizadores …

Atlético de Madrid: o que aconteceu a João Félix e companhia?

Equipa de Diego Simeone tinha vantagem confortável sobre os dois maiores rivais e, em pouco tempo, só ganhou metade dos pontos que poderia ter ganhado. Ainda lidera mas tem três adversários muito perto. Em Portugal, no …

EUA impõe novas sanções e expulsam dez diplomatas russos. Moscovo promete resposta “inevitável”

O Governo dos EUA anunciou hoje novas sanções financeiras contra a Rússia e a expulsão de 10 diplomatas russos, em resposta a recentes ataques cibernéticos e à interferência na eleição presidencial de 2020 atribuída a …

Rede 5G pode transmitir energia elétrica e substituir baterias

Os investigadores descobriram uma maneira inovadora de explorar a capacidade das redes 5G, transformando-as numa “rede elétrica sem fios” de modo a alimentar dispositivos de Internet das Coisas (IoT) que precisam de baterias para funcionar. Os …

Itália vai enviar réplica de David de Michelangelo para o Dubai

No final de abril, Itália vai enviar uma réplica em tamanho real do famoso David de Michelangelo, feita com impressoras 3D, para a Exposição Universal do Dubai, que se irá realizar de 1 de outubro …