França colhe o que plantou. Poeira do Sahara leva radiação dos testes nucleares de 1960 para o país

A ACRO, uma organização-não governamental francesa, detetou uma nuvem de poeira radioativa em direção ao país europeu. A radiação é o resultado de testes nucleares realizados por França no deserto da Argélia no início da década de 1960.

A poeira do deserto do Sahara alcançou França e trouxe com ela níveis anormais de radiação. A ACRO avança que os níveis observados não são considerados perigosos para a saúde humana, mas o facto não deixa de ser uma grande ironia. No fundo, França está a colher o que plantou.

De acordo com o Interesting Engineering, a radiação é o resultado de testes nucleares realizados por França no deserto da Argélia no início da década de 1960, quando o país do Norte de África era território ultramarino francês.

Na poeira trazida pelo vento foi detetada a presença de césio-137, um produto da fissão nuclear criada em explosões nucleares. A organização não-governamental chegou a esta conclusão depois de ter realizado testes com a poeira do Sahara que recolheu, no dia 6 de fevereiro, na área de Jura, perto da fronteira francesa com a Suíça.

“Esta contaminação radioativa, que vem de longe, 60 anos depois das explosões nucleares, lembra-nos a contaminação radioativa perene no Sahara, pela qual França é responsável”, referiu a ONG, em comunicado.

Pedro Salazar Carballo, cientista da Universidade de Laguna, em Tenerife, disse à Euronews que os níveis detetados são seguros e não representam qualquer perigo. Aliás, o especialista afirmou nunca ter encontrado níveis alarmantes trazidos por tempestades – mesmo tendo analisado os incidentes de Chernobyl e Fukushima.

A 13 de fevereiro de 1960, França realizou o seu primeiro teste nuclear no Sahara, na região de Reggane, Argélia, quando explodiu a bomba nuclear Gerboise Bleue, expondo os seus próprios soldados e a população local à radiação.

Liliana Malainho Liliana Malainho, ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. “A ACRO, uma organização-não governamental francesa, detetou uma nuvem de poeira radioativa, com origem em França, que está a voltar para o país.”
    Se bem percebi, a origem é a parte do deserto do Sahara pertencende à Argélia.
    Parece que se impõe uma retificação.

RESPONDER

Cientistas sugerem que os gorilas não batem no peito apenas para se exibir

Os cientistas sugerem que o ato de bater no peito permite aos gorilas machos sinalizar o seu tamanho e assim evitar brigas desnecessárias. De acordo com o jornal The Guardian, cientistas que estudam gorilas-das-montanhas (Gorilla beringei …

Médicos alertam que Navalny pode sofrer paragem cardíaca "a qualquer momento"

Alexei Navalny está cada vez mais em risco de insuficiência renal. Médicos próximos do opositor russo alertam que pode sofrer uma paragem cardíaca "a qualquer momento". Médicos próximos do opositor russo Alexei Navalny, detido e em …

Perto de sequenciar 1 milhão de genomas, cientistas querem desvendar segredos genéticos

O projeto All of Us está a recolher informações genéticas, registos médicos e hábitos de saúde de mais de um milhão de pessoas. Os dados podem ser usados para desvendar segredos genéticos. O primeiro esboço do …

"Besta dos cinco dentes". Descoberta nova espécie de mamífero na Patagónia

Paleontólogos descobriram uma nova espécie de mamífero, com dentes peculiares, que viveu na Patagónia durante o período Cretáceo. De acordo com a agência Europa Press, os fósseis foram encontrados em Cerro Guido, na província chilena de …

Com os zoos fechados, tudo serve para entreter uma família de lontras. Até um simples galho de bambu

O confinamento serviu como um lembrete indesejado de que ficar preso dentro de casa sem muito o que fazer pode ser desgastante. O mesmo é verdade para os animais, por isso os jardins zoológicos tiveram …

Uma ilha, cinco géneros. Os Bugis têm palavras para as "cinco maneiras de estar no mundo"

Uma ilha, cinco géneros. O povo Bugis é um poderoso grupo étnico que se destaca pelo reconhecimento de cinco géneros distintos. Na Indonésia, a ilha Sulawesi é a casa de um povo que reconhece cinco …

O "aeroporto do amanhã" está abandonado no meio de um pântano dos Estados Unidos

Era para ser o "aeroporto do amanhã", um centro intercontinental para aviões supersónicos com seis pistas e conexões ferroviárias de alta velocidade para as cidades vizinhas. Hoje, é pouco mais do que uma pista no …

Facebook remove (acidentalmente) página oficial de Ville de Bitche, uma remota cidade francesa

O Facebook apagou a página de Ville de Bitche, uma remota cidade francesa. O município passou um mês a apelar à rede social para repor a página. "Recebemos uma mensagem no Facebook e também percebemos que …

NASA escolheu SpaceX de Elon Musk para a próxima missão tripulada à Lua

Elon Musk fecha contrato de 2,9 mil milhões de dólares para levar o Homem novamente à Lua. O contrato é a mais importante vitória da SpaceX e reforça a posição da empresa como parceira …

Benfica 1-2 Gil Vicente | Galo canta e silencia águia na Luz

STOP. O Gil Vicente visitou na tarde deste sábado o Benfica e saiu do palco da Luz com os três pontos na bagagem e a “cantar de galo”, ao vencer por 2-1, num duelo relativo …