Pó de talco: mulher com cancro vai receber 70 milhões da Johnson & Johnson

A Johnson & Johnson foi condenada a pagar uma indemnização de 70 milhões de dólares, cerca de 64 milhões de euros, a uma mulher de 62 anos que sofre de cancro do ovário e que alega que a culpa é do pó de talco da marca.

Este é já o terceiro caso consecutivo que a Johnson & Johnson perde em tribunal por causa do pó de talco da marca.

Em Fevereiro deste ano, a família de outra mulher ganhou uma indemnização de 72 milhões de dólares depois de esta ter falecido com cancro do ovário.

Em Maio, outra sentença condenou a empresa a pagar 55 milhões de dólares (50 milhões de euros) num caso similar.

Agora, é Deborah Giannecchini, uma mulher de 62 anos da Califórnia, nos EUA, que sofre de cancro do ovário e que em tribunal, ganhou o direito a uma indemnização de 64 milhões de euros, acusando o pó de talco da Johnson & Johnson de lhe ter provocado a doença.

Deborah Giannecchini foi diagnosticada com cancro do ovário em 2012 e após já ter feito cirurgias, quimioterapia e radioterapia, os médicos dão-lhe poucas hipóteses de sobrevivência, conforme alegou o seu advogado, Allen Smith, em tribunal.

Perante os jurados, Allen Smith alegou que a Johnson & Johnson tinha conhecimento de “30 anos de estudos a mostrarem um risco aumentado de cancro do ovário por causa do uso do talco”, segundo citação da agência Bloomberg.

“Eles sabiam e sabiam que o público não tinha conhecimento do risco”, argumentou ainda o advogado, acusando a empresa de, em vez de lançar alertas aos consumidores, “desenvolver uma estratégia de defesa para prevenir a regulação governamental destes produtos”.

A Sky News nota que a Johnson & Johnson, por seu turno, se defendeu em tribunal com várias pesquisas que não encontraram qualquer ligação entre o uso de pó de talco e o cancro dos ovários.

Todavia, há estudos que “indicam que as mulheres que usam regularmente talco na zona genital enfrentam até 40% mais de riscos de desenvolver cancro do ovário“, refere a Sky News.

Esta estação também nota que a Agência Internacional para a Investigação do Cancro da Organização Mundial de Saúde (OMS) classificou o talco como substância “possivelmente cancerígena”, colocando-a porém na mesma categoria do café.

As dúvidas em torno do produto levam vários médicos a desaconselharem o uso de pó de talco.

A Johnson & Johnson já anunciou, num comunicado, que vai recorrer da decisão do tribunal, alegando que a empresa se guia “pela ciência que apoia a segurança do Pó de Talco” da marca.

Mas, além do caso Giannecchini, a marca deve preparar-se para enfrentar outros 2 mil processos semelhantes que estão à espera de julgamento nos tribunais norte-americanos, conforme frisa a Sky News, notando que há advogados a reverem “milhares de outros potenciais casos”.

ZAP

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Os futuros colonos de Marte poderão ter miopia, ossos mais densos e até outra cor de pele

https://vimeo.com/338334578 Caso os seres humanos consigam colonizar Marte, os novos colonos do Planeta Vermelho vão sofrer uma série de mutações que os distanciará dos humanos da Terra. Estas alterações serão tão drásticas que os habitantes de …

Adolescente italiana libertada depois de matar pai abusivo. Autoridades alegaram legítima defesa

Uma adolescente italiana que matou o seu pai abusivo foi libertada da prisão domiciliária que as autoridades lhe tinham imposto depois de os promotores considerarem que a jovem agiu em legítima defesa. De acordo com …

Asteróide gigante com lua própria vai passar muito próximo da Terra este sábado

Um asteróide com sua própria "lua" potencialmente perigoso passará este sábado no ponto mais próximo em relação ao nosso planeta pela primeira vez desde que foi descoberto em 1999. Segundo o portal Cnet, trata-se de um …

Adolescente encontra (por acaso) mandíbula de um mastodonte com 34 mil anos

Enquanto procurava relíquias do período neolítico, uma estudante fez uma descoberta surpreendente: encontrou uma mandíbula de um mastodonte com 34 mil anos. Uma adolescente do estado norte-americano de Iowa encontrou uma mandíbula de um mastodonte com …

Encontrado o navio que transportou os últimos escravos africanos para os EUA. Estava num rio

Afundado há 160 anos, um navio emergiu do fundo das águas de um rio do Alabama para contar a história dos últimos escravos africanos nos Estados Unidos. O Clotilda terá sido o último navio de sempre …

Banca. Aumento das comissões é "inevitável"

A diretora-geral da Associação Portuguesa de Bancos disse esta sexta-feira ser "inevitável" que se verifique um aumento do peso relativo das comissões no produto bancário, assinalando que o próprio Banco Central Europeu tem reconhecido …

Presidente do PSG indiciado por corrupção ativa

O presidente do Paris Saint-Germain, Nasser Al-Khelaïfi, foi indiciado por corrupção ativa num âmbito de um processo judicial que investiga suspeitas relativas à atribuição da organização dos Mundiais de Atletismo a Doha, no Qatar. De acordo com …

Incêndios: Governo decreta Situação de Alerta até 30 de maio

O território continental está desde as 20:00 desta sexta-feira e até às 23:59 de 30 de maio, quinta-feira, em Situação de Alerta, devido às previsões meteorológicas que “apontam para um significativo agravamento do risco de …

Vivia numa habitação social. De repente, herdou uma propriedade de 50 milhões

Um teste de ADN mudou a vida de Jordan Rogers para sempre. O britânico, de 31 anos, promete tentar ajudar outras pessoas que vivem na situação que ele próprio sentiu na pele. Jordan Rogers trabalhava como …

Terramoto no Bernabéu. Sergio Ramos pode estar de saída

Sergio Ramos, central e capitão do Real Madrid, pode estar prestes a abandonar emblema espanhol, avança a imprensa internacional esta sexta-feira. De acordo com a A Marca, na origem da eventual saída estará uma acesa discussão que …