Pico de casos pode acontecer já nos próximos dias. Mortalidade pode continuar elevada no Natal

Simone Venezia / EPA

Numa altura em que o número de novas e infeções e de óbitos não pára de subir, a ECDC prevê que Portugal deverá atingir até ao final do mês de novembro o pico de novos casos, mas o pico da mortalidade só deve acontecer no início de dezembro.

Os dados são do Centro Europeu de Controlo de Doenças (ECDC) nas mais recentes projeções para a evolução da pandemia até ao dia 25 de dezembro.

De acordo com um relatório ao qual a TSF teve acesso, as estimativas para Portugal são bastante diferentes de países como Espanha, Itália ou França, onde os picos de novos casos e de mortes já aconteceram nas últimas semanas.

O especialista Manuel Carmo Gomes, professor da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, tem participado nas reuniões políticas com especialistas e disse à TSF que a previsão do ECDC tem algumas diferenças face ao que é esperado pela sua equipa na faculdade.

Contudo, as previsões reveladas são semelhantes, apesar de ser sempre difícil perceber de forma certeira quando é que se está no pico de uma doença.

O epidemiologista sublinha que o modelo do ECDC “é um modelo mecanicista, muito detalhado, que divide as pessoas por categorias, conforme a sua relação com a doença (se são suscetíveis, se estão infetadas, se já têm sintomas ou se já recuperaram), bem como pela forma como as pessoas contactam entre si”, explica, sublinhando que a projeção tem em conta dados a “médio-longo prazo”.

Numa altura em que o país vive uma situação bastante pior à que se conheceu na primeira vaga da doença, espera-se então que Portugal tenha o máximo de novos casos no final de novembro, e o máximo de mortos no início de dezembro, com um número diário de vítimas mortais que se pode manter elevado até ao Natal.

Manuel Carmo Gomes recorda que, por norma, há uma diferença de 1 a 2 semanas entre o pico de infeções e o pico de mortalidade.

“Nós temos uma projeção do pico para finais deste mês, eventualmente início do próximo, e depois um desfasamento de quase 15 dias para o pico dos óbitos”, considera o professor.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Engenheiros japoneses fizeram levitar objectos com "armadilha acústica"

Engenheiros japoneses descobriram uma forma de fazer pequenos objectos levitar usando apenas ondas sonoras, o que pode ser um passo importante para a tecnologia. A engenharia biomédica, o desenvolvimento de farmacêuticos e a nanotecnologia podem vir …

Juno fez a maior aproximação a Ganimedes das duas últimas décadas (e as imagens são de cortar a respiração)

A NASA divulgou, recentemente, um vídeo da sonda Juno a passar por Júpiter e Ganimedes, uma das suas luas. As imagens são de cortar a respiração. Juno visitou Ganimedes em junho. As imagens foram captadas no …

Homicídio com 32 anos resolvido com a menor amostra de ADN de sempre

Um caso de homicídio ocorrido há 32 anos, que muitos consideraram impossível de ser resolvido, foi finalmente desvendado (e tudo graças à amostra de ADN mais pequena de sempre usada para decifrar um caso). De acordo …

Braços robóticos controlados remotamente podem vir a realizar cirurgias delicadas

Um equipa de investigadores está a trabalhar para eliminar movimentos rígidos nos braços robóticos, de modo a torná-los mais ágeis. O objetivo é que no futuro estes possam empilhar pratos ou até realizar cirurgias delicadas. Os …

Alemão foi forçado a remover estátua do pai por esta se parecer com Hitler

Um alemão foi obrigado a retirar uma figura de madeira de um cemitério, que seria para homenagear o seu falecido pai, por ter semelhanças com o antigo ditador nazi. As autoridades do município de Weil im …

Podcast evita morte de um condenado (seis vezes)

Curtis Flowers foi julgado seis vezes pelo mesmo promotor de justiça. Um programa de investigação mudou o seu destino. O promotor continua a acreditar que Curtis é culpado. A própria equipa responsável pelo 60 Minutes, programa …

EUA venderam álbum único dos Wu-Tang Clan (que pertencia a Martin Shkreli)

O álbum do grupo Wu-Tang Clan, confiscado em 2018 ao antigo gestor de fundos Martin Shkreli, também conhecido como "o empresário mais odiado do mundo", foi agora vendido pelo Governo norte-americano. Num comunicado divulgado esta terça-feira, …

Bezos ofereceu 1,7 mil milhões de euros à NASA para entrar na corrida da próxima viagem à Lua

O empresário norte-americano ofereceu 1,7 mil milhões de euros à NASA numa tentativa de reacender a batalha espacial entre a sua empresa, a Blue Origin, e a do "rival" Elon Musk, a SpaceX. De acordo com …

Clientes com certificado digital válido impedidos de entrar em restaurantes

Estão a ser reportados vários casos de clientes que, ao apresentarem o certificado digital para poderem entrar num restaurante, não conseguem fazê-lo porque o documento está a ser considerado inválido pelos dispositivos eletrónicos. Segundo a rádio …

Covid-19 trouxe "paranoia" ao mercado

Diretor do Norwich City, da Premier League, acha que os responsáveis por alguns clubes não sabem bem o que estão a fazer nos últimos tempos. O Norwich City iria jogar contra o Coventry City, num encontro …