Pesticidas proibidos encontrados em águas subterrâneas

Foram encontrados pesticidas proibidos em concentrações bastante elevadas nas águas subterrâneas portuguesas — usadas para consumo humano em época de seca.

A Agência Portuguesa do Ambiente (APA) fez um estudo à qualidade das águas subterrâneas e encontrou níveis anormais de pesticidas proibidos em algumas zonas do território português. Estas águas são essenciais, uma vez que são usadas para consumo em época de seca.

A situação de seca não é estranha em Portugal e, ainda em março deste ano, metade do país estava em situação de seca. A APA mostra-se preocupada com a situação que dificulta a recarga dos aquíferos. Além disso, há uma maior procura por estas águas, apesar da sua contaminação com nitratos de origem agrícola, explica a TSF.

Os períodos de seca obrigaram a que se abrissem, desde outubro do ano passado, cerca de quatro mil novos furos de captação de água. É por isso importante repensar o nosso processo de preservação das águas subterrâneas, que podem ser cruciais durante a seca.

Felisbina Quadrado, diretora do Departamento de Recursos Hídricos, uma entidade do Ministério do Ambiente, diz que há algumas situações preocupantes e que é necessário ter cuidado com a racionalização deste recurso.

Contudo, os pesticidas proibidos por lei encontrados em quantidades bastante elevadas compromete a sua futura utilização.

“É matéria complicada, mas detetámos em alguns locais algumas contaminações com pesticidas que nos preocupam, sendo que algumas substâncias já nem estão autorizadas em Portugal, pelo que é preciso ter uma atenção redobrada nos impactos que a intensificação da atividade agrícola pode ter na qualidade da água”, explicou Felisbina.

As conclusões do estudo levado a cabo pela Agência Portuguesa do Ambiente serão apresentadas esta quinta-feira, mas Felisbina Quadrado adianta já que as zonas onde foram encontrados estes pesticidas estarão sujeitas a medidas para remediar a situação.

A diretora do Departamento de Recursos Hídricos não indicou quais os sítios em causa, mas explicou que estas são zonas onde a agricultura é mais intensa. Há mais de sete anos no cargo, Felisbina diz que é agora importante que estas práticas agrícolas se espalhem a outras áreas.

“Se estas substâncias já estão a chegar às nossas águas subterrâneas é porque estão a ser usadas em concentrações bastante elevadas, em excesso, que levam a que sejam arrastadas para os aquíferos, quando chove”, explicou.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. ………sempre desconfiei que esses pesticidas, eram umas……pestes, pois sempre confundiram o tamanho de uma colher de sopa com o da tampa do frasco..

RESPONDER

Palácio onde Churchill nasceu muda nome do "Quarto Indiano" (para afastar polémica sobre ligações coloniais)

O Palácio de Blenheim mudou o nome da sua “Sala Indiana” para evitar polémica sobre ligações coloniais numa nova exposição sobre Winston Churchill. Uma exposição intitulada "O Grande Britânico" no local de nascimento do líder do …

militares a cantar hino do Sporting na parada

Exército investiga vídeo de militares a cantar hino do Sporting na parada

O vídeo que mostra recrutas de um quartel do Funchal, na Madeira, a entoar cânticos de apoio ao Sporting durante uma parada militar está a ser investigado pelo Exército. O episódio terá acontecido depois de …

Autoridade Marítima diz que multas nas praias ainda não podem ser aplicadas

A Autoridade Marítima Nacional explicou hoje que a fiscalização das praias se vai pautar pela sensibilização para o cumprimento das medidas de prevenção da covid-19, indicando que as coimas por incumprimento só podem ser aplicadas …

Trabalhadores das cantinas e refeitórios em greve na 2.ª feira por aumentos salariais

Os trabalhadores das cantinas, refeitórios, fábricas de refeições e bares concessionados vão estar em greve na segunda-feira, por aumentos salariais, segundo a Federação dos Sindicatos de Agricultura, Alimentação, Bebidas, Hotelaria e Turismo de Portugal (FESAHT). Além …

469 novos casos, 7 mortes e 386 recuperados em Portugal nas últimas 24 horas

Portugal registou, nas últimas 24 horas, sete mortes atribuídas à covid-19 e 469 novos casos de infeção pelo coronavírus SARS-CoV-2, segundo o boletim epidemiológico da Direção Geral da Saúde. O número de internamentos continua a descer. …

Limpeza, segurança e discrição. O Monte de Saint Michael procura um "rei" para o seu castelo

O Monte de Saint Michael, uma fortificação histórica na Cornualha, está a procura de um "rei". O trabalho inclui a responsabilidade pela segurança e proteção do castelo.  Abriram as inscrições para um "oficial do castelo" residente …

China cancela subidas ao Evereste por receio de casos vindos do Nepal

A China cancelou as permissões de escalar o Monte Evereste do seu lado do pico mais alto do mundo devido ao receio de importar casos de covid-19 do vizinho Nepal, noticiou a imprensa estatal. O encerramento …

Marcelo e Ferro repudiam identificação “inaceitável” de deputada em notícia da Lusa

O Presidente da República e o presidente da Assembleia da República condenaram a “lamentável notícia” da Lusa na qual se identificava a deputada do PS, Romualda Fernandes, de modo “a todos os títulos inaceitável”. A …

Museu Nacional Soares dos Reis reabre (e revela peças raramente vistas)

O Museu Nacional de Soares dos Reis, no Porto, reabre este sábado com três exposições temporárias e um concerto do Ensemble Vento do Norte, porque é “urgente devolver o Museu à cidade e ao país”, …

Portugal tenta anular decisão de Bruxelas sobre ajudas ilegais na Zona Franca da Madeira

Na mesma altura que prepara a recuperação das ajudas às empresas, Portugal recorreu ao Tribunal para anular a decisão da Comissão Europeia que declarou ilegais as ajudas públicas atribuídas através da Zona Franca da Madeira …