PCP vetou Marisa Matias para presidente do grupo da esquerda unitária no Parlamento Europeu

O PCP vetou o nome de Marisa Matias para presidente do grupo Esquerda Unitária Europeia. Comunistas e bloquistas pertencem à mesma bancada no Parlamento Europeu, que tem estado desde o início de junho a tentar encontrar um nome consensual para a presidência do grupo.

Uma das soluções que mais posições favoráveis reuniu desde o início foi o nome da eurodeputada do BE, que se candidatou a presidente. Era uma das favoritas para ficar com o cargo, mas precisava de unanimidade.

Porém, de acordo com o Observador, foram os vetos de PCP e do AKEL, comunistas do Chipre, que impediram que Marisa Matias chegasse à liderança do grupo. O PCP vetou ainda uma solução proposta na sequência do impasse gerado pela falta de consenso em torno do nome da bloquista que previa uma liderança partilhada.

No seio da esquerda unitária, “as decisões são tomadas por consenso, não há votos”, explica Marisa Matias ao Observador. “O meu nome não reuniu esse consenso”, admite. “Prefiro dizer apenas que não houve consenso”.

A dada altura, e quando se percebeu que os comunistas portugueses e cipriotas não iam ceder e nunca aceitariam o nome da eurodeputada do BE para presidente do grupo, houve uma solução que voltou a reunir um amplo consenso: uma liderança dividida entre Marisa Matias e João Ferreira. Numa das metades do mandato a presidência deste grupo, com 52 assentos, ficaria a cargo da bloquista e na outra seria assumida pelo eurodeputado comunista. Foi aqui que o PCP voltou a vetar.

A ex-eurodeputada socialista Ana Gomes, próxima da bloquista, chegou a comentar a situação no Twitter. “Ressentimento, despeito e inveja nunca são bons conselheiros“, escreveu, numa demonstração de solidariedade e num ataque direto aos comunistas portugueses.

Perante o impasse e com o início da nova legislatura à porta, foi encontrada uma solução provisória: uma liderança a quatro, com um presidente e três vice-presidentes. Em comunicado, o grupo da Esquerda Unitária Europeia confirmou que Marisa Matias e João Ferreira fazem parte deste leque, ambos como número dois. O presidente interino é Martin Schirdewan, do Die Linke (Alemanha), ficando o terceiro lugar de vice ocupado por Nikolaj Villumsen, da Aliança Verde, da Dinamarca.

Marisa Matias explicou que esta é uma “solução temporária que só começará a ser resolvida a partir do dia 16 de julho, quando a questão voltar a ser discutida no seio do grupo”. A segunda ronda negocial pode durar meses, já que o Parlamento Europeu encerra durante o mês de agosto. Sobre uma eventual recandidatura à presidência do grupo, a dirigente do BE não quis responder.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

"Acho ridículo que sejam feitas obras, portas ou não", diz Ventura

O CDS que não quer o líder do Chega no meio dos seus deputados e a solução pode mesmo passar por abrir uma porta especial para o deputado. "Acho ridículo", comenta André Ventura. Na última conferência …

Duas vitórias em 14 jogos. Benfica quer travar o calvário da Champions

O Benfica recebe esta quarta-feira o Lyon, estando praticamente obrigado a ganhar para seguir em frente na competição milionária. Apesar de reconhecer a dificuldade, Rúben Dias acredita os encarnados vão voltar aos bons resultados. A …

Barcelona-Real Madrid oficialmente adiado para 18 de dezembro

O Comité de Competições da Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF) concordou, esta quarta-feira, em marcar o FC Barcelona-Real Madrid, que se deveria disputar no sábado, para 18 de dezembro, "por motivos excecionais". A data inicial …

Embaixador dos EUA em Kiev confirma chantagem de Trump para forçar investigação a filho de Joe Biden

O processo de impeachent a Donald Trump conheceu um testemunho que pode ser determinante. O embaixador dos Estados Unidos em Kiev, na Ucrânia, Bill Taylor, foi ouvido no Congresso norte-americano na terça-feira e apontou o …

Hospital de Évora fez pagamentos indevidos a médicos

O Tribunal de Contas detetou pagamentos ilegais a médicos com funções de gestão de 2015 a 2018 e concluiu que dois técnicos superiores foram nomeados administradores do Hospital de Évora sem reunirem os requisitos legais …

"Infortúnios" vão chegar "mais cedo do que o esperado". Marcelo pede mais crescimento económico

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, diz que o país precisa de mais crescimento económico. "Este que temos não chega", porque "os infortúnios" vão chegar mais cedo do que o previsto. Esta terça-feira, o …

Arqueólogo encontra dezenas de sítios maia graças a um mapa online gratuito

Um arqueólogo norte-americano descobriu 27 sítios maias com 3.000 anos graças a um mapa online gratuito, escreve o jornal The New York Times. Takeshi Inomata, arqueólogo da Universidade do Arizona, nos Estado Unidos, utilizou um mapa …

39 pessoas encontradas mortas dentro de um camião no Reino Unido

Um camião foi encontrado, esta quarta-feira, em Essex, no Reino Unido, com 39 pessoas sem vida no seu interior. O condutor já foi detido. Segundo o The Guardian, as autoridades britânicas já iniciaram uma investigação, depois …

Hospital das Forças Armadas não operou um único doente do SNS

O Hospital das Forças Armadas (HFAR) ainda não apresentou qualquer candidatura para ser “convencionado pelo Serviço Nacional de Saúde”. No ano passado, os ministérios da Defesa e da Saúde assinaram um acordo para que o Hospital …

Chuvas torrenciais fazem um morto em Espanha e inundações em França

Em Espanha, uma pessoa morreu e pelo menos outras duas estão desaparecidas. No sul de França, a tempestade Dana também já causou várias inundações. Segundo o jornal La Vanguardia, as chuvas torrenciais registadas, esta madrugada, na …