Paulo Gomes é o novo presidente do Vitória de Setúbal

(dr) Vitória FC

Paulo Gomes, o novo presidente do Vitória de Setúbal

O ex-vice-presidente, líder da lista D, foi eleito presidente do Vitória de Setúbal para o mandato 2020-2023, com um total de 875 votos.

Paulo Gomes, de 50 anos, foi o mais votado das cinco listas candidatas, destronando da liderança do clube da I Liga de futebol Vítor Hugo Valente, da lista E, que foi segundo com 731 votos.

No total de 2.384 votos apurados no pavilhão Antoine Velge, José Dias Mendes (lista C), com 332 votos, Pedro Gaiveo Luzio (B), com 246, e Chumbita Nunes (A), com 181, ocuparam as posições seguintes.

No sufrágio mais concorrido do emblema setubalense no século XXI [o máximo anterior tinha acontecido nas eleições de 2003 em que foram contabilizados 2000 votos], registaram-se oito votos brancos e 11 nulos.

Depois de encerradas as urnas, a festa do triunfo fez-se ainda antes de Cardoso Ferreira, presidente da mesa da assembleia geral, ter anunciado o resultado das votações. Já conhecedores da votação final, Paulo Gomes e os restantes elementos da sua lista eleitos para os órgãos sociais entraram no recinto a festejar o êxito.

O empresário, que a 18 de dezembro de 2019 se tinha demitido com outros quatro elementos da direção, decisão que fez a presidência de Vítor Hugo Valente perder o quórum, obrigando à realização de eleições nos 30 dias seguintes, é empossado segunda-feira no Bonfim, pelas 18h00.

No discurso aos associados presentes no pavilhão Antoine Velge, Paulo Gomes deixou a promessa de trabalhar arduamente com a sua equipa em prol do clube. “Esta equipa promete trabalho já a partir de segunda-feira e a partir daí vamos à luta todos os dias. Já hoje estaremos no Jamor a apoiar a equipa no jogo com o Belenenses”.

O novo presidente do Vitória de Setúbal dedicou o triunfo nas eleições ao seu pai Manuel Gomes, de 81 anos, que faleceu na madrugada de quarta-feira. “Esta vitória não podia ser dedicada a outra pessoa que não o meu pai. Tenho a certeza que neste momento está orgulhoso em paz”, disse emocionado.

O clube sadino tem sido notícia nos últimos dias por causa do desentendimento com o Sporting, na sequência da recusa dos leões em adiar o jogo, no passado fim-de-semana, devido a um surto de gripe e a uma virose que afetou vários jogadores do plantel.

Na conferência depois do jogo, o ex-presidente do Vitória anunciou o corte de relações com os leões. Frederico Varandas, por sua vez, disse que só não fazia o mesmo “por respeito ao clube e à sua história” e porque tinha “a expectativa que as pessoas que dirigem o clube deixem de representar o Vitória Futebol Clube até ao final do mês”. O que veio a confirmar-se esta sexta-feira à noite.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Governo disponível para retomar reuniões no Infarmed (mas nega falta de informação)

O Governo manifestou esta quinta-feira “abertura para retomar as reuniões” no Infarmed sobre o ponto de situação da epidemia de covid-19, mas rejeitou falhas na informação ao parlamento e aos partidos. Na conferência de imprensa do …

Israel e Emirados Árabes Unidos alcançam "acordo histórico" mediado pelos Estados Unidos

O Presidente norte-americano, Donald Trump, anunciou esta quinta-feira que Israel e os Emirados Árabes Unidos concordaram em estabelecer relações diplomáticas plenas, como parte de um acordo para impedir a anexação israelita de terras ocupadas pelos …

Em contingência, Câmaras de Lisboa passam a definir horários do comércio. O (pouco) que muda este sábado

A generalidade de Portugal continental continuará em situação de alerta e a Área Metropolitana de Lisboa em situação de contingência até ao final do mês devido à pandemia de covid-19, anunciou o Governo. Segundo explicou esta …

Três meses depois do anúncio, o apoio de emergência às Artes ainda não chegou

Cinquenta das 311 entidades abrangidas pela Linha de Apoio de Emergência às Artes, dotada de 1,7 milhões, ainda não tinham esta quinta-feira recebido o valor que lhes foi atribuído, três meses depois do anúncio dos …

Avaliação dos professores, "mock exams" e testes no outono. Britânicos podem "escolher" as próprias notas

O Governo britânico deu aos estudantes de liceu três alternativas diferentes para obterem o resultado das suas avaliações deste ano letivo, que foi atípico devido à pandemia de covid-19. De acordo com o jornal britânico The …

Governo reitera que não há exceções para a Festa do Avante. Críticas multiplicam-se

A ministra de Estado e da Presidência destacou que o Governo “não tem competências legais ou constitucionais” para proibir iniciativas políticas como a Festa do Avante!, mas salientou que não serão admitidas exceções às regras. Na …

Trabalhadores que estiveram em lay-off durante pelo menos 30 dias também vão ter bónus

O Conselho de Ministros aprovou um decreto-lei que clarifica que os trabalhadores que estiveram em lay-off por mais de 30 dias consecutivos, mesmo sem completar um mês civil, vão receber o complemento de estabilização. "Criado com …

Marcelo pede tolerância zero contra o racismo (e pede “sentido nacional” a Governo e oposição)

O Presidente da República recomendou esta quinta-feira aos democratas “tolerância zero” e “sensatez” para combater o racismo, ao comentar as ameaças de que foram alvo três deputadas e outros sete ativistas. “Os democratas devem ser muito …

43% das escolas no mundo sem condições de higiene para reabertura segura

Mais de 40% das escolas no mundo não têm acesso a condições básicas de higiene, como água para lavar as mãos e sabão, aumentando os riscos de reabertura no contexto da pandemia de covid-19, alertam …

Mais seis mortes, 325 novos casos e 237 recuperados

Portugal regista esta quinta-fira mais seis mortes por covid-19, 325 novos casos de infeção e mais 237 pessoas dadas como recuperadas em relação a quarta-feira, segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo …