Pastorinhos de Fátima em versão Avatar em projecto milionário

Imaginew / Facebook

Avatar de Jacinta para o filme “Fé” sobre os Pastorinhos de Fátima

Um filme de animação sobre os acontecimentos de Fátima, que está a ser produzido no Porto e com estreia mundial a 13 de maio de 2017, inclui um boneco do papa Francisco, já convidado a dar voz à personagem.

Rui Pedro Oliveira, da empresa Imaginew – responsável pela produção, realização, distribuição e promoção do filme, de nome “Fé” -, explicou que a animação será uma produção em 3D sem atores reais com duração de 70 a 80 minutos e um investimento de oito milhões de euros.

Segundo Rui Pedro Oliveira, o filme é para pessoas dos 10 aos 100 anos, vai ser falado em português, inglês, espanhol, italiano e polaco, e legendado em “mais de 30 línguas” para chegar aos 1,2 mil milhões de católicos em todo o mundo.

“A ideia surgiu por acaso. O ano passado fui ao santuário e reparei que faltava pouco tempo para assinalar os 100 anos do milagre das aparições. Então, pensei em fazer algo fora da caixa”, afirmou, assumindo que o objetivo “é engrandecer nacional e internacionalmente o Santuário de Fátima”.

Em maio de 2017, comemoram-se os 100 anos dos acontecimentos de Fátima e o papa Francisco já confirmou que quer deslocar-se ao maior templo mariano do país.

Rui Pedro Oliveira explicou que “” é um filme com tecnologia de ponta, divertido, fiel aos acontecimentos, com elevado rigor histórico e científico, mas “cheio de surpresas e aventuras”, que teve a aprovação do Santuário de Fátima e do Vaticano.

Caracterizando-o como “audaz e arrojado”, o responsável acredita que a aceitação do público será boa, porque é uma “bonita história com uma forte mensagem”.

O responsável revelou que grande parte das vozes que darão vida às personagens animadas já foram escolhidas, mas escusou-se a revelar nomes, adiantando apenas ter enviado uma carta ao papa Francisco para dar voz ao seu boneco.

“Apesar de ter esperança que o papa Francisco aceite, ainda não recebi qualquer resposta do Vaticano, porque estes assuntos demoram tempo. Mas, mesmo que não aceite, certamente irá responder”, declarou Rui Pedro Oliveira.

O produtor adiantou que os bonecos já estão a ser desenhados, assinalando que o da Jacinta Marto está pronto.

Os desenhos são trabalhos demorados, porque têm de reproduzir o “mais fielmente possível” as personagens, tanto que há um profissional apenas para animar cabelos, poeiras e água, realçou.

O produtor da animação do filme, da empresa Sketchpixel, que já trabalhou nos filmes “Senhor dos Anéis”, “Harry Potter”, “Avatar” ou “Noé”, esclareceu que a modelação da primeira personagem demora cerca de três meses e, as seguintes, já oscilam entre um e dois meses.

“Na fase de concept é preciso estudar todas as expressões corporais e faciais, o movimento, o comportamento e a personalidade porque, por exemplo, o andar de uma pessoa divertida é diferente do de uma pessoa sisuda”, notou Miguel Abreu.

A banda sonora do “Fé” foi elaborada por um compositor e maestro português, mas terá a participação da orquestra Divan, composta por músicos muçulmanos, católicos e judeus.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Défice desce para 5,3% do PIB no 2.º trimestre do ano

O défice orçamental do primeiro semestre deste ano é de 5,5% do PIB. A meta do ministro das Finanças para o ano de 2021 é de 4,5%.  O défice orçamental fixou-se em 5,3% do PIB no …

É a maior contração desde 1995. INE revê queda do PIB para 8,4%

A queda foi pior do que se esperava: o Produto Interno Bruto (PIB) recuou 8,4% e não 7,6%, indicam os recentes dados do Instituto Nacional de Estatística (INE). O Produto Interno Bruto (PIB) caiu 8,4% em …

EUA aprovam terceira dose da Pfizer para maiores de 65 anos e grupos de risco

A Food and Drugs Adminustration (FDA) anunciou, na noite de quarta-feira, ter dado luz verde à administração de uma terceira dose da vacina da Pfizer em alguns casos. O organismo que regula a comercialização de medicamentos …

Estabelecimentos de Santos vão encerrar mais cedo. Psicólogos alertam que fim de restrições pode levar a excessos

Redução do horário é a solução encontrada pelos empresários para dar resposta à recente onda de criminalidade que se tem registado na zona de Santos. Especialistas em psicologia apontam o levantar das medidas de restrição, …

885 novos casos e cinco mortes. Internamentos continuam em queda

Portugal registou 885 novos casos e cinco mortes na sequência da infeção por covid-19, de acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde. Segundo o último boletim da Direção-Geral da Saúde, Portugal registou, nas últimas …

Número de professores de informática é insuficiente para responder à procura

Aquela que poderia ser uma notícia positiva tem, na realidade, um contexto negativo, já que evidencia uma falha estrutural do sistema de ensino português. De acordo com as informações veiculadas pela Direção-Geral da Administração Escolar (DGAE), …

De olhos postos em Almada e com a aposta em Joana Mortágua, o Bloco volta a prometer passes a 20 euros

Em campanha em Almada com Joana Mortágua, a habitação e os passes sociais foram os temas em cima da mesa do Bloco de Esquerda. Depois de andar em campanha no Norte, o Bloco de Esquerda foi …

Brasil, EUA e Canadá. TAP prevê aumento de voos entre outubro e março

A TAP já está de olhos postos em novos voos para recuperar a sua operação no segundo semestre do ano e no inverno IATA – entre outubro e março. A empresa “espera progressos em termos de …

Vulcão, La Palma

Uma tragédia anunciada em Janeiro. Cinzas do vulcão de La Palma a caminho de Portugal

A lava do vulcão Cumbre Vieja continua a cobrir La Palma, nas Canárias, e já destruiu mais de 300 casas. Enquanto as cinzas vulcânicas se estão a deslocar para a Península Ibérica, surge a notícia …

Líder parlamentar do BE diz que Costa "transformou eleições numa caricatura"

O líder parlamentar do BE, Pedro Filipe Soares, afirmou na quarta-feira que António Costa transformou as eleições autárquicas de 26 de setembro numa “caricatura”, considerando que o primeiro-ministro “vai a todo o lado prometer tudo”. O …