Parceiros sociais foram a Belém deixar um recado: o pior está para vir

Miguel A. Lopes / Lusa

O presidente da Confederação Empresarial de Portugal (CIP), António Saraiva

Patrões e sindicatos foram a Belém traçar o retrato do país e, ao contrário do que é habitual, parece haver um consenso: o quadro do país é negro e está longe de começar a melhorar.

Isabel Camarinha, líder da CGTP, foi a primeira a ser recebida pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, esta quarta-feira, e começou por afirmar que “estamos muito preocupados”. O desemprego, que subiu para os 7%, assusta e para Lucinda Dâmaso, presidente da UGT, “é provável que a taxa de desemprego venha a disparar”.

Segundo o Expresso, António Saraiva, presidente da CIP, sentou-se em frente a Marcelo para avisar que “há um perigo muito objetivo de aumento do desemprego”. “Lamentavelmente, antevejo que algum tecido empresarial vá desaparecer.”

“Não vamos ser cínicos e dizer que mesmo com o anterior modelo de lay-off o desemprego não ia aumentar. Vai, sim”, disse o responsável, numa crítica às medidas de apoio à economia lançadas pelo Governo que, na sua ótica, não são suficientes. Nem mesmo as últimas alterações feitas no regime de lay-off.

Vieira Lopes, da Confederação do Comércio, corroborou, garantindo que as medidas avançadas “não impedem o efeito em setembro de encerramento de empresas e de redução de quadros”. Neste quadro negro, o “desemprego é inevitável” e nem os fundos europeus ou o plano de retoma económica de Costa e Silva são uma garantia de melhoria.

“Os fundos só chegarão no segundo semestre de 2021 e a nossa preocupação é a de saber se o Estado tem capacidade técnica para aplicar e gerir esses fundos”, disse, referindo ainda que o plano Costa e Silva “é omisso em relação aos setores do turismo, comércio e serviços, que só por si representam 70% do PIB”.

A solução, essa, passa por um “choque de consumo”. A Confederação do Comércio quer baixar o IVA da restauração para estimular o consumo e reduzir as retenções na fonte dos salários dos trabalhadores, para aumentar os rendimentos e o poder de compra das famílias.

Francisco Calheiros, líder da Confederação do Turismo, foi o último a ser recebido. Sentou-se para afirmar que o setor é o mais prejudicado com a pandemia e que a não reposição do modelo de lay-off simplificado é “inexplicável”. “As medidas de apoio à economia teimam em não aparecer.”

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Ora, com o desemprego a disparar não tarda, como querem um choque de consumo? Só se for consumo de ar que ainda não paga imposto (por enquanto)…

RESPONDER

Pandemia já matou quase tantos norte-americanos como a gripe espanhola

A covid-19 já matou quase tantos norte-americanos, no último ano e meio, como a gripe espanhola, entre 1918 e 1919, de acordo com dados esta terça-feira divulgados pela Universidade Johns Hopkins. Embora o aumento das novas …

Crónica ZAP - Linha de Fundo por Teófilo Fernando

Linha de Fundo: A sexta, a bonança e um festival de juventude

O pleno das águias, o regresso do campeão às vitórias e um dragão jovem com chama alta. As frases e os números da semana. Visto da Linha de Fundo. A prática de Darwin SL Benfica 3 …

Autoeuropa retoma hoje produção após paragem face à crise dos semicondutores

Falta de semicondutores tem sido uma constante, apesar da melhora da situação pandémica, face ao atraso dos países asiáticos no que concerne à vacinação, o que obriga à paragem das fábricas responsáveis pelo fabrico das …

Os smartphones avariam mal acaba a garantia? Portugal e a UE estão a lutar contra a obsolescência programada

As empresas criam os telemóveis para avariarem pouco depois de acabar a garantia - mas a União Europeia e várias associações estão a lutar contra o desperdício e a tentar proteger os direitos do consumidor. É …

Lava do vulcão de La Palma está a escorrer em direção ao mar aumentando o risco de gases tóxicos

O vulcão Cumbre Vieja na ilha de La Palma, nas Canárias, que entrou em erupção no domingo, tem uma nova boca eruptiva, o que obrigou a evacuar mais habitações, informaram as autoridades. De acordo como Plano …

Adesão ao IVAucher quase duplicou no último mês - mas restauração quer mais medidas

No último mês, quase duplicou o número de contribuintes que se inscreveu no programa que permitirá rebater os descontos acumulados no âmbito da iniciativa IVAucher. De acordo com o Jornal de Notícias, a 23 de agosto, …

Tribunal Europeu dos Direitos Humanos culpa Rússia pelo assassinato de Alexander Litvinenko

Decisão remonta ao incidente de novembro de 2006, que ocorreu num hotel londrino, seis anos após o dissidente político se ter mudado para o Reino Unido, precisamente para fugir às ameaças do regime de Vladimir …

"Tratam-nos assim por causa da cor da nossa pele". Polícias nos EUA filmados a chicotear migrantes

Fotos e vídeos mostram polícias na fronteira a carregar contra migrantes e a usar objectos semelhantes a chicotes. A Casa Branca já condenou a situação e promete que vai investigar o sucedido. Pareciam imagens do tempo …

Benfica: a principal ameaça na Liga dos Campeões será Darwin

Pelo menos é a visão catalã. Benfica é o próximo adversário do Barcelona. Mais um jogo, mais uma vitória. O Benfica só sabe ganhar no campeonato português, para já, e na noite passada venceu em casa …

Estado vai financiar formação de funcionários públicos em universidades e politécnicos

Verbas destinadas ao projeto provêm do Orçamento do Estado e do Plano de Recuperação e Resiliência — cerca de 600 milhões. O Estado vai financiar, inteira ou parcialmente, as formações profissionais dos profissionais públicos, através do …