Pais, alunos e professores manifestam-se quinta-feira contra falta de docentes

Julien Lagarde / Flickr

-

Pais, alunos, professores e funcionários vão manifestar-se quinta-feira em frente às escolas onde continuam a faltar professores, cinco semanas depois de terem começado as aulas, anunciaram hoje responsáveis pela iniciativa.

Numa conferência de imprensa realizada hoje em frente à escola básica Pedro Santarém, em Lisboa, professores, pais e elementos da associação de pais daquela escola alertaram para a “mais caótica abertura de ano letivo de que há memória”.

Na escola básica Pedro Santarém, por exemplo, “continuam a faltar 23 professores: três do 1.º ciclo, uma docente do jardim-de-infância e os restantes do 2.º e 3.º ciclo”, disse Patrícia Henriques, da associação de pais daquele estabelecimento de ensino.

Sem professores, os alunos do 1.º ciclo viram chegar à escola um monitor disponibilizado pela junta de freguesia e depois acabaram por ser “transferidos” para as salas de aula dos outros meninos, contou por seu turno, Carla Semeão, também da associação de pais.

Já no caso dos alunos do 2.º e 3.º ciclo, a situação “ainda é mais caricata: temos meninos que vinham às 8h30 da manhã para ter uma aula e depois às 9h30 regressavam para casa, porque não tinham mais professores para dar as restantes aulas”, criticou Patrícia Henriques.

“Esta é a mais caótica abertura de ano letivo de que há memória”, lamentou Patrícia.

“Nunca houve nada desta dimensão”

Mesmo ali ao lado, no agrupamento de escolas da Quinta de Marrocos a situação repete-se, segundo os relatos do professor Manuel Grilo.

“Falta um professor do 1.º ciclo e vários do 2.º e 3.º ciclo. Há sempre problemas no arranque do ano, mas nunca houve nada desta dimensão. Nunca houve tantos alunos sem aulas e tantos professores sem escola”, criticou Manuel Grilo, que dá aulas naquela escola desde 2000.

Belardina Vaz, que é professora precária desde 1999, conseguiu este ano um horário de 14 horas na escola D. Pedro V, em Lisboa.

Todos os dias, desde que começaram as aulas, chega à escola e vê alunos sem aulas, por falta de professor de História, a disciplina que ministra. “Acho incrível que eu esteja ali com um horário reduzido e a direção da escola não me possa requisitar para dar aulas aos alunos que estão sem professor há cinco semanas”, criticou a docente.

Para estes professores e pais, o problema poderia ser facilmente resolvido: “Bastava o ministério decidir preencher as vagas colocando os professores pela lista de graduação nacional e o problema resolvia-se em dois dias”, defendeu Belardina Vaz, acrescentando que os professores já colocados deverão manter-se ao serviço e os que foram erradamente colocados deverão ficar para reforçar as necessidades das escolas.

Na quinta-feira, os pais e professores vão manifestar-se entre as 19h30 e as 20h30 em frente às escolas onde ainda há problemas e estão a apelar a que os manifestantes coloquem fotos da contestação na página de Facebook.

Já aderiram ao protesto, o professor Santana Castilho, o presidente da Associação Nacional de Professores Contratados (ANVPC), Arlindo Ferreira, autor do blogue de Ar Lindo, Paulo Guinote, do blogue A Educação do Meu Umbigo, dirigentes sindicais e representantes de associações de pais.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Revelada a primeira fotografia de entrelaçamento quântico

Pela primeira vez na História, os cientistas capturaram uma fotografia de entrelaçamento quântico - um fenómeno tão estranho que o físico Albert Einstein o descreveu como "uma ação fantasmagórica à distância". A imagem foi capturada por …

Netflix retira imagens de suicídio de "13 Reasons Why"

A Netflix modificou o episódio da série "13 Reasons Why" onde apareciam imagens do suicídio da protagonista Hannah Baker (Katherine Langford), passando agora essa parte da ação a ocorrer de forma totalmente oculta para os …

Belinda Sharpe é a primeira árbitra do râguebi australiano em 111 anos

Belinda Sharpe vai tornar-se na primeira árbitra de campo na história de 111 anos da liga profissional de râguebi na Austrália, quando dirigir um jogo do campeonato agendado para quinta-feira. A Liga Nacional de Râguebi (NRL) …

Os chimpanzés não têm noção de justiça e aceitam desigualdades

Os chimpanzés carecem da noção de justiça e aceitam a desigualdade na repartição de comida ou materiais, segundo a investigadora Nereida Bueno. A cientista, da Universidade Pontificia de Camillas, que participou num estudo publicado esta semana …

Descartar drogas pelo esgoto pode criar "meta-caimões" nos Estados Unidos

O Departamento da Polícia de Loretto, no estado norte-americano do Tennessee, alertou este sábado para os perigos associados à eliminação de narcóticos através das canalizações das casas de banho. Numa publicação na página oficial de Facebook, …

Descoberta nova via terapêutica para tratar o Alzheimer

Um grupo de cientistas descobriu uma nova via terapêutica para tratamento do Alzheimer, que segundo os investigadores cria “alguma esperança” para travar o desenvolvimento da doença em estágios mais iniciais. O projeto, cujas conclusões foram publicadas …

Exército de carraças está a dizimar vacas (e pode chegar aos humanos)

Uma espécie invasiva de carraças já dizimou um quinto da população de vacas na Carolina do Norte. Os cientistas temem que o próximo alvo podem ser os humanos. A espécie de carraça Haemaphysalis longicornis tem feito …

Ucrânia aprova castração química para pedófilos

Na Ucrânia, será administrada uma injeção que reduz o libido aos pedófilos. A legislação vai aplicar-se a homens com idades entre os 18 e os 65 anos que forem considerados culpados de violação ou abuso …

Em vez de desaparecer, ilhas do Pacífico poderão mudar de forma

Países insulares como Tuvalu, Toquelau e Kiribati passam o nível do mar em poucos metros. Estes são Estados considerados vulneráveis ao aquecimento climático do planeta e as populações acreditam que podem desaparecer com a subida …

Morreu o pugilista Pernell Whitaker. O campeão olímpico foi vítima de atropelamento

O pugilista norte-americano Pernell Whitaker morreu atropelado este domingo em Virginia Beach, aos 55 anos. O atleta foi atingido mortalmente quando atravessava a estrada num cruzamento, durante a noite. Num comunicado enviado ao Guardian, o Departamento …