OMS Europa recomenda reforço de medidas. Suíça prolonga confinamento

Nuno André Ferreira / Lusa

A Organização Mundial de Saúde (OMS) apelou esta quinta-feira aos países europeus para reforçarem medidas de controlo de contágio pelo novo coronavírus face à “situação alarmante provocada pela nova variante descoberta no Reino Unido”, noticiou a agência Lusa.

Numa conferência de imprensa virtual, o diretor regional da organização, Hans Kluge, afirmou que a Europa está “num ponto de viragem” da pandemia, defendendo que “ciência, política, tecnologia e valores têm de formar uma frente unida para fazer recuar este persistente e elusivo vírus”.

Segundo a Lusa, a França conhece esta quinta-feira os pormenores sobre a campanha de vacinação contra a covid-19, após críticas à lentidão do processo e de o Governo ter adiantado que irá acelerar e simplificar as operações.

Os pormenores serão dados a conhecer numa conferência de imprensa conjunta do primeiro-ministro, Jean Castex, e do ministro da Saúde, Olivier Véran. Na terça-feira, Véran indicou que a França vai acelerar e simplificar a vacinação contra a covid-19 para “velocidade cruzeiro”, para se juntar aos parceiros europeus.

“Passámos [segunda-feira] as 2.000 vacinações, daqui até quinta-feira [hoje] vamos aumentar bastante e vamos entrar numa curva exponencial. […] Vamos amplificar, acelerar e simplificar a nossa estratégia de vacinação”, garantiu o ministro numa entrevista à rádio RTL.

O governante enfrenta desde segunda-feira críticas sobre a lentidão da vacinação no país face a outros parceiros europeus, como a Alemanha. “O ritmo de cruzeiro da vacinação vai pôr-nos ao mesmo nível dos nossos vizinhos nos próximos dias”, assegurou Olivier Véran.

A França começou por vacinar o pessoal hospitalar em risco e os residentes de lares de idosos. No entanto, o ministro anunciou terça-feira que as pessoas com mais de 75 anos que vivam fora dos lares devem começar a ser vacinadas até ao fim de janeiro.

Será ainda possível aos restantes franceses inscreverem-se para a vacinação nos próximos dias, através da aplicação TousAntiCovid, a forma que o Governo francês encontrou para esta fase de combate à pandemia do novo coronavírus.

Até quarta-feira, a França acumulou 2.705.618 casos e 66.565 óbitos. Atualmente, há 24.741 pessoas hospitalizadas infetadas com covid-19, estando 2.616 delas internadas nos cuidados intensivos.

Suíça prolonga confinamento “leve” até final de fevereiro

A Suíça vai prolongar o confinamento por mais cinco semanas, até final de fevereiro, decisão que se tornará oficial na próxima semana, após reuniões com os cantões. De acordo com o Governo, em vigor estarão já o fim das exceções para as regiões menos atingidas, com as medidas atuais a serem alargadas a todo o país a partir de sábado.

Como noticiou o Jornal de Negócios, o país adotou um confinamento mais suave, que incluía o encerramento da restauração, museus, salas de espetáculos e recintos desportivos e um apelo ao recolhimento domiciliário da população.

O prolongamento das medidas, apontou o Governo, é necessário porque “já é previsível que o número de casos não irá diminuir de forma significativa e sustentada nas próximas semanas”. O país tem registado um número de novos casos diários elevado, o que pode levar ao encerramento do comércio e à obrigatoriedade do teletrabalho.

“Temos uma maratona no que respeita a esta pandemia e agora a parte mais dura começa, com as pessoas fartas e a quererem desistir. Mas não podemos fazer isso”, afirmou o ministro da Saúde, Alain Berset da Suíça, país que soma 470.789 casos desde o início da pandemia, o que corresponde a 5,4% da população, e 7.434 mortes.

Taísa Pagno ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

“É como ser queimado com ácido quente“. Planta venenosa australiana causa dores que podem durar anos

Os "cabelos" da planta gympie-gympie causam uma picada tão tóxica que a dor pode durar anos. Esta pode ser encontrada nas florestas australianas. A gympie-gympie, ou dendrocnide moroides, é um tipo de arbusto que recebe o …

Sporting 1-1 Famalicão | Leão volta a tremer e vê Porto a 6

Segundo empate consecutivo do Sporting na Liga NOS, e pelo mesmo resultado, 1-1. Na recepção ao Famalicão, o líder do campeonato começou bem, marcou, mas sofreu um golo de imediato e nunca mais se encontrou …

Arqueólogos descobrem túnel medieval na Polónia. Tinha restos mortais de 18 carmelitas

Uma equipa de arqueólogos descobriu um cemitério medieval onde estava sediado um mosteiro do século XIV. No local foi ainda encontrado um túnel com dezoito esqueletos de padres carmelitas. A descoberta ocorreu em Jaslo - uma …

Militantes apoiados pelo Al-Qaeda defendem uso de mel contra a covid-19

O Al-Shabaab, um grupo rebelde islâmico apoiado pela Al-Qaeda, apela ao boicote à vacina da AstraZeneca contra a covid-19. A alternativa é "cominho preto e mel". A vacina da AstraZeneca não está apenas a levantar preocupações …

Em menos de um ano, a polícia foi chamada a intervir pelo menos nove vezes na mansão dos Sussex

A vida nos Estados Unidos não tem sido fácil para os duques de Sussex. No último ano, a polícia da Califórnia foi chamada pelo menos nove menos à mansão onde o casal habita desde que …

Rivalidade entre China e Índia é obstáculo à maior aproximação entre os BRICS, diz especialista

Apesar de os BRICS representarem "o tipo de relações entre países que queremos no século XXI", a rivalidade entre a Índia e a China ainda é um obstáculo a uma maior integração, dizem os especialistas. Na …

Variante sul-africana pode resistir à Pfizer. China pondera misturar vacinas

A variante do coronavírus descoberta na África do Sul pode "romper" a vacina contra a covid-19 da Pfizer/BioNTech até certo ponto, concluiu um estudo em Israel, embora a sua prevalência no país seja baixa e …

Rússia garante que não haverá guerra com Ucrânia. EUA desconfiam e prometem consequências

O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, descartou este domingo a possibilidade de uma guerra com a Ucrânia, depois de Kiev ter manifestado preocupação com o reforço de tropas russas nas suas fronteiras. “Ninguém está a embarcar …

Inspetores do SEF rejeitam extinção sem aval do Parlamento (e dizem estar em causa o Espaço Schengen)

O sindicato dos inspetores do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) rejeitou este domingo a extinção daquele organismo sem a aprovação formal da Assembleia da República e considerou que está em causa a permanência de …

Testes rápidos registaram maior número de sempre. APED defende venda nos super e hipermercados

O recurso a testes rápidos de antigénio à covid-19 está a aumentar em Portugal, tendo atingido o maior número a 7 de abril, com mais de 34 mil realizados nesse dia, segundo dados do Instituto …