Omar Mateen terá agido por vingança contra parceiro com VIH

(dr)

O atirador de Orlando, Omar Mateen

Um alegado amante do muçulmano que matou 49 pessoas numa discoteca em Orlando acredita que o ataque não foi motivado por ideais terroristas mas sim por vingança.

Numa entrevista ao canal Univision, um alegado antigo companheiro de Omar Mateen disse que o que terá motivado o ataque à discoteca Pulse, em Orlando, foi uma vingança.

O alegado amante, que escolheu o nome “Miguel” para dar a entrevista, contou que teve um relacionamento casual com o atirador durante dois meses.

Os dois conheceram-se através de uma aplicação de encontros chamada Grindr, estiveram várias vezes juntos e o homem, de origem hispânica, conta que até a mulher de Omar sabia da sua orientação sexual.

“‘Eu perguntei-lhe: como é que a tua mulher sabe que tu és gay?’, ao que ele me respondeu ‘não te preocupes com isso, ela sabe que sou gay e também sabe que é como uma cortina de fumo“, conta.

O homem acredita que o ataque à discoteca, que matou 49 pessoas, foi motivado por uma vingança contra homens latinos, especialmente dois porto-riquenhos com quem se envolveu.

Segundo Miguel, um dos homens estava infetado com o vírus HIV e não terá dito nada a Omar quando estes tiveram relações sem proteção.

Apesar de os testes para saber se também estava infetado terem dado negativos, o muçulmano nunca terá lidado bem com a situação.

“Ele dizia que tinha raiva, muita raiva dos porto-riquenhos, e quando lhe perguntei porquê, ele disse-me que esses gays achavam que eram a última Coca-Cola do deserto e que pensavam ser os maiores”, relembra.

Tiroteio não foi um ato terrorista

Dessa forma, Miguel acredita que as motivações que o levaram a realizar o ataque nada têm que ver com terrorismo ou com homofobia.

“Essa pode ser a resposta para o Governo, mas não para mim”, respondeu o amante, quando questionado se Omar era mesmo um terrorista.

Miguel conta ainda que quando viu as notícias na televisão ficou totalmente estupefacto, porque aquele não era o homem que tinha conhecido.

“O Omar Mateen que eu conheci era um homem carinhoso, um homem que tinha os seus problemas, as suas frustrações, as suas inseguranças mas, no fundo, era um homem que tinha falta de amor”.

“Não quero limpar a sua imagem. Isso seria uma ofensa para a comunidade LGBT. Simplesmente quero que o mundo saiba que o homem que eu conheci e que, nessa noite, foi àquela discoteca fazer semelhante horror não é o homem que eu conheci“, justifica.

“O que ele fez foi terrível. Insultei-o muito, chorei muito. Perdi amigos naquela noite. Mas o que me leva a dar esta entrevista é trazer a verdade ao de cima e dizer que não fez isto por terrorismo. Na minha opinião, e pelas conversas que tivemos, fez isto por vingança”.

“Miguel” não quis identificar-se porque diz ter medo de represálias, nomeadamente por parte do pai do atirador mas também do ISIS que, nas suas palavras, “não vai ficar muito contente quando vir isto”.

FM, ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

Julgamento de Rui Pinto arranca dia 4 de setembro

O pirata informático português Rui Pinto vai a julgamento no dia 4 de setembro, escreve a Sábado. O alegado autor do Football Leaks responde por 90 crimes de acesso indevido, violação de correspondência, acesso ilegítimo, …

PCP anuncia voto contra no Orçamento Suplementar

Apesar da abstenção na votação inicial, o PCP anunciou que vai votar contra o Orçamento Suplementar na votação final marcada para esta sexta-feira. "Concluída a votação na especialidade verifica-se que os aspetos negativos da proposta do …

Figura em pedra com mais de dois mil anos descoberta em Miranda do Douro

O acaso colocou a descoberto em Duas Igrejas, no concelho de Miranda do Douro, uma figura zoomórfica que representa um berrão (porco) e que os arqueólogos datam entre os séculos IV e I a.C., foi …

FBI prende Ghislaine Maxwell, ex-namorada de Jeffrey Epstein

A ex-namorada de Jeffrey Epstein, Ghislaine Maxwell, foi esta quinta-feira detida pelo FBI. A mulher de 58 anos é acusada de ajudar a montar uma rede de tráfico de mulheres. O FBI deteve, esta quinta-feira, Ghislaine …

Polícia italiana apreendeu 14 toneladas de anfetaminas. Droga foi produzida pelo Estado Islâmico

As autoridades italianas apreenderam na quarta-feira 14 toneladas de anfetaminas produzidas na Síria por membros do Estado Islâmico, cujos lucros serviriam para reativar as suas operações. "É um facto que o Daesh [Estado Islâmico] utiliza a …

Câmara de Lisboa defende fim do financiamento público às touradas

A Câmara de Lisboa defendeu hoje a criação de legislação que impeça o financiamento público de espetáculos que "causem sofrimento animal", salientando que as touradas incluem "atos de violência". Numa moção “pelo fim de espetáculos com …

Acordo entre Neeleman e Governo já só depende da confirmação da Azul

O acordo entre David Neeleman e o Governo está prestes a concretizar-se, escreve o Expresso. Aparentemente já só falta a confirmação da Azul para garantir o acordo. Depois de a nacionalização da companhia ter sido dada …

Medina recua e diz que "há convergência total" com Governo no combate à pandemia

O presidente da Câmara de Lisboa, Fernando Medina, disse hoje que “há convergência total” com o Governo no combate à pandemia de covid-19, recusando que as críticas que fez à atuação das autoridades de saúde …

Parlamento vai debater o teletrabalho por iniciativa do PAN

O PAN considera que "o teletrabalho é uma ferramenta que pode ajudar a conciliar a vida profissional e a vida familiar", ainda que apresente fragilidades como a "invasão da vida pessoal". O PAN agendou para sexta-feira …

PSP também queria prémio semelhante ao dos profissionais de saúde

O Sindicato dos Profissionais de Polícia (SPP) manifestou-se esta quinta-feira “desiludido” com “a falta de respeito” que o Governo demonstra em relação à PSP e a outras forças de segurança que estão na “linha da …