O corajoso discurso de estado de um líder de seita crispado

José Goulão / Flickr

O Presidente da República, Cavaco Silva

O Presidente da República, Cavaco Silva

Pouco tempo depois de Cavaco ter anunciado aos Portugueses a decisão de indigitar Passos Coelho como primeiro-ministro, as críticas rapidamente caíram em cima do Presidente da República.

Foi na noite desta quinta-feira que o Presidente da República decidiu dar posse a Passos Coelho para formar o novo governo, algo que já se esperava, depois de ter concluído as audições com os partidos em Belém.

Além de invocar o facto de que, em quarenta anos de democracia, essa responsabilidade tem sido sempre atribuída ao partido que teve mais votos, Cavaco Silva recusou um governo de esquerda, dando o argumento de que a proposta de outros partidos foi “inconsistente”.

Aliás, o atual chefe de Estado lamentou mesmo que os “interesses conjunturais se tenham sobreposto à salvaguarda do superior interesse nacional”.

Porém, Cavaco lembrou que “a última palavra” na formação do Governo cabe sempre aos deputados, a quem compete decidir em consciência, “tendo em conta superiores interesses da nação”, se o Governo deve assumir as suas funções.

As críticas à sua decisão não se fizeram esperar, a começar pelo secretário-geral do PS.

O lider socialista acusou o Presidente da República de criar uma “crise política inútil” ao indigitar Passos, pois PSD e CDS-PP não têm “apoio maioritário” no Parlamento.

“É incompreensível a nomeação de um primeiro-ministro que antecipadamente o Presidente da República sabe que não dispõe nem tem condições de vir a dispor de apoio maioritário na Assembleia da República”, disse António Costa no Largo do Rato.

Por isso, os socialistas quiseram mostrar que estão unidos nesta luta, tanto que a Comissão Política do PS aceitou dar mandato ao Grupo Parlamentar para preparar uma moção de rejeição ao programa de Governo da coligação Portugal à Frente.

A única discórdia parece vir por parte do socialista Álvaro Beleza que propôs que o acordo à esquerda fosse referendado pelos militantes e apoiantes do partido.

Também João Soares reagiu à decisão de Cavaco, dizendo que “inevitavelmente Passos Coelho vai ser derrubado” na Assembleia.

“Penso muito sinceramente que esta decisão do Presidente faz o país perder tempo porque inevitavelmente quem foi indigitado como futuro primeiro-ministro vai cair nesta Assembleia da República, não tenho sobre isso qualquer espécie de dúvidas”, afirmou aos jornalistas.

A porta-voz do Bloco de Esquerda não perdeu tempo em juntar-se ao grupo, tecendo duras críticas ao Presidente da República, acusando-o de estar a comportar-se como o “líder de uma seita”.

Em entrevista à TVI, citada pelo Diário de NotíciasCatarina Martins considera que o chefe de Estado está “a dizer a um milhão de pessoas, que votaram nos partidos que não são os três que ele admite para integrar um Governo, que não valem nada”.

Também o secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, citado pelo Jornal de Notícias, acusou Cavaco de atuar como um “representante de PSD e CDS-PP”.

“O Presidente da República torna-se responsável pela atitude de confronto com a Constituição e pela instabilidade que gera e consequências políticas e institucionais dela decorrentes”, afirmou.

Já o presidente da Confederação Empresarial de Portugal, António Saraiva, considerou que o Presidente da República usou no seu discurso um “tom crispado”, que pode “prejudicar o ambiente político-partidário” e o “quadro de diálogo de estabilidade”.

O outro lado

Passos Coelho optou por não fazer nenhuma declaração, no entanto, o vice-presidente do CDS-PP Nuno Melo considerou, citado pelo JN, que “indigitar quem venceu é um ato normal em democracia e optar por quem perdeu é que seria estranho”.

Nuno Melo considerou ainda que este foi um dos discursos mais “importantes, claros e corajosos” de todos os mandatos de Cavaco Silva.

Quem partilha da mesma opinião é Paulo Portas que defendeu esta manhã que o discurso do Presidente “foi muito corajoso”.

“O Presidente da República indigitou quem venceu as eleições e é isso que é democrático e expectável. Cavaco Silva fez exatamente o que fizeram todos os Presidentes da República ao longo de 40 anos da democracia”, comentou o líder do CDS.

Trata-se de “uma regra de bom senso a partir da leitura da Constituição”, defendeu Portas depois de uma reunião com a direção da Confederação do Comércio e Serviços de Portugal, em Lisboa.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

57 COMENTÁRIOS

  1. Ainda a procissão vai no adro…Custa aceitar que quem vence deve governar sobretudo a este derrotado do Costa.Foi um flop, é vingativo e desleal.Pedia confiança este rapazola aquando das eleições mas gerou desconfiança e, no futuro, terá a devida paga.O povo não esquece esta deriva anti democrática de quem prega tanto a democracia como este Costa e o partido que o sustenta.
    Não é de esperar que os deputados viabilizem o programa do governo.Os deputados estão ao serviço dos partidos e não do povo.Por isso, não se admirem que da próxima vez , tenhamos 50 por cento de abstenção…
    Pois que, com gente deste calibre como o derrotado Costa, as pessoas sentem-se afastadas da politica, cada vez mais.

    É um tipo sem escrúpulos este derrotado chamado Costa.E ainda fala da ética republicana tal como o futuro líder do Parlamento, Ferro Rodrigues, que um dia diz que se estava “cagando” para a Justiça…O mesmo Costa que visitava o Júdice, Bastonário da Ordem dos advogados, para interceder sobre o processo casa pia…O mesmo Costa ligado ao preso 44 e depois 33 e agora a dar entrevistas…Pobre país este que mete nojo e asco com esta gentalha de 5ª categoria arvorada em democratas mas de pacotilha…

    • Porque será que democratas são apenas quem pensa igual a nós? Ninguem se lembra por exemplo do CDS/PP ser contra a integração na Europa?Mario Soares a lutar +por sermos aceites e estes senhores a contrariai, alias o actual presidente não era europeista no inicio. Votei na esquerda e nao foi para o Sr. Costa fazer , pactos com o ppd/cds.Alias ele afirmou que nunca faria coligações com a direita.Mas como sou educado abstenho-me de ofender os que pensam diferente de mim.Alias ofender e rebaixar tudo e todos ,quando se escreve anónimamente revela o carater e a coragem de quem o faz. Um bom fim de semana para todos e só espero que a CONSTITUIÇÃO seja respeitada e cumprida.

    • Cito-o :”Pobre país este que mete nojo e asco com esta gentalha de 5ª categoria arvorada em democratas mas de pacotilha…” – Leio o seu comentário e dá-me pena, depois vejo a frase final que apresento em citação e tenho que concordar que afinal você fala do que sabe, pois não me ocorreria melhor definição para o classificar. Pode continuar a dar com a cabeça na parede.

    • “O povo não esquece esta deriva anti democrática” Deve ser aquele que ganha 15 000 euros por mês (declarados…) e tem contas offshore nas Ilhas Caimão e afins… Deve ser esse povo a que se refere… Anti democrática? Tem razão! A malvada da Constituição portuguesa é mesmo anti democrática. Veja lá que até permite que quem tem mais deputados deve governar (o que aconteceu no Governo anterior…)…

      “é vingativo e desleal” Sim… Desleal com os portugueses que escolheram votar nos deputados da lista do PS. Vingativo com quem os insulta e depois vem pedir apoio… para os insultar novamente! Devia estar á espera que o malvado do Costa, que anda a visitar prisioneiros (malvado!) decidisse cag…r para para o eleitorado do PS e seguisse cegamente as políticas que tanto criticou e discorda. Faz todo o sentido, não faz? É o mesmo se fosse o contrário. Se o PS tivesse ganho as eleições e o PSD/CDS cedessem totalmente ás ideias do derrotado Costa. Não seria desleal?…

      Acorde! Pelo menos seja coerente e não recorra a tácticas sujas características do Governo que tanto apoia.

  2. Estes Bloquistas e os comunistas parecem ter o rei na barriga. Como querem aproveitar a oportunidade de criar eles mesmo um governo falhado. E o PS esta querendo ir cair na boca do lobo outra vez…
    Como 3 perdedores querem um governo de Esquerda e arrastar o país para o destino da Grécia.
    TEMOS NESTE EXEMPLO QUE MESMO COM MAIORIA OS GREGOS SO FICARAM PIOR…
    Infelizmente o PSD não tem maioria mas um acordo com o PS nesta circunstancia era bom… e a favor do bem estar do país, do nosso Portugal. O Partido Socialista devia seguir o exemplo da Alemanha e fazer uma grande coligação com o PSD. Seria um momento Histórico na política portuguesa e ai sim enviava um sinal de bem estar para os credores de Portugal e para a UE. O Tony Costinha deve ACABAR com o nucleo duro do PS e as ideias marxistas do passado assim como as mumias DA RECTAGUARDA que ainda querem mandar no partido, embora estejam fora da actividade política, mas que só pensam no bem estar deles proprios e não do país por quererem um TACHO… Vamos em frente Portugal vamos dar uma lição de como os Portugueses conseguem se unir e concerteza seria tambem um exemplo para toda a EUROPA. Nesta constelação O Costinha que é um bom político, Iria dirigir o pais como Ministro e mais outros do PS e mostravam como o nosso país ia em frente… Por favor não andar logo a dizer que vai derrubar o governo na proxima oportunidade…ISSO os PORTUGUESES NÂO QUEREM… Sr. Costa Pare de querer se juntar a uma idelogia que não leva a lado nenhum, siga o que o país quer… estabilidade e não conflitos entre vcs. A Esquerda radical… com o velho Jerónimco com a ideologia velha e ultrapassada só vai arrastar o país para a miséria. O nosso Presidente Cavaco Silva tem toda a razão em não ir com políticas de incerteza que nada levam ao país. Vamos mostrar Portugal que os grandes partidos podem se juntar… PSD e PS. Vejam a ALEMANHA que mesmo com a atual crise este ano… tem excesso de receita fical este ano. Eles tem por 2x este seculo uma Coligação. Vamos mostrar ao mundo como Portugal pode ser bom e atrair investimento e estabilidade.
    Nada de confitos pessoal.
    Se querem emprego, crescimento e estabilidade ATUAL a solução é mesmo esta.

    • Não se deixe enganar, bloquistas = comunistas.

      Veja o caso dos verdes (também comunistas) por exemplo, o partido comunista andou a fragmentar-se a procura de votos onde já não havia, aproveitam a ignorância das pessoas para tentar angariar votos para o comunismo, como se as pessoas não soubessem que todos os países governados por comunismo vivem na completa miséria.
      Veja o caso relativamente recente da Alemanha de leste, governada por comunistas tiveram de erguer aquilo que chamaram a “barreira anti-fascista” mais conhecida por muro de Berlim, com o único objectivo de aprisionar as pessoas. Muitas morreram a tentar a fuga para a liberdade.
      O mesmo se passa em Cuba, onde as pessoas simplesmente não podem sair de lá por vontade própria.
      Coreia do Norte, mesma coisa.
      Por cá na Europa os comunistas tentam sem para fragmentar ao máximo, tentam promover a “independência” da Escócia a “independência” da Catalunha, apelam sem parar para sair do Euro, só vão descansar quando dividirem e erguerem “muros de Berlim” pelo mundo fora.

      Quando usam “pessoas” como mao, stalin, lenin para promover as suas ideias fico chocada como não são logo todos presos, o stalin sozinho matou 4 milhões de Ucranianos quando mandou confiscar todo o material agriculta e provisões que as pessoas tinham armazenado, retirou todo o comer ás pessoas e as ferramentas agricultas que tinham, comunismo no seu melhor…
      Histórias de pessoas que tiveram de matar os animais de companhia são inúmeras, mas não fica por ai, nessa altura muitas pessoas viram-se obrigadas a tornar-se canibais, algumas raptavam crianças para as matar e comer, é isto que o comunismo promove e tenta criar, onde há comunismo, há miséria, fome e um completo abandono de todos os direitos humanos.

      Só quem tem o cartão vermelho dos comunas é que se safa e faz o que quer.

      • Cláudia Moreira… Quanta ignorância… Comunismo = canibalismo? Poder do povo. Isso parece-lhe canibalismo? Não será isso também o cerne da democracia? É um dos pilares do comunismo. É verdade que o comunismo foi manipulado para interesses pessoais, mas a democracia também! Basta abrir os olhos e ver. E nem é sequer preciso sair do país!

        “Só quem tem o cartão vermelho dos comunas é que se safa e faz o que quer.” Só quem tem a maioria absoluta é que se safa e faz o que quer. Soa-lhe familiar?

          • Olha, e se fosses para o car…lh…? Não tens nada que meter a minha família nisto, tá bem? Cuidado… Ainda te encontro e… como-te (porque, talvez… seja CANIBAL!)!

            Nota: Não te preocupes, que não te vou procurar. Gente como tu não tem qualquer interesse. Se emigrasses (como aconselha o teu “Deus Passos”) fazias um grande favor ao país! E deves ser bem indegesto.

            Mas que és burr… és…

  3. …de um “padrinho” a tentar chamar à razão uns quantos padrinhos da esqª? “Cheira bem, cheira a P O D E R” (António Barreto)

  4. Após 24h de estupefacção, fez-se subitamente luz no meu espírito.

    O discurso e a posição de Cavaco são o 1º acto da campanha eleitoral das próximas Legislativas. E o tema é: o PS nem governa nem deixa governar; transformou-se num novo partido de bloqueio.

  5. O PR fez o que deveria ser feito e não ficarei admirado se depois deste Governo ” cair”, o PR decidir, que Portugal fique com um Governo de gestão ou com um Governo Presidencial. Portanto, o golpe de estado que a esquerda quer fazer, usurpando o poder a força, irá por água abaixo. Claro que isto só acontecerá se a PAF não conseguir convencer 8 Deputados do PS a votarem a favor.

    • Golpe de Estado? O respeito pela Constituição será… indício de golpe de estado? Não sei se sabe, mas governa quem tem mais deputados (isso consta na Constituição… ainda). Se não existesse acordos, seria a PaF a governar. mas se o PS, BE e CDU se juntarem (e isso é permitido pela Constituição…) então estes terão mais deputados e, legitimamente poderão governar o país. Mas, o Cavaco não quer! Prefere instabilidade, (durante seis meses a um ano) novas eleições (estas já convocadas pelo Marcelo – Cavaco lava as mãos… outra vez…) e maioria absoluta da direita. e continuidade da austeridade que tanto a direita adora.
      Mas não posso deixar de reflictir no que disse… A esquerda quer dar um golpe de estado, usurpando o poder, mas aliciar deputados do PS que foram eleitos para representar interesses de esquerda, já está bem? Não será a mesma coisa? Ou será que a direita pode, mas a esquerda (malvados da esquerda…) não? Democracia acima de tudo!… Desde que esteja de acordo com os ideais de direita. Nada parcial!

  6. No meio de tudo isto, apenas lamento a (des)qualidade do nosso jornalismo. Um verdadeiro jornalista deve relatar os factos, não comentar. Como se pode ver pelo titulo da noticia, que nem me dignei, devemos estar perante um relato fidedigno do facto ocorrido. Lamentável ainda, como sites ou jornais, publicam notícias (comentário, aliás) e não se identificam os pseudo jornalistas. Depois queres eles imunidade…….

    • Caro leitor,
      Interpretou mal o nosso título. O mesmo não transmite uma opinião.
      O título transmite, na realidade, 3 opiniões: a de Paulo Portas (CDS/PP), Catarina Martins (BE) e de António Saraiva (CIP).

      • Palavras soltas e descontextualizadas de várias fontes (trocadilho) até podem intitular notícia não se livrando o autor de parcialidade independente das salvaguardas que por ventura o corpo reserve quando a notícia é induzida pelo título. Antes de integrar qualquer linha editorial é mais marketing do jornalista – “…discurso de estado de um líder de seita…” Também servia? A entidade em questão tem carácter institucional sufragado pela maioria do povo português.

  7. “…discurso de estado de um líder de seita…” Que raio de república das bananas, ao que isto chegou… Até parece que estão fora do pântano a que nos meteram em 2011 com a troica! Já devem estar a “trabalhar” para meter o Sócrates nas lides!

  8. o que esta a enervar a máfia do PS, a haver eleições, O PSD concorrer sozinho e ganhar com maioria absoluta. O PS está a ser desmantelado em peças e distribuído em vários partidos menores e ainda não se apercebeu.

  9. Parece que toda a gente já se esqueceu que Portugal é uma república semi-parlamentar, com um presidente eleito diretamente e de forma mais democrática do que os deputados.
    O presidente não é um chefe de estado cerimonial, é um político eleito, com apoios partidários e uma base sociológica de apoio, logo, não pode trair o seu eleitorado.
    Parece que a esquerda chegou à conclusão que não faz sentido este sistema após 40 anos de moderna democracia (já houve constitucionalismo eleitoral pluripartidário na monarquia constitucional e na 1.ª república).
    Se é para ter um chefe de estado cerimonial, não é necessário presidente eleito, e pode haver um rei que seja descendente de D. Afonso Henriques e de D. João VI (o primeiro rei constitucional e que outorgou a soberania histórica que lhe advinha de ser descendente do fundador, à nação). Neste opção estão o duque de Bragança e o duque de Loulé.
    Nesse caso de parlamentarismo, tudo se resolve no âmbito do parlamento e o chefe do governo é preponderante.
    Enquanto houver presidente eleito, este é um político que tem de respeitar a maioria que o elegeu diretamente e o seu programa político. e de forma mais legítima que os deputados. Estes são eleitos em listas por círculos, havendo muitas

    • “O presidente não é um chefe de estado cerimonial, é um político eleito, com apoios partidários e uma base sociológica de apoio, logo, não pode trair o seu eleitorado.” Meu Deus! A sério? Fique sabendo que o Presidente da República é eleito pelos portugueses, sim, mas para TODOS os portugueses e não só os que o elegeram! E; ao contrário do que diz, deve ser apartidário (embora os partidos prestem apoio de forma absolutamente abjecta).
      O Presidente (ao contrário deste) é de TODOS os portugueses. Até mesmo aqueles que não respeitam as ideologias deste! Ah! Programa político! O Presidente tem mesmo um programa político! Ha, ha, ha! Boa! Isso é que é mesmo saber do que se fala!…

  10. o sr costa é um traidor (um corrupto prepotente), que quer entregar o esforço dos portugueses (4 anos de trabalho) á máfia dos chulos. Viva os aumento, só para alguns (chulos). Golpe de estado miserável da esquerda radical!

  11. ESTE PS não merece o respeito dos portugueses como é possivel
    juntar-se a partidos que são contra tudo que Portugal esta , bem ou mal , agarrado UE BCE EURO NATO etc , Este Costa e o PS merece uma boa liçao dos Portuguese nas proximas eleições de Junho 2016 , pois que agora vão fazer tudo para derrubar o governo , e que se lixem os portugueses e Portugal, e viva o TACHO . Ferro Rodrigues se escavassem mais talvez encontrassem algo sem ser petroleo.

    • Forças de vácuo extremas, quais buracos negros empanturrados anti matéria… de carregar pela boca… O povo é demasiado sereno.

    • Um milhão de portugueses não tem qualquer interesse, não é? Se fores contra a UE não mereces (não podes!) governar. É isso democracia? Isso chama-se ditadura!
      E que portugueses é que tu te referes que vão dar uma lição ao PS e ao Costa? Aqueles que preferem a continuidade da austeridade, do desemprego (real) do aumento dos impostos, da degradação social em geral (saúde, educação…) e a total subserviência á UE. Ou aqueles que querem uma mudança, (pouca, mas mudança) aqueles que acham que é possivel honrar os compromissos sem condenar milhares á pobreza, á imigração e, em último caso, ao suicídio?

      A ver vamos, que portugueses vamos ver nas próximas eleições… talvez a maioria (relativa) mostre novamente que é masoquista, ou… talvez não. Espero que não sejam os “seus” portugueses. Os verdadeiros acusadores desta crise (e de outras…) e da situação actual do país…

      • Não percebe que a base que apoio dos partidos políticos em Portugal está bipolarizada? Não percebe que uma franja de quase um terço é flutuante em torno do “arco da governação”? Não percebeu como foi possível ter ganho as eleições um governo “atroz” que fez sair do país a troica e em menos de 3 anos? Não percebe a jogatana de sobrevivência política do Costa pelo “abanar de cauda” ao PCP que lhe deu balanço? Não percebe que é preciso muito golpe de rins quando partidos com ideários políiticos diametralmente opostos se insinuam de braço dado que nem irmandade da prostitutas da política?
        Claro que não percebe… Enfim, a democracia tem destas coisas não é pá?

        • Depois de dizer “Não percebeu como foi possível ter ganho as eleições um governo “atroz” que fez sair do país a troica e em menos de 3 anos?” não percebo mesmo nada… É que não percebe que a troica (QUE FOI CAHAMADA PELO PS, PSD E CDS, ao contrário de que muitos dizem, mas só não ve quem naõ quer…) tão cedo não sairá de cá? 3 anos? Talvez 30 anos! Ou mais! Sair fisicamente não quer dizer “livre”. Quer dizer “prisão domiciliária”. Não percebe?

          A solução que quer, provavelmente, (para bem do país – treta!) será talvez uma cedência total do Costa ao Passos? Deve ser essa democracia a que se refere. Realmente é preciso muito golpe de rins para ouvir dizer que Portugal está melhor, quando só os ricos (e os ignorantes) o acham.

          Sou português. Tenho pena que muitos não o sejam…

  12. O Dr. António Costa ainda não percebeu que está a tentar fazer um acordo com 2 cavalos de Troia.
    Quando der por ela. será tarde demais para o país.

  13. Depois de tantos sacrificios que passámos durante estes quatro anos, verifica-se que, de facto o País não evoluiu, nem económicamente, nem socialmente, muito menos democraticamente e, muito muito menos culturalmente.
    Isto, verifica-se pela linguagem utilizada nestes comentários. A ráiva, o ódio que se faz sentir nas palavras destas pessoas.
    Já pensaram se o Dr. Pedro Passos Coelho não tivesse desrespeitado, mal-tratado e ignorado os valores do P.S., mais, se tivesse tido a capacidade politica, de saber lidar e negociar os pontos fundamentais com o P.S., se estariamos confrontados com esta situação?
    Em meu entender, o Dr. Passos Coelho, não foi capaz, não teve força suficiente e, daí estar sojeito a cair nas mãos de quem tão mal tratou.
    Tudo faz parte da democracia, por isso, meus caros comentaristas, se se concideram Portugueses e querem o melhor para o nosso Portugal, não deixem de respeitar os que têm ideias diferentes porque eles, de certeza também querem o melhor para o seu País e, porque o nosso Portugal também é deles

  14. Hoje é o dia em que perdi a ” vergonha” e escrevo o que me vai na alma sobre certos politicos.
    Então o Sr António Costa (não o PS, porque estou certo, que se o líder ouvisse todas as bases, e só as bases, tenho a certeza, não era apoiada a sua pretensão); BE e o PCP, porque é que não colocam a situação de outra forma. Porque é que não questionam, se tivessem ido os 3 em coligação, será que teriam, juntos em coligação, os mesmos votos, que têm agora somados?
    Porque é que, o BE e o PCP, que defendiam que as propostas de programa do PS eram de direita, agora já não o são?
    Então ontem, o António Costa era de uma cor e hoje já é de outra?
    Está visto, que quando se trata de “tachos e panelas” seja esquerda, mais á esquerda ou direita ou mais á direita, o poder e tachos é complicado, todos querem deitar uma mãozinha lá dentro…
    Só Vos digo uma coisa, como português e contribuinte, não me importa que haja novamente eleições. Porque se assim for, tenho a certeza, que dá para limpar muita porcaria de todos os partidos.
    Vão mas é trabalhar seus malandros…

    • Só se esqueceu (será que se esqueceu?) da manobra do PSD e do CDS (terceiro e não segundo partido mais votado) no anterior Governo? Que se coligaram após as eleições? Não será a mesma coisa? Se acha, deveria ter mencionado também…

  15. Eu até votei PS, mas não para isto. Novas eleições para o Povo decidir sabendo agora o que está a sufragar. Eu por exemplo mudo o meu voto para a coligação, outos se calhar mudam para o novo grupo de esquerda, mas deixem-nos decidir.

    • Eu até votei PS, para livrar Portugal desta malfadada seita de vigaristas que nos governou durante 4 anos. Mas se o PS os deixar passar, desta vez, podem ter a certeza de que para a próxima vou votar no Bloco de Esquerda. Eu e muitos mais.

    • Votaste PS e agora votas coligação… Bem… Então não sabes o que andas a fazer… Talvez seja melhor emigrares para não empestares o país com tanta ignorância. Mas não vejas a ignorância como um problema… é uma oportunidade. Foi o que disse o teu Deus (o novo) Passos…

      • Não imaginava a profissão mais antiga chegar à política… Nem o descaramento de alguns em que está à vista a presença do gene responsável pela causa e sem comprimento ainda já abanam…

        • Tem razão… Passos e Portas… Concordo perfeitamente. Mas não se esqueça! Se uns podem fazê-lo, outros também (isto não é só para um lado…)

  16. O que eu vejo é que a malta da direita, começando na múmia de boliqueime e acabando no Magalhães, aquele moço do CDS, está toda nervosa à brava. Nem se seguram. Andaram a acicatar ódios e a desprezar toda a gente. Agora, aguentem-se à bronca.

  17. Estes comentários…. Mas o PR não fez o que a Constituição lhe permite e o que as práticas recomendam? São mesmo uns democratas de meia tijela… Se calhar a atitude do António Costa é que foi frespsonsável , não ?

    • A decisão que tomou está correcta, sim senhor, mas a maneira como se referiu aos “outros” partidos, não! A maneira como inteferiu e tentou manipular as escolhas da Assembleia, não! A maneira como atropelou (mais uma vez…) a Constituição, não!
      Isto sem referir o facto de ter marcado as eleições para esta altura, provocando a instabilidade que ele tanto critica…

  18. Um discurso que chamou as coisas pelos nomes e que pelos vistos provoca azia em muita gente mas lá diz o velho ditado ” se não queres passar por lobo não lhe vistas a pele”.

  19. Peço ajuda a quem me puder dar. Não sou político e não percebo muito de política mas os partidos não partem de uma base ideológica própria? Porque percebi que nestes dias facções estão dispostas em as esquecer em troca do poder. Então isto quer dizer que as ideologias que cada um defende é mero teatro com vista a uma conquista do poder. Resumindo o país é um circo?

    • Como alguém há anos disse é “meter o socialismo na gaveta” e diria eu, é meter as ideologias no baú não se sabe por quantos meses.

    • Não. Nada disso. A isso chama-se o verdadeiro exercício da democracia. O poder não deve ser só de um (temos visto o que resulta das maiorias absolutas, de esquerda e de direita) mas de vários… de várias ideais e ideias. O conjunto de opiniões é o que se aproxima do “Poder do Povo”, uma tradução livre da palavra grega, que em português diz-se Democracia. A verdadeira democracia faz-se com compromissos, não submissão. Com trocas de ideias… Ninguém abdica das suas ideologias. Fazem-se compromissos para um bem comum: o bem estar do povo (ou pelo menos o que eles pensam ser o bem comum…). No fundo aquilo que o Governo anterior fez (bem ou mal…). Nesse caso ninguém abandonou os seus ideais (embora sejam muito semelhantes). O PC não deixará de defender os seus ideais, o BE também não e o PS também… Mas, por vezes é preciso suspender temporariamente determinados objectivos para algo bem maior e bem mais importante: Portugal (e TODOS os portugueses!)! Espero que te tenha ilucidado.

  20. O melhor é ficarem estes dois a chafurdar entre si à porta das prostitutas da política. Queria dizer do novo bordel da política portuguesa aos olhos da Europa.

  21. Para o “BORDALA” “BORDEL” ou seja lá o que fôr… SAI UM PRATINHO DE DITADURA PARA ESTE SENHOR! BEM QUENTINHO! GUARNIÇÃO? CLARO! PORTAS COZIDAS E UM ARROZINHO DE COELHO, ACOMPANHADO DE UM MOLHO DE CAVACO. Faça bom proveito.

    E a Europa também não se rege com outro tipo de “prostituição”? ACORDA… PÁ!

    • Depois das 22h deveria optar por cear… Pode por de lado a qualidade mas não menospreze quanto beber… Não volte a tropeçar… Nos seus fantasmas.

Responder a MA Cancelar resposta

Renato Sanches a prazo no Lille. Chovem propostas pelo ex-Benfica

Renato Sanches voltou a encontrar a sua boa forma no Lille. As boas exibições do internacional português levaram-no a receber propostas volumosas de vários clubes. O presidente do Lille confirmou que tem recebido várias propostas avultadas, …

Ação judicial contra ordem executiva de Trump de restrição às redes sociais. Viola a Primeira Emenda

O Centro para a Democracia e Tecnologia (CDT) apresentou uma ação judicial contra a ordem executiva de Donald Trump cujo alvo eram as redes sociais, alegando que viola a Primeira Emenda da Constituição norte-americana. O The …

Grécia suspende voos com o Qatar após chegada de 12 passageiros infetados

A Grécia anunciou, esta terça-feira, a suspensão dos voos de e para o Qatar até 15 de junho, depois de ter detetado vários casos de coronavírus numa ligação de Doha para Atenas. Pelo menos 12 dos …

Norte e Porto são demasiado importantes para que TAP não olhe para região "com respeito"

Pedro Nuno Santos adiantou, esta quarta-feira, que o novo plano de retoma da atividade da TAP está a ser trabalhado e o objetivo é que a TAP "dê resposta às necessidades nacionais". O ministro das Infraestruturas …

Se Chega vencer eleições, "ofender polícias, magistrados ou guardas prisionais vai dar prisão"

Tal como Donald Trump, André Ventura abriu guerra contra o Twitter e deixou um aviso: "Se o Chega vencer as eleições, ofender polícias, magistrados ou guardas prisionais vai dar mesmo prisão". Numa altura em que os …

Reestruturação do Novo Banco é para terminar este ano, garante António Ramalho

António Ramalho, presidente do Novo Banco, garante que o processo de reestruturação ficará concluído ainda este ano. Desde a venda do Novo Banco ao fundo Lone Star a história repete-se todos os anos: a administração ativa …

Dívida pública pode atingir 141,8% do PIB em 2020

Esta quarta-feira, o Conselho das Finanças Públicas (CFP) apresentou dois cenários para a evolução da economia e das finanças públicas no período 2020-2022. De acordo com as estimativas divulgadas esta quarta-feira pelo Conselho das Finanças Públicas …

Portugal entre incumpridores de recomendações anti-corrupção do Conselho da Europa

No final de 2019 Portugal só tinha implementado integralmente uma das 15 recomendações emitidas pelo Grupo de Estados contra a Corrupção (GRECO). Das restantes 14 recomendações, oito foram implementadas parcialmente e seis recomendações não foram …

André Ventura "é declaradamente uma pessoa racista", atira socialista Isabel Moreira

Numa discussão na comissão parlamentar de Assuntos Constitucionais, esta quarta-feira, a deputada socialista Isabel Moreira afirmou que o líder do Chega "é declaradamente uma pessoa racista". Esta quarta-feira, numa discussão na comissão parlamentar de Assuntos Constitucionais, …

Chegaram 108 ventiladores da China esta quarta-feira

Do total de 1.151 ventiladores comprados pelo Ministério da Saúde à China, só 264 é que terão chegado a Portugal até esta quarta-feira, avança o Correio da Manhã. O secretário de Estado da Internacionalização garantiu, …