Seis crianças infetadas em surto em infantário nas Caldas da Rainha. Hospital de Gaia diagnostica mais 5

hocolibrary / Flickr

O número de crianças infetadas num infantário das Caldas da Rainha aumentou para seis, disse esta terça-feira à agência Lusa o presidente da câmara. No mesmo dia, cinco crianças deram positivo no teste para covid-19 no Hospital de Gaia.

“Dos resultados conhecidos hoje, houve um teste que deu positivo para uma criança que frequentava o infantário e que totaliza assim seis crianças infetadas”, disse esta terça-feira à Lusa o presidente da Câmara das Caldas da Rainha, Fernando Tinta Ferreira.

No âmbito do surto com origem num infantário há ainda mais sete pessoas infetadas (duas educadoras e um motorista) e quatro familiares das crianças, de acordo com o autarca.

Além deste surto há um outro detetado no lar do Montepio Rainha D. Leonor, nas Caldas da Rainha, com um total de 26 pessoas infetadas (23 utentes e três funcionários).

O lar do Montepio Rainha D. Leonor acolhe 59 idosos e emprega 50 pessoas. Todos, utentes e funcionários, foram testados em 26 de junho e grande parte testados no dia 3 pela segunda vez, dado haver “pessoas que deram negativo no primeiro teste e passados uns dias deram positivo”, afirmou Fernando Tinta Ferreira.

Já no caso do infantário, “há uns dias uma criança apareceu com sintomas, fez o teste e foi detetado Covid”, o que levou também a realização de testes a todas as crianças e funcionários.

Entre segunda e terça-feira foram conhecidos os resultados de cerca de 30 dos 40 testes realizados, todos com resultados negativos, à exceção de uma criança.

Para já, não há ninguém hospitalizado”, disse o autarca, que aguarda ainda o resultado de cerca de uma dezena de testes.

Entretanto, em declarações à Renascença, o Centro Hospitalar Gaia/Espinho confirmou que cinco crianças foram diagnosticadas com covid-19. Nenhum dos menores está internado. Não é conhecida a idade das crianças, se há mais a serem testadas e qual o foco de infeção.

Hospital Dona Estefânia nunca teve tantas crianças infetadas

De acordo com a Renascença, o Hospital Dona Estefânia, em Lisboa, nunca teve tantas crianças e jovens infetados com covid-19 como no último mês. Em junho, recebeu cerca de uma centena de menores, quase tantos como nos três meses anteriores.

“Março, abril e maio tinha 160 doentes e durante o mês de junho tenho 260 doentes. Internei mais 100. Durante este período temos tido um número maior de casos. Felizmente a maior parte está em domicílio. Nesta altura, estão cinco doentes internados, que é a média que se tem mantido”, disse Maria João Brito, responsável da unidade de infeciologia do hospital.

Em geral, a evolução nos mais novos é benigna, mas há casos de complicações. Já houve registo de três casos de Síndrome Inflamatório Multi-Sistémico em adolescentes.

Para Maria João Brito, o desconfinamento é um fator revelante no aumento dos números. A responsável disse ainda que há adolescentes a receber acompanhamento psicológico.

Em Portugal, morreram 1.629 pessoas das 44.416 confirmadas como infetadas, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde. Até 2 de julho tinham já sido registados 3.030 casos de infeção em menores de 19 anos.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 539 mil mortos e infetou mais de 11,69 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo o último balanço feito pela agência francesa AFP.

ZAP // Lusa

 

 

 

PARTILHAR

RESPONDER

Governo disponível para retomar reuniões no Infarmed (mas nega falta de informação)

O Governo manifestou esta quinta-feira “abertura para retomar as reuniões” no Infarmed sobre o ponto de situação da epidemia de covid-19, mas rejeitou falhas na informação ao parlamento e aos partidos. Na conferência de imprensa do …

Israel e Emirados Árabes Unidos alcançam "acordo histórico" mediado pelos Estados Unidos

O Presidente norte-americano, Donald Trump, anunciou esta quinta-feira que Israel e os Emirados Árabes Unidos concordaram em estabelecer relações diplomáticas plenas, como parte de um acordo para impedir a anexação israelita de terras ocupadas pelos …

Em contingência, Câmaras de Lisboa passam a definir horários do comércio. O (pouco) que muda este sábado

A generalidade de Portugal continental continuará em situação de alerta e a Área Metropolitana de Lisboa em situação de contingência até ao final do mês devido à pandemia de covid-19, anunciou o Governo. Segundo explicou esta …

Três meses depois do anúncio, o apoio de emergência às Artes ainda não chegou

Cinquenta das 311 entidades abrangidas pela Linha de Apoio de Emergência às Artes, dotada de 1,7 milhões, ainda não tinham esta quinta-feira recebido o valor que lhes foi atribuído, três meses depois do anúncio dos …

Avaliação dos professores, "mock exams" e testes no outono. Britânicos podem "escolher" as próprias notas

O Governo britânico deu aos estudantes de liceu três alternativas diferentes para obterem o resultado das suas avaliações deste ano letivo, que foi atípico devido à pandemia de covid-19. De acordo com o jornal britânico The …

Governo reitera que não há exceções para a Festa do Avante. Críticas multiplicam-se

A ministra de Estado e da Presidência destacou que o Governo “não tem competências legais ou constitucionais” para proibir iniciativas políticas como a Festa do Avante!, mas salientou que não serão admitidas exceções às regras. Na …

Trabalhadores que estiveram em lay-off durante pelo menos 30 dias também vão ter bónus

O Conselho de Ministros aprovou um decreto-lei que clarifica que os trabalhadores que estiveram em lay-off por mais de 30 dias consecutivos, mesmo sem completar um mês civil, vão receber o complemento de estabilização. "Criado com …

Marcelo pede tolerância zero contra o racismo (e pede “sentido nacional” a Governo e oposição)

O Presidente da República recomendou esta quinta-feira aos democratas “tolerância zero” e “sensatez” para combater o racismo, ao comentar as ameaças de que foram alvo três deputadas e outros sete ativistas. “Os democratas devem ser muito …

43% das escolas no mundo sem condições de higiene para reabertura segura

Mais de 40% das escolas no mundo não têm acesso a condições básicas de higiene, como água para lavar as mãos e sabão, aumentando os riscos de reabertura no contexto da pandemia de covid-19, alertam …

Mais seis mortes, 325 novos casos e 237 recuperados

Portugal regista esta quinta-fira mais seis mortes por covid-19, 325 novos casos de infeção e mais 237 pessoas dadas como recuperadas em relação a quarta-feira, segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo …