Descoberto um novo tipo de fotossíntese

A grande maioria da vida na Terra usa luz vermelha visível para realizar o processo da fotossíntese, mas os cientistas descobriram um novo tipo de fotossíntese que usa luz infravermelha.

Investigadores do Imperial College London, no Reino Unido, descobriram um novo tipo de fotossíntese. Esta forma alternativa foi detetada numa ampla gama de cianobactérias (algas verde-azuladas) que tanto crescem sob luz infravermelha como em condições sombreadas encontradas, por exemplo, em Yellowstone e em rochas de praia na Austrália.

Esta descoberta pode moldar a forma como procuramos vida alienígena e fornecer pistas sobre como poderemos projetar culturas agrícolas mais eficientes que aproveitam os comprimentos de onda mais longos da luz.

O tipo de fotossíntese padrão usa o pigmento verde, a clorofila-a-a, tanto para absorver luz como para produzir bioquímicos e oxigénio. A forma como a clorofila-a absorve a luz significa que apenas a energia da luz vermelha pode ser usada para o processo da fotossíntese.

Como a clorofila-a-a está presente em todas as plantas, algas e cianobactérias que conhecemos, era de ampla aceitação que a energia da luz vermelha estabelecia uma espécie de “limite vermelho” para a fotossíntese, isto é, a quantidade mínima de energia necessária para fazer a química que produz o oxigénio.

O limite vermelho é também usado em astrobiologia para avaliar se a vida complexa poderia ter evoluído em planetas de outros sistemas solares.

No entanto, quando algumas cianobactérias são cultivadas sob luz infravermelha, os sistemas padrão que contém clorofila-a são desativados e diferentes sistemas que possuem um tipo diferente de clorofila-a – clorofila-f – assumem o controlo.

Até agora, pensava-se que a clorofila-f apenas recolhia a luz. Esta nova investigação mostra que, em vez disso, a clorofila-f desempenha um papel fundamental na fotossíntese sob condições sombreadas, usando luz infravermelha de baixa energia para fazer a química complexa. Esta é a tal fotossíntese “além do limite vermelho”.

“A nova forma de fotossíntese muda a forma como entendemos os principais eventos no coração da fotossíntese padrão”, disse um dos autores do estudo, Bill Rutherford, do Departamento de Ciências da Vida do Imperial College London.

Neste novo tipo de fotossíntese, foram observados muito mais detalhes como a existência de várias clorofilas denominadas “acessórias” que participavam na etapa crucial da química que envolve este processo. Isto indica que este recente padrão pode ser válido para outros tipos de fotossíntese, o que mudaria a visão que temos atualmente acerca do funcionamento da forma dominante do processo.

A cianobactéria Acaryochloris já era conhecida por fazer fotossíntese além do limite vermelho. No entanto, foi considerada uma exceção, devido ao seu habitat muito específico. A Acaryochloris vive debaixo de animais marinhos que passam a maior parte da vida anexados a superfícies como rochas, bloqueando a maior parte da luz que recebe.

Agora, a fotossíntese baseada em clorofila-f representa um terceiro tipo de fotossíntese que é bem mais difundido. Contudo, é apenas usado em condições especiais ricas em infravermelho. Em condições normais de luminosidade, a forma padrão de fotossíntese continua a ser a mais usada.

Os resultados da investigação foram publicados esta semana na Science.

PARTILHAR

RESPONDER

"Ato que nenhum fim pode justificar". Vaticano critica a aceitação mundial da eutanásia

Através de um novo documento, o Vaticano condenou a disseminação da aceitação internacional da eutanásia e do suicídio assistido, inclusive em alguns países tradicionalmente católicos da Europa. O Vaticano referiu no documento publicado hoje - e …

Facebook teme sair da Europa caso não possa transferir dados para os EUA

A Comissão de Proteção de Dados irlandesa propôs que os dados dos cidadãos europeus não possam sair do continente. O Facebook diz que não sabe como poderá continuar a prestar os seus serviços na Europa …

O guarda-redes do Chelsea é o melhor em quê? "Em cometer erros"

Kepa alvo de críticas fortes. Frank Lampard confirmou a chegada de mais um guarda-redes, proveniente de França. O Chelsea volta a ser notícia por causa do mercado e volta a ser notícia por causa de um …

Promotores assumem pela primeira vez que Trump pode ser investigado por fraude fiscal

O gabinete do procurador do distrito de Manhattan, que tem travado uma batalha legal com o Presidente dos Estados Unidos (EUA) para obter as suas declarações de impostos, sugeriu na segunda-feira, pela primeira vez, que podia …

Revelada causa da morte de 300 elefantes no Botsuana

O Governo do Botsuana anunciou, esta segunda-feira, que uma cianobactéria foi a causa da misteriosa morte de cerca de 300 elefantes no Botsuana em meados deste ano. A causa da morte dos paquidermes foi determinada após …

Cavani: brasileiros com milhões... mas pessimistas

O Grémio estabelece quatro parcerias para contratar o uruguaio. No entanto, a direção do clube não acredita que Cavani se vai mudar para Porto Alegre. "Na vida, se não conversas, nada sabes. Até pode surgir uma …

Ministério da Saúde indiano sem dados sobre médicos que morreram de covid-19. Associação fala em 382 óbitos

Depois de o Ministério da Saúde indiano ter afirmado esta semana que o não dispõe dos dados sobre os profissionais de saúde que morreram devido à covid-19, a Associação Médica do país publicou uma lista …

Chega apresenta proposta que prevê castração química para pedófilos

O projeto de revisão constitucional do Chega, entregue hoje no parlamento, prevê a remoção dos órgãos genitais a criminosos condenados por violação de menores, algo que em si mesmo encerra dúvidas de conformidade com a …

Fluminense: as derrotas pós-Evanilson e as quatro ausências de Fred

O reforço do FC Porto deixou a equipa brasileira que, desde essa transferência, contabiliza mais derrotas do que vitórias. A instabilidade de Fred não ajuda. Portugal continua mais atento ao Flamengo do que ao Fluminense, mesmo …

MP suíço pede 28 meses de prisão para presidente do PSG e 3 anos para Valcke

O Ministério Público suíço pediu, esta terça-feira, uma pena de 28 meses de prisão para Nasser Al-Khelaïfi, presidente do Paris Saint-Germain, e de três anos para Jérôme Valcke, antigo número dois da FIFA. Trata-se dos primeiros …