Nova pista no caso Maddie: polícia procura “pessoa de interesse”

findmadeleine.com

Maddie McCann

A polícia britânica está à procura de uma “pessoa de interesse”, no âmbito do caso de desaparecimento de Maddie, a menina que se evaporou da Praia da Luz, no Algarve, em 2007, quando tinha somente 3 anos de idade.

Esta “pessoa de interesse” pode vir a ajudar a deslindar, finalmente, o caso, acreditam as autoridades britânicas que receberam do Governo mais 175 mil euros para continuarem a investigar o desaparecimento de Madeleine McCann.

O jornal The Times cita uma fonte próxima da “Operação Grange”, o nome dado pela Scotland Yard à investigação ao caso, realçando que as autoridades seguem a pista de uma nova “pessoa de interesse” que pode ajudar a desvendar o caso.

Chegar até essa pessoa é “uma das linhas críticas do inquérito”, salienta a mesma fonte no The Times. Quatro detectives vão, assim, continuar a investigar o caso até Março de 2018.

O Reino Unido já gastou mais de 12,5 milhões de euros com o caso Maddie, depois de a polícia britânica ter dado início à “Operação Grange”, em 2011, no seguimento do arquivamento da investigação em Portugal.

Madeleine McCann desapareceu de um resort na Praia da Luz, no Algarve, a 3 de Maio de 2007, enquanto os pais estavam a jantar com amigos, num restaurante próximo.

ZAP //

PARTILHAR

19 COMENTÁRIOS

  1. A sério – 175.000,00 euros para manter alguém bem na vida e sem fazer a ponta de um chavelho ??
    E pagar aos lesados da Monarch, cuja situação foi encoberta pelo Governo Britânico, e agora desaparece sem devolver 1 cêntimo das viagens já pagas e que não vão ser realizadas.
    vai a CAA transportar todos os passageiros que têm reservas confirmadas e pagas à Monrach – reservadas até às 04.00 horas de hoje ??
    Linda hora para colocar uma gravação na linha de atendimento.
    Eu sempre achei que os ” beefs ” não são de confiança. só coçam para dentro e o resto é fachada pobre, obsoleta e vergonhosa. O Reino / reinado da ilhota vai nu e passou a caloteiros – BREXIT , já.

  2. Até aqui, nesta republiqueta mais corrupta do planeta sabemos o que houve neste caso. A Scotland Yard não sabe ainda que os pais desta criança, juntamente com amigos de jogos ou outras brincadeira…, sedaram todas as crianças do grupo e quem sabe com aval da casa. O metabolismo desta criança rejeitou a química… Ainda procuram o anjinho vivo, que tolos.

    • Não sei que noticias chegam ao Brasil, mas ainda não perceberam que a Scotland Yard não quer saber disso para nada?
      Eles só querem “perseguir” um raptor que, provavelmente, nunca existiu!!

  3. Mais uma vez , a história da carochinha … tanto quiseram tapar este alegado crime , com uma peneira ,que ela já perdeu o fundo, tantas vezes foi utilizada…mais uma desculpa para uma recolha de fundos????

    • Para gastarem tanto milhão para esconder o alegado crime, devem ser pessoas que pertencem a um círculo muito influente… Não vejo outra hipótese. Nunca se viu nada assim com outras crianças que tenham sido raptadas.
      O Gonçalo Amaral é que tem razão. E não deve dizer mais porque não pode…

  4. Não compreendo. Os chineses que deixaram o filho sozinho no apartamento e este caiu da janela abaixo foram constituídos arguidos por terem deixado o filho sozinho enquanto foram jogar… e os pais de Madie??? Não deixaram os filhos sozinhos e foram calmamente jantar… mas aí o ministério público não teve tom…es para os levar a julgamento… Claro eram amigos do 1º ministro e souberam mexer os cordelinhos e encher os bolsos à custa da criança.
    Vergonha… ou será que o ministério público teve medo?

    • Ah? A comparação não faz qualquer sentido – é que não tem mesmo nada a ver!!
      O caso dos chineses é claro como água (não há dividas que a criança morreu e que a sua morte se deveu ao abandono por parte dos pais!); já o caso da Maddie é bem mais complexo: não há corpo, não há provas de nada, não há indícios suficientes para acusar os pais, etc, etc…
      Levar a julgamento quem/como, se não há provas que sustentem sequer uma acusação?
      Só se fosse para perder tempo e fazer cenas (como andam as autoridades inglesas a fazer)!…
      Embora tudo aponte para os pais, isso não é suficiente e, o facto dos pais/amigos/autoridades inglesas não terem colaborado com a investigação acabou por inviabilizar qualquer evolução do caso, que nunca esteve sequer perto de uma acusação.

  5. A Scotland Yard está a desempenhar um papel muito triste e negligente no caso Maddie. Estão obcecados pela tese do rapto e não vêem mais nada à frente dos olhos. Não coloco de parte essa possibilidade, mas qualquer polícia de investigação criminal que se preze, tem de colocar em cima da mesa todas as possibilidades ou hipóteses quando desaparece alguém. Neste caso concreto, a S. Y. está a ter um comportamento tendencioso que em nada a dignifica. Eu sou apenas um leigo a fazer este raciocínio. Que raciocínio fará um expert na matéria? Há aqui um segredo tenebroso que aproveita a muitos ” alguéns”.

  6. Isto começa a cheirar muito a incompetência e sabe-se lá até se de colaboracionismo com algum interesse instalado, tudo muito e cada vez mais estranho!.

  7. Hahahaa!…
    Estas “autoridades britânicas”, além de incompetentes, são pouco originais – sempre a repetir a mesma estória, para depois derreterem mais uns milhões (para NADA!)…
    “Pessoa de interesse”?!
    Deve ser, deve…

  8. Eu acho que deveriam fazer escavações, sim, mas em redor da Igreja, lá é que havia buracos abertos, se colocarem lá o corpo e taparem com entulho, as obras prosseguem e depois de tudo cimentado e arranjado, já batestes, Até já.

  9. boa tarde: a investigação sobre o desaparecimento de Madeleine Mccann, esta totalmente manipulada pela policia de londres, que através da operation grange, esconde Madeleine Mccann , na Holanda.

    Desde o ano de 2.011, quando a Scotland Yard, descobriu, quem havia raptado Madeleine Mccann, SY vem escondendo Madeleine Mccann, em varias cidades da Holanda.
    Provas, eu as tenho, em quantidade, apo´s uma longa investigação particular de mais de nove anos em busca de Madeleine Mccann.

  10. luiz carlos moreno looool tens provas? Onde estão elas ao menos a tua historia faz mais sentido que muitas pessoas como : eu!…Ju .. Amaral…etc etc

Responder a Ju Cancelar resposta

Governo vira-se para Rio para mudar a Lei e garantir o novo aeroporto

O Governo está a preparar uma alteração à Lei para evitar que o projecto do novo aeroporto do Montijo seja chumbado. Uma medida que passará, necessariamente, pela necessidade de um entendimento entre PS e PSD …

"Entretenimento saudável". Santa Casa desvaloriza estudo sobre raspadinhas

O Departamento de Jogos da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa desvalorizou a investigação da Universidade do Minho que aponta para o vício das raspadinhas. Esta sexta-feira, um artigo científico publicado na The Lancet alertou para …

"Diga-lhe para ligar ao FBI". Autocarro com a cara do príncipe André circula em Londres

Um autocarro escolar, com a cara do príncipe André, andou a circular por Londres, esta sexta-feira, numa campanha da advogada Gloria Allred para pressionar o filho da Rainha a falar com o FBI. Esta sexta-feira, um autocarro …

Suspeito de terrorismo ouvido em tribunal (com o juiz a recusar ver os seus vídeos por não ter Internet)

O arguido Rómulo Costa, um dos oito portugueses acusados por financiamento ao terrorismo e recrutamento, adesão e apoio ao Estado Islâmico, foi interrogado, esta sexta-feira, na fase de instrução do processo que vai decorrer no …

FC Porto recorre do castigo de um jogo à porta fechada

O FC Porto vai recorrer do castigo de um jogo à porta fechada, aplicado pelo Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) por ofensa a um agente desportivo. "O FC Porto vai recorrer …

Moita Flores investigado por corrupção. Antigo PJ fala em "coincidência" com empréstimo aos filhos

Francisco Moita Flores, antigo inspector da Polícia Judiciária e ex-presidente da Câmara de Santarém, está a ser investigado por suspeitas de corrupção. Há transferências de dinheiro de uma construtora para empresas a que esteve ligado …

SOS Animal vai constituir-se assistente no processo contra João Moura

A SOS Animal anunciou, esta sexta-feira, que se vai constituir assistente no processo criminal contra o cavaleiro tauromáquico detido, na quarta-feira, por suspeitas de maus-tratos a cães em Monforte, no distrito de Portalegre. Em comunicado, a SOS …

SMS de Rangel revelam teia de corrupção na Relação de Lisboa. Juiz Vaz das Neves tem empresa contra a lei

O ex-presidente do Tribunal da Relação de Lisboa, Luís Vaz das Neves, que foi constituído arguido na Operação Lex, tem uma empresa que se dedica à arbitragem extrajudicial de conflitos, o que constitui uma violação …

Presidente da PwC esteve em Lisboa para controlar danos do Luanda Leaks

O presidente mundial da PricewaterhouseCoopers (PwC) esteve em Lisboa, há duas semanas, para controlar os danos provocados pelo caso Luanda Leaks. Bob Moritz, presidente mundial da PricewaterhouseCoopers (PwC), esteve em Lisboa, há duas semanas, para perceber até …

CM Lisboa vai negociar avenças em parques para moradores da envolvente da Baixa

O presidente da Câmara de Lisboa afirmou, esta sexta-feira, que a autarquia irá tentar acordar com os operadores dos parques de estacionamento da envolvente da Zona de Emissões Reduzidas da Baixa-Chiado a criação de "avenças …