No Vaticano pintam-se os edifícios com leite das vacas do Papa

Vadim Zhivotovsky / Wikimedia

Palácio Belvedere, no Vaticano.

Das várias soluções sustentáveis que o Vaticano tem encontrado desde que o Papa Francisco escreveu uma encíclica sobre ecologia, esta última põe de lado os químicos e faz uso do leite para pintar monumentos.

A sustentabilidade é a palavra de ordem no Vaticano. Conforme pediu o Papa Francisco em 2015, na encíclica “Laudato Si” (em português, “Louvado Seja”), o Vaticano está a adotar novas técnicas a favor de uma nova postura ambientalista.

Exemplo disso é o Palácio Belvedere, datado de 1484, que está atualmente a ser repintado. Restaurar construções históricas nada tem de estranho a não ser que, em vez de tinta, seja usado leite. O edifício está a ser pintado com a cor creme original, fazendo uso de uma técnica de restauro que já tem séculos de existência.

À CNN, Vitale Zanchettin diz que o leite, misturado com cal, está a ser aplicado à mão para que adquira, desta forma, a cor exata que foi utilizada no século XV. “Estas soluções envelhecem melhor”, explica o arquiteto-chefe do Vaticano, defendendo que esta técnica é mais eficiente e muito mais duradoura.

O leite é proveniente das vacas do próprio Papa Francisco, que são criadas na residência papal de verão, no Castel Gandolfo.

Além disso, o Vaticano está a estudar técnicas não agressivas do meio ambiente no que toca ao restauro das centenas de obras, estátuas e construções. Uma das mais recentes apostas é a utilização de óleos essenciais de orégão e tomilho para limpar e proteger os trabalhos feitos em mármore.

De acordo com a CNN, o Vaticano mantém um grupo permanente de 100 especialistas para as restaurações, preferindo sempre a ação humana à tecnológica – que tornaria o trabalho muito mais rápido.

ZAP //

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Que tal usarem o leira das vacas papais para alimentar as crianças do sul de Itália? Bastava entregá-lo para ser transformado em leite em pó. Seria muito mais humano. Mas enfim, o Vaticano no seu melhor.

    • É mesmo, estes patifes do Vaticano são da mesma escumalha dessas associações ambientalistas todas que não percebem que enquanto houver uma criança com fome, não se pode fazer nada por nenhum outro problema.

      Enfim, típica ideologia esquerdalha: se não se consegue resolver o problema todo, nem pensar em tentar resolver apenas uma parte.

  2. O papa não so está dando exemplo de como ser ambientalmente sustentável em sua propria casa, como alimenta a todos os pobres em causa em Roma com a geladeira do bem, exemplo que quer transmitir ás pessoas para replicarem o mesmo, ao invés de só criticarem. Na Enciclica Laudato Si também é tratada a questão da fome no mundo e no ultimo dia mundial da alimentação, 17.10.2017, o Papa Francisco a sede do Fundo Alimentar Mundial (FAO) onde profetiu discurso sobre o tema da alimentação, do amor, da soladariedade, da verdade e da justiça da distribuição dos bens.
    “Amar significa não continuar a dividir a família humana entre aqueles que gozam o supérfluo e aqueles que não têm o necessário” denunciou o Papa.
    Por isto meus amigos, antes de somente criticar, pesquise e faça mais da sua parte, porque os problemas desse mundo complexo, só serão resolvidos através de uma política da humanidade, que começa com a mudança comportamental de cada um nós.

RESPONDER

Huawei afirma que a tecnologia 6G vai estar disponível daqui a 10 anos

O CEO da Huawei, Ren Zhengfei, assinalou, durante uma entrevista à CNBC, que a sua empresa está a trabalhar em redes móveis 6G, que estarão completamente desenvolvidas daqui a 10 anos.   "Trabalhámos em 5G e 6G …

Nazismo e comunismo classificados em pé de igualdade pelo Parlamento Europeu

No passado dia 19 de setembro, a União Europeia colocou comunismo e nazismo em pé de igualdade, depois de aprovar no Parlamento Europeu uma resolução condenando ambos os regimes por terem cometido "genocídios e deportações …

Conselho da Europa teme que polícia de Malta tenha “recusado provas” no caso da jornalista assassinada

Daphne Galizia era jornalista, acompanhava casos de corrupção no país e foi assassinada há dois anos. Pieter Omtzigt, relator do Conselho da Europa responsável pelo caso, diz que a abordagem da polícia e dos …

Itália quer mudar sede da final da Liga dos Campeões

A Itália quer que a final da Liga dos Campeões deste ano, marcada para o Estádio Olímpico Atatürk Olympic, mude de sede. Os últimos dias não têm sido fáceis para a UEFA. Depois dos incidentes racistas …

CNN coloca broa portuguesa entre os 50 melhores pães do mundo

A propósito das celebrações do Dia Mundial do Pão, que se celebra esta quarta-feira, a CNN fez uma lista com os 50 melhores pães do mundo e um deles é a broa portuguesa. A broa conhecida …

CP lança nova campanha: Lisboa-Porto por cinco euros e mais descontos até 80%

Há 10.300 bilhetes a custos muito reduzidos, anunciou a CP – Comboios de Portugal esta terça-feira. A nova campanha garante viagens nos comboios de longo curso Alfa Pendular e Intercidades “com 80% de desconto”, abrangendo …

"Níveis recorde". Glaciares suíços perderam 10% do seu volume nos últimos cinco anos

Os glaciares suíços perderam 10% do volume nos últimos cinco anos, a maior redução em cem anos, alertou esta terça-feira a Academia Suíça das Ciências. A Academia baseia-se nas medições feitas pelos peritos do painel intergovernamental …

Caso BPN. Relação condena dois dos absolvidos e agrava penas a outros dois

O Tribunal da Relação de Lisboa condenou esta quarta-feira dois dos três arguidos absolvidos no processo principal da falência do BPN, Ricardo Oliveira e Filipe Nascimento, e agravou as penas a dois dos 12 arguidos …

Operação Éter. Hermínio Loureiro entre as dezenas de autarcas arguidos

Hermínio Loureiro, ex-presidente da Câmara de Oliveira de Azeméis, está entre as dezenas de atuais e antigos autarcas que foram constituídos arguidos no âmbito da Operação Éter. Este processo levou à prisão preventiva do antigo presidente …

Proteção Civil quer que bombeiros voltem a ser obrigados a usar cinto de segurança

A estrada mata mais bombeiros do que os incêndios. Por isso, a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil criou um grupo específico para analisar o problema. Rui Ângelo, chefe da Divisão de Segurança, Saúde e …