Os neandertais eram marinheiros (muito antes dos homens modernos)

(dr) Johannes Krause / Museum of the Krapina Neanderthals

Recriação de uma cena da vida de um grupo de Neandertais

Os Neandertais terão conseguido construir barcos e navegar nos mares cerca de 50 mil anos antes dos humanos modernos. Há indícios arqueológicos que sugerem que os nossos “primos” primitivos atravessaram o Mar Mediterrâneo em barcos há 100 mil anos – ou então, nadavam muito bem.

Os Neandertais viveram entre há 300 mil anos até há cerca de 24 mil anos, deixando vestígios da sua passagem com artefactos encontrados no Médio Oriente e no Sul do continente europeu, nomeadamente ferramentas de pedra.

Há cerca de uma década, foram encontradas ferramentas semelhantes, datadas de há 130 mil anos, na ilha grega de Creta, que se sabe existir como ilha há cerca de 5 milhões de anos.

Posteriormente, objectos idênticos foram descobertos nas também ilhas mediterrânicas de Zakynthos, Lefkada e Kefalonia, igualmente pertencentes à Grécia.

E se há quem defenda que os Neandertais podem ter nadado entre estas ilhas, há quem note que, para isso, teriam que ser extremamente bons nadadores, pois estamos a falar de distâncias de cerca de 40 quilómetros.

Essas ilhas poderiam não ser ilhas quando os nossos “primos” primitivos andavam por cá. Mas o investigador George Ferentinos, da Universidade de Patras, na Grécia, descarta esta hipótese numa nova pesquisa publicada no Journal of Archaeological Science, onde garante que as ilhas já se tinham separado do continente há 100 mil anos.

A teoria de Ferentinos é que os Neandertais tiveram uma “cultura marítima durante dezenas de milhares de anos”, muito antes de os humanos modernos se estrearem nas aventuras pelos mares, há cerca de 50 mil anos, quando fizeram a travessia para a Austrália, nota a New Scientist.

O investigador Thomas Strasser, do Providence College em Rhode Island, nos EUA, que encontrou as ferramentas em Creta, acredita também nesta tese. Os Neandertais terão usado o Mar Mediterrâneo “como uma auto-estrada”, ao invés de o olharem “como uma barreira”, frisa Strasser na New Scientist.

Mas os Neandertais podem nem ter sido os primeiros hominídeos a navegar os mares. Há cientistas que defendem que os ancestrais dos humanos modernos usavam barcos há milhões de anos, como sugerem ferramentas de pedra encontradas na ilha das Flores, na Indonésia. Isto significa que o Homo erectus pode ter atravessado o mar até às Flores bem antes de os Neandertais terem aparecido, sublinha o site Phys.org.

O barco mais antigo que se conhece data de há cerca de 10 mil anos, atesta a Science. Mas a falta de provas dessas viagens de há milhões ou milhares de anos pode justificar-se pelo facto de os barcos, naquela altura, serem feitos de madeira, o que os levaria à completa deterioração há muito tempo.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. “… Os Neandertais terão conseguido construir barcos e navegar nos mares cerca de 50 anos …”

    Estamos mesmo a falar de 50 anos? não seriam 50 000 anos?

RESPONDER

Zidane aponta à saída de Bale. "Se puder ir embora amanhã, melhor"

O futebolista galês Gareth Bale pode deixar o Real Madrid nos próximos dias, disse no sábado o treinador da equipa espanhola, Zinedine Zidane, que o deixou de fora na derrota por 3-1 com o Bayern …

Abel Xavier deixa seleção moçambicana de futebol

Abel Xavier deixa o cargo de selecionador moçambicano após falhar a qualificação para as últimas duas edições da Taça das Nações Africanas. O treinador Abel Xavier vai deixar o comando da seleção moçambicana de futebol, ao …

Quase 800 portugueses vão participar no maior encontro de escuteiros do mundo

Quase 800 jovens portugueses vão participar no 'World Scout Jamboree', o maior encontro de escuteiros do mundo, que vai acontecer nos Estados Unidos, entre 22 de julho e 2 de agosto, informou a Federação Escutista …

Rui Rio acusa PS de copiar propostas e ideias do PSD

Rui Rio acusa os socialistas de copiar as suas propostas na área fiscal e no apoio à natalidade. "Se não estão a copiar, então porque é que não o fizeram nestes quatro anos?", questionou. O presidente …

Nove em cada 10 idosos em tratamento médico sofrem de solidão

Cerca de 91% dos idosos seguidos nos cuidados de saúde primários revelam sentir algum grau de solidão, sendo que um terço reporta mesmo níveis graves, o que interfere com os cuidados, revela uma nova investigação. A …

Juros baixos vão permitir ao Estado poupar mil milhões de euros

A redução nas taxas de juro da dívida pública vai permitir ao Estado poupar, de 2016 até final de 2019, cerca de mil milhões de euros. Só em 2019, o país deverá poupar em juros …

Praia de Fukushima reabre ao público oito anos depois do acidente nuclear

Este fim de semana, e pela primeira vez depois da catástrofe nuclear de Fukushima-1, os japoneses puderam voltar a nadar numa das praias da cidade afetada pelo terramoto e tsunami de 2011. De acordo com o …

"Greve do dia 12 vai ter repercussões muito mais graves do que as do mês de abril"

O sindicato avisa que, além dos combustíveis, a próxima greve vai afetar também o abastecimento às grandes superfícies, à indústria e serviços. O Sindicato Independente dos Motoristas de Mercadorias (SIMM) ameaça consequências mais graves para …

Desde que tomou posse, Bolsonaro faz uma afirmação falsa por dia

Bolsonaro prestou 2054 declarações falsas ou distorcidas nos primeiros 184 dias do seu mandato, concluiu o site digital Aos Fatos, dedicada à verificação do rigor das informações divulgadas pelos media do país. Esse resultado dá uma …

Cashball. Bruno de Carvalho apontado como “chefe” do esquema

Paulo Silva, o empresário denunciante do caso Cashball, prestou novas declarações no âmbito deste processo, apontando o antigo presidente do Sporting Bruno de Carvalho como o "chefe" do alegado esquema de corrupção. Tal como recorda a …