Natalie Portman recusa prémio por causa de Netanyahu

A atriz israelo-americana Natalie Portman não vai comparecer na cerimónia do prémio Genesis por não querer ser associada ao primeiro-ministro Benjamin Netanyahu.

Em novembro, Natalie Portman foi anunciada como vencedora do prémio Genesis, um prémio instituido pela Fundação Prémio Genesis atribuido a personalidades judaicas que se destacam no mundo.

A atriz iria receber o prémio, juntamente com um prémio monetário no valor de um milhão de euros, em junho deste ano. No entanto, Natalie Portman anunciou este fim-de-semana que não iria à cerimónia. Entretanto, a fundação cancelou o evento.

Portman recusou comparecer na cerimónia daquele que é considerado o “Nobel judaico” por não querer ser associada ao primeiro-ministro israelita Benjamin Netanyahu.

Ainda assim, a decisão da atriz israelo-americana foi comunicada pelos seus representantes à organização do evento sem apresentação de motivos. Miri Regev, ministra da cultura, perante a ausência de explicações da atriz, acusou-a de estar ao lado dos países que defendem o boicote e sanções a Israel.

Natalie Portman utilizou a rede social Instagram para responder à ministra, e acabou por admitir que não queria ser associada a Netanyahu. “Tal como muitos israelitas e judeus em todo o mundo, posso ser crítica com a liderança de Israel sem querer boicotar toda a nação”.

My decision not to attend the Genesis Prize ceremony has been mischaracterized by others. Let me speak for myself. I chose not to attend because I did not want to appear as endorsing Benjamin Netanyahu, who was to be giving a speech at the ceremony. By the same token, I am not part of the BDS movement and do not endorse it. Like many Israelis and Jews around the world, I can be critical of the leadership in Israel without wanting to boycott the entire nation. I treasure my Israeli friends and family, Israeli food, books, art, cinema, and dance. Israel was created exactly 70 years ago as a haven for refugees from the Holocaust. But the mistreatment of those suffering from today’s atrocities is simply not in line with my Jewish values. Because I care about Israel, I must stand up against violence, corruption, inequality, and abuse of power. Please do not take any words that do not come directly from me as my own. This experience has inspired me to support a number of charities in Israel. I will be announcing them soon, and I hope others will join me in supporting the great work they are doing.

Uma publicação partilhada por Natalie Portman (@natalieportman) a

Michael Douglas e o ex-presidente da câmara de Nova Iorque, Michael Bloomberg, já receberam o galardão. Este prémio tem um valor financeiro que seria dobrado pelo filantropo israelita Morris Kahn.

Segundo o Diário de Notícias, o prémio é entregue a organizações de solidariedade e a organização do prémio espera que Natalie Portman não recuse o dinheiro, de forma a doá-lo a instituições ligadas aos direitos das mulheres (como era inicialmente a sua intenção).

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Gatos não se importam de comer pessoas mortas (e há um estudo que mostra como o fazem)

Uma nova investigação analisou como é que dois gatos selvagens se alimentaram de cadáveres humanos. Os animais mostraram preferência por corpos específicos ao longo de vários dias. No Forensic Investigation Research Station, no estado norte-americano do …

"Árvores dinossauro". Bombeiros australianos conseguiram salvar floresta pré-histórica

Os bombeiros australianos conseguiram salvar dos incêndios uma floresta com árvores pré-históricas localizada no sudeste do país, anunciou o Governo. Em causa estão árvores da espécie Wollemia nobilis, vulgarmente conhecidas como Pinheiro de Wollemi, que se …

Príncipe Harry e Meghan renunciam aos títulos da realeza

O Palácio de Buckingham anunciou, este sábado, um acordo em que o príncipe Harry e a sua mulher renunciaram aos respetivos títulos, abandonando os deveres enquanto membros seniores da família real do Reino Unido e …

Polaris Slingshot chega ao mercado com um sistema de transmissão inovador

A nova versão do Polaris Slingshot vem equipado com um sistema de transmissão que mescla a condução do manual com o conforto do automático. Para quem não conhece o Polaris Slingshot, apresentado pela primeira vez em …

Turistas estão a invadir Hallstatt, a aldeia austríaca que terá inspirado "Frozen"

Considerado Património Mundial pela UNESCO desde 1997, Hallstatt, na Áustria, possui apenas 778 moradores e tem uma sequência de casas em estilo alpino. Em 2010, antes do lançamento do primeiro filme da Disney, "Frozen", a cidade …

Teerão vai enviar caixa negra do avião abatido para a Ucrânia

O Irão vai enviar para a Ucrânia as gravações da caixa negra do avião ucraniano que abateu acidentalmente, na semana passada, para que sejam sujeitas a análises adicionais. Hassan Rezaeifer, chefe de investigações de acidentes do …

António Folha já não é treinador do Portimonense

O treinador apresentou a demissão do comando técnico do Portimonense, este sábado, depois de perder na deslocação ao lanterna-vermelha Desportivo das Aves, por 3-0. "Antes de me fazerem qualquer pergunta sobre o jogo, queria transmitir que …

Há pombos cowboys em Las Vegas (e voluntários estão a tentar salvá-los)

Por alguma razão, alguém decidiu colar chapéus vermelhos minúsculos de cowboy em pombos de Las Vegas, nos Estados Unidos. Agora, a equipa do Lofty Hopes Pigeon Rescue está a tentar salvá-los. Há uma missão para resgatar …

Youtube encaminha milhões de utilizadores para desinformação climática

Os algoritmos do YouTube estão a encaminhar milhões de utilizadores de vídeos de empresas para a desinformação sobre as alterações climáticas, através de serviços de publicidade online, de acordo com uma investigação da comunidade virtual …

Paulo Gomes é o novo presidente do Vitória de Setúbal

O ex-vice-presidente, líder da lista D, foi eleito presidente do Vitória de Setúbal para o mandato 2020-2023, com um total de 875 votos. Paulo Gomes, de 50 anos, foi o mais votado das cinco listas candidatas, …