“Mutilados e assados vivos”: o destino dos escravos nigerianos vendidos na Líbia

United Nations Photo / Flickr

O ex-ministro da Cultura lamenta e denuncia a difícil situação enfrentada por africanos subsaarianos que partem para a costa mediterrânea com esperança de uma vida melhor na Europa, mas são capturados e tratados como escravos.

Em julho passado, a Organização Internacional de Migração (OIM) alertou para a venda de escravos em mercados públicos líbios. Pelo menos 20 mil foram capturados por criminosos e levados para centros de detenção.

Os nigerianos chegam à Líbia para atravessar o Mediterrâneo e entrar na Europa, à procura de uma vida melhor. Infelizmente, a maioria nunca chega a pisar solo europeu. Muitos dos que tentam mudar de vida acabam nas mãos de traficantes e sofrem barbaridades que não parecem deste século.

Fani-Kayode, advogado formado em Cambridge, assegura que três quartos das pessoas capturadas por criminosos e vendidas como escravos na Líbia são do sul da Nigéria.

“Os corpos são mutilados. Os órgãos são extraídos e depois assados. É este o destino dos muitos africanos que procuram a Europa. São vendidos como escravos, assassinados, mutilados, torturados e obrigados a trabalhar até à morte”, denuncia o advogado.

O portal International Business Times diz que Fani-Kayode também criticou o presidente nigeriano, Muhammadu Buhari, por não fazer o suficiente para proteger as vítimas.

Além disso, lamenta que o ditador Muammar Gaddafi tenha sido derrubado do poder, já que a sua saída abriu portas para o crime organizado prosperar na Líbia.

De acordo com o canal CNN, as vendas efetuam-se nos arredores da capital Trípoli, onde se realizam os leilões para vários tipos de trabalho braçal. Uma operação recente revelou que, nos mercados de escravos, africanos são vendidos e comprados por 400 dólares, ou seja, cerca de 340 euros.

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Ni9slao a pratica da escravidão é natural como respirar ,nunca foi considerado crime ,veja-se os países da península Arabica nunca extinguiram escravidão e sempre a praticaram ate aos dias de hoje

Mais de 500 detidos nos protestos contra Lukashenko. Segue-se a greve geral

A greve geral anunciada pela líder da oposição bielorrussa no exílio para exigir a saída do Presidente começou, esta segunda-feira, com protestos tímidos e detenções em todo o país. "O prazo para cumprir as exigências do …

Polacos protestam contra acórdão que torna o aborto quase impossível

Milhares de polacos têm-se manifestado, nos últimos dias, contra a proibição quase total do aborto, quando as leis do país estavam já entre as mais restritivas da União Europeia. Na última quinta-feira, o Tribunal Constitucional polaco …

Japão promete "uma sociedade neutra em termos de carbono" até 2050

O Japão quer alcançar a neutralidade de carbono até 2050, disse hoje o primeiro-ministro japonês Yoshihide Suga, um caminho que se afigura complicado, devido à dependência do país do carvão. Numa altura em que cada vez …

"Nada nos vai fazer recuar". Macron desperta a raiva do mundo muçulmano (e enfurece Erdogan)

Emmanuel Macron, presidente de França, assumiu posições muito claras na defesa da liberdade de exibir as caricaturas de Maomé, no âmbito da homenagem ao professor decapitado na semana passada, suscitando protestos em vários países muçulmanos. "Nada …

Merkel avisa Alemanha que os próximos meses vão ser “muito difíceis”

A chanceler alemã, Angela Merkel, avisou a Alemanha de que os próximos meses vão ser "muito difíceis", já que o número de infeções por covid-19 continua a crescer diariamente, tendo-se registado 8.685 nas últimas …

Portugal acusado de bloquear lei europeia contra evasão fiscal pelas multinacionais

Os governos português e sueco estão a ser acusados de bloquear, no Conselho da União Europeia (UE), a deliberação de uma lei contra a evasão fiscal por parte de grandes empresas multinacionais digitais. Segundo anunciou esta …

Consumo de antibióticos desce 22% durante a pandemia. Menos 1,1 milhões de embalagens vendidas

O consumo de antibióticos registou uma descida na ordem dos 22% nos primeiros oito meses deste ano. Venderam-se menos 1,1 milhões de embalagens, quando comparado com igual período do ano passado. Entre janeiro e agosto deste …

Portugal regista mais 2.447 casos e 27 mortes por covid-19

Nas últimas 24 horas, Portugal registou mais 2.447 casos positivos e 27 mortes por covid-19. A informação foi divulgada, esta segunda-feira, no boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). O boletim epidemiológico divulgado hoje revela que …

Testes rápidos devem ser aplicados em surtos em escolas ou lares

A Estratégia Nacional de Testes para SARS-CoV-2, hoje publicada, determina que em situações de surto em escolas, lares ou outras instituições devem ser utilizados preferencialmente testes rápidos no sentido de aplicar "rapidamente as medidas adequadas …

Em Berlim, Marta Temido defende reforma e reforço de poder da OMS

A Organização Mundial de Saúde (OMS) deve ser alvo de uma reforma substancial que leve ao reforço do seu poder internacional na sequência da pandemia de Covid-19, defendeu esta segunda-feira a ministra da Saúde, Marta …