Multa recorde de 14 mil milhões afunda Deutsche Bank na bolsa

Nils Bremer / Flickr

Sede do Deutsche Bank em Frankfurt, na Alemanha

Sede do Deutsche Bank em Frankfurt, na Alemanha

A cotação das ações do Deutsche Bank está a cair 8% na Bolsa de Frankfurt, depois do Departamento de Justiça norte-americano ter aplicado uma multa recorde, de 14 mil milhões de dólares, ao maior banco alemão.

Depois de se ter desvalorizado quase 8% pouco logo depois da abertura, os papéis do maior banco alemão já cediam 8,05% para 12,05 euros às 11h14 em Lisboa, na sequência do pedido da justiça norte-americana de uma multa recorde de 14 mil milhões de dólares para saldar o litígio imobiliário desencadeado no início da crise financeira em 2008.

O banco já anunciou “não tem a intenção de saldar esses potenciais processos civis em montante próximo do número citado”, que totalizam cerca de 14 mil milhões de dólares.

Esta multa seria a mais elevada alguma vez infligida a um banco estrangeiro nos Estados Unidos, bem à frente dos 8,9 mil milhões de dólares aplicados em 2014 ao francês BNP Paribas, por violação de embargos aplicados pelos EUA.

O banco norte-americano Goldman Sachs pagou uma multa de 5,06 mil milhões de dólares em meados de abril por um caso similar.

O Departamento de Justiça dos Estados Unidos convidou o banco alemão a apresentar uma contraoferta, precisou o Deutsche Bank, sublinhando que as negociações “apenas acabam de começar”.

O Deutsche Bank é acusado, à semelhança de outros grandes bancos, de ter vendido a investidores antes do início da crise financeira de 2007/08 empréstimos hipotecários residenciais, que são créditos imobiliários convertidos em produtos financeiros complexos (batizados RMBS), sabendo que os mesmos eram tóxicos, ou seja, que não tinham qualidade.

A denominada titulação, tática, utilizada abundantemente pelos grandes bancos para converter carteiras de empréstimos em títulos financeiros que cedem depois nos mercados, é considerada a responsável pelas perdas registadas em 2008 por numerosos investidores, incluindo os que compraram os títulos associados às famosas “subprimes”, créditos imobiliários de baixa qualidade.

O Deutsche Bank constituiu, a 30 de junho, provisões de 5,5 mil milhões de euros (6,2 mil milhões de dólares) para resolver litígios em curso, segundo documentos bolsistas.

As suas previsões, para este caso, apontam para o pagamento de um multa entre dois mil milhões e três mil milhões de dólares.

As negociações entre o Departamento da Justiça dos EUA e os advogados do Deutsche Bank poderiam ser influenciadas pelo atual clima anti-Wall Street que prevalece na campanha eleitoral para a Casa Branca.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Tenho de “tirar o chapéu” aos americanos. Cada vez tenho menos duvidas do que sempre defendi. Esta crise foi “montada” e “desenhada” para aniquilar e empobrecer Estados europeus, primeiro os mais frageis, como o nosso ( e atribuindo culpa aos governos de então, que no nosso caso era Socrates. É, sem duvida, um plano muito inteligente) e agora repercutem-se nos mais fortes. O objectivo foi sempre destruir a UE. É a velha máxima do “dividir para reinar”. Alguma vez interessou aos EUA uma europa forte? Que lhes faça frente economica e monetariamente? NUNCA. No dia em que perderem a capacidade de ser moeda de referencia,sendo substituídos pelo EURO, a economia americana afunda. Recordo que, neste momento, a América está falida
    A “teia” que montaram ( há países na europa que ajudaram ao circo por conveniencia politica,visto que, governos socialistas numa europa dominada por liberais na época, os governos socialistas eram para abater), desde a crise de 2008, que afundou uma serie de países, entre eles o nosso, tenho de reconhecer que é muito inteligente. Tenho pena é que na UE, alemães, holandeses, finlandeses e outros, tenham andado mais entretidos a “punir” outros Estados membros, em vez de se preocuparem com o futuro da UE e com os “ataques” vindos de fora da UE.
    Durão Barroso esteve à frente da UE no perìodo da crise, que começou em 2008 ( estamos em 2016 ), agora é colocado como presidente (palhaço ) do Goldman Sachs, um Banco gigante Americano, na minha modesta opinião, o principal responsável pelo descalabro financeiro e economico numa escala mais global. Tirem-se conclusões!

  2. Apenas um comentário… já contactou o advogado do Socrates? pode ser que a sua teoria ajude na defesa… quem sabe alguém acredita em mais um disparate!

  3. Pensei que o comentário de V. Exa. viesse acrescentar algo ou, no direito que lhe assiste de discordar, apresentar um outro ponto de vista sobre a notícia. É uma conduta triste e já habitual. Desejo-lhe “as melhoras”.

RESPONDER

Vénus paleolítica com mais de 20.000 anos descoberta no norte de França

Uma Vénus do Paleolítico esculpida há 23 mil anos foi encontrada no campo arqueológico de Renancourt, perto de Amiens, no norte de França. A descoberta remonta a julho passado e foi agora anunciada em comunicado pelo …

Chumbados projetos de lei para proteger vítimas de violência doméstica

Reconhecimento das crianças em contexto de violência doméstica, declarações para memória futura das vítimas e criação de subsídio para quem é obrigado a abandonar o lar foram os temas em discussão. Os projetos de lei do …

Ferro repreende Ventura no Parlamento. Deputado pede audiência urgente a Marcelo

O presidente da Assembleia da República, Ferro Rodrigues, fez esta quinta-feira uma advertência ao deputado do Chega por utilizar com “demasiada facilidade” as palavras “vergonha” e “vergonhoso” nas suas intervenções no parlamento. André Ventura intervinha no …

Consumo moderado de álcool pode estar associado a um maior risco de cancro

Um novo estudo sugere que até mesmo o consumo leve ou moderado de álcool pode estar associado a um maior risco de cancro. No entanto, as conclusões não são consensuais na comunidade científica. Nem só o …

Fim da guerra comercial à vista. Estados Unidos e China chegam a acordo

Falta apenas a assinatura do presidente dos Estados Unidos para que o entendimento possa pôr um ponto final na guerra comercial entre os Estados Unidos e a China. De acordo com a Bloomberg, os negociadores …

Recuperados seis dos oito corpos das vítimas de erupção de vulcão na Nova Zelândia

Uma equipa militar neozelandesa recuperou esta sexta-feira seis dos oito corpos dos turistas que permaneciam desaparecidos após a erupção, na segunda-feira, do vulcão Whakaari, numa ilha desabitada da Nova Zelândia. A operação, que envolveu oito membros …

Plantas também "gritam" quando estão sob stress

À semelhança do que acontece com o Homem, algumas plantas também podem "gritar" quando enfrentam situações de stress, como a falta de água ou o corte do seu caule, concluíram cientistas da Universidade de Tel …

ESA declara guerra ao lixo espacial com um robô de quatro braços

https://vimeo.com/379011028 A Agência Espacial Europeia (ESA) acaba de assinar um contrato com a startup suíça ClearSpace para levar a cabo tarefas de limpeza de lixo orbital. Em comunicado, a agência espacial aponta que a empresa vai …

O "Asteróide do Apocalipse" está a cuspir rochas para o Espaço

A sonda OSIRIS-REx da NASA chegou ao Bennu, o "Asteróide do Apocalipse", em dezembro de 2018 e, apenas uma semana depois, descobriu algo incomum: o asteróide estava a lançar partículas para o Espaço. A câmara de …

Projeções dão vitória esmagadora de Boris Johnson

O partido Conservador venceu as eleições legislativas no Reino Unido com uma maioria absoluta de 368 deputados, segundo uma sondagem comum divulgada hoje pelas três estações televisivas britânicas BBC, ITV e Sky, segundo a qual …