Mulher multada por urinar em público transforma-se em debate sobre sexismo

sooncm / Flickr

Urinol público masculino em Amesterdão

O caso de uma mulher holandesa que foi multada em 90 euros por urinar na rua no centro de Amesterdão acabou por se transformar num debate sobre sexismo no país.

A capital holandesa, com pouco mais de 800 mil habitantes, em 35 urinóis públicos para homens, em comparação com as 3 casas de banho públicas disponíveis para mulheres.

Em 2015, Geerte Piening, de 23 anos, foi apanhada a urinar, depois de passar a noite a beber na praça de Leidseplein, no centro. Já era tarde, as lojas estavam fechadas e a casa de banho mais próxima ficava a alguns quilómetros de distância.

Na ocasião, Piening decidiu procurar uma rua tranquila onde pudesse satisfazer as suas necessidades. Segundo conta a BBC, um grupo de amigos ficou a vigiar para avisar Piening caso alguém aparecesse enquanto urinava.

No entanto, a jovem foi apanhada em flagrante por três agentes da polícia local, e presente a um juíz. “Na altura, não queria envolver-me em discussão com a polícia, mas no dia seguinte pensei ‘espera aí… vou lutar contra isto’“, conta Piening.

O magistrado que julgou o caso considerou que Piening devia ter usado um dos urinóis masculinos, em vez de urinar em público – acto punido com multa de 90 euros.

Algumas mulheres, no entanto, consideram que a sugestão do juiz é ridícula, e partilharam nas redes sociais fotos dd si próprias a tentar ilustrar as óbvias dificuldades de uma mulher em usar um urinol masculino.

O juiz comparou também a atitude da jovem com a de alguém que atira lixo para a rua em vez de usar um caixote de lixo – o que levou um utilizador a lembrar ao juíz que, ao contrário da urina, as cascas de banana podem ser guardadas no bolso e deitadas fora mais tarde – em qualquer caixote de lixo de “género neutro”.

Piening insiste que teve de usar a rua como último recurso e alega que as casas de banho públicas para mulheres noutras capitais europeias eram muito melhores. “Não é embaraçoso para uma cidade turística como Amesterdão que as mulheres não tenham onde urinar?”, questiona.

“Não era minha intenção que essa questão se tornasse uma grande questão feminista. Por outro lado, é positivo que esse problema seja discutido”, afirmou.

O juiz reconheceu que há menos casas de banho para mulheres, mas diz que a Câmara não é obrigada a disponibilizá-las.

Além disso, diz o juiz, “as mulheres são menos propensas a usar casas de banho públicas”, acrescentou, dizendo que o caso de Piening era raro. “É a segunda mulher que vejo em Tribunal por causa de um assunto destes”, teria dito o juiz.

A Câmara local, entretanto, diz que nunca houve na cidade uma política pública relativa a casas de banho públicas. “Há mais casa de banho para homens, porque é assim que sempre foi. Obviamente deveria ser igual e todos concordam que poderia ter sido feito melhor. Mas quais são os custos? Há espaço para isso? Vale a pena?”, pergunta Peter Ekker, porta-voz do Presidente.

Mas este pode não ser o fim da história.

Foi agora criado no Facebook um grupo para encorajar mulheres a juntarem-se a um protesto na cidade esta sexta-feira e lançar uma proposta para que as mulheres possam usar urinóis masculinos. Mais de 5000 pessoas já manifestaram interesse em comparecer.

ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Tirei da minha gaveta das memórias, aquilo que presenciei em França, Lyon.
    Um português homem, adulto, casado e com filhos foi apanhado pela Polícia, a urinar na berma de um caminho ermo e fizeram-lhe pagar uma multa, já lá vão mais de 30 anos.
    Conclusão, nada mudou!

  2. aqui por portugal,foram acabando com os wc publicos,nunca entendi a razao ,mais um caso que demostra a sociedade cada vez mais represssiva e policial que nos estamos a tornar,multar alguem as tantas da noite por urinar na via publica,que nao tem outra alternativa !deviam multar os policias por falta de bom senso,nao acredito que se trate de um caso de descriminaçao,acho que se fosse homem era igual ou pior se fosse por ca

RESPONDER

João Félix coloca Benfica nas meias-finais da Taça

Um golo de João Félix, aos 14 minutos, bastou para o Benfica garantir hoje o apuramento para as meias-finais da Taça de Portugal em futebol, no encontro dos quartos de final com o Vitória de …

Hernâni marca no final do prolongamento e apura FC Porto para as 'meias' da Taça

O FC Porto, da I Liga, apurou-se hoje para as meias-finais da Taça de Portugal em futebol, após derrotar no prolongamento o Leixões, da II Liga, por 2-1, com Hernâni a fazer o golo do …

Eleito o destino turístico mais barato para 2019 (e Portugal fica à espreita)

O complexo Sunny Beach, na Bulgária, foi eleito o destino mais barato para turistas em 2019, de acordo com um estudo levado a cabo pela British Post Office, que analisou preços dos 42 pontos turísticos mais …

Netflix está a ser processada por causa de "Bandersnatch"

O episódio interativo de Black Mirror, que estreou no final do ano passado, não agradou à Chooseco, a editora responsável pela série de livros Escolhe a tua Aventura. A 28 de dezembro estreou o mais recente …

Piloto belga "admitiu" ter assassinado o secretário-geral da ONU em 1961

Dag Hammarskjöld, secretário-geral da ONU, morreu na queda de um avião quando tentava negociar a paz no Congo, e o desastre continua a ser investigado até hoje É um mistério com mais de cinco décadas cujo …

Acordo para o Brexit chumbado. Plano de May esmagado no Parlamento

O Parlamento britânico chumbou, por uma esmagadora maioria, o acordo de saída da União Europeia negociado pela primeira-ministra Theresa May. O líder da oposição, o trabalhista Jeremy Corbyn, aproveitou a derrota histórica de May para …

Senador italiano chamou “orangotango” a antiga ministra e foi condenado a pena suspensa

A justiça italiana condenou esta segunda-feira o senador da extrema direita Roberto Calderoli a 18 meses de prisão, com pena suspensa, por comparar, em 2013, a ministra da Integração, Cécile Kyenge, com um "orangotango". O tribunal …

Num restaurante do Dubai, deixar comida no prato dá multa (e é mais cara que a refeição)

Com o Dubai a tornar-se mais consciente do desperdício de alimentos, um restaurante lembrou-se de uma maneira de fazer com que os clientes não deixem comida no prato. O restaurante Gulou Hotpot, em Al Barsha, uma …

Roma e a Igreja em guerra milionária por causa das moedas da Fontana di Trevi

As moedas que os turistas lançam à Fontana di Trevi, um dos rituais mais populares entre quem visita Roma, está a causar problemas na relação entre a Igreja e a capital italiana. A câmara de Roma …

Frente Comum marca greve nacional da função pública

Os sindicatos da Frente Comum da Administração Pública decidiram marcar uma greve nacional para o dia 15 de fevereiro, anunciou Ana Avoila no final de um plenário realizado esta terça-feira em Lisboa. “Foi decidido marcar um …