Mosca negra. A praga que alastra pelo Rio Tejo

Há uma praga a multiplicar-se pelos rios espanhóis, incluindo o Tejo, que está a levar milhares de pessoas às urgências dos hospitais e a afectar os produtores de animais. Trata-se da mosca negra que prolifera sem fim à vista e que pode alastrar-se até Portugal.

Este insecto desenvolve-se nos cursos médios e inferiores dos rios e está a beneficiar de zonas com águas “um pouco mais limpas devido ao trabalho das depuradoras, mas sem qualidade suficiente para prosperarem nelas espécies como sanguessugas e outros insectos aquáticos e peixes que as matariam”, como referem especialistas que têm estudado o fenómeno ao El País.

A diminuição das chuvas e as modificações das condições dos rios motivadas pelas alterações climáticas estão a contribuir para a multiplicação da mosca negra, a tal ponto de o problema já ter atingido a dimensão de uma praga.

“Em 2011, começaram os problemas no rio Henares e alcançaram Manzanares, o Jarama e o Tejo”, conta ao El País o cientista Óscar Soriano do Conselho Superior de Investigações Científicas (CSIC).

Se o problema não for atacado, pode proliferar até dimensões incontroláveis, temem os especialistas que estão preocupados com o facto de não haver planos específicos para controlar a praga, nomeadamente em Madrid. Tudo isto devido às burocracias e à falta de entendimento quanto às entidades competentes para lidar com a situação.

A solução passa por “tratar os rios afectados e para isso, as Administrações têm que pôr-se de acordo, não vale aplicar o controlo num ponto do rio e esquecer-se do resto”, alerta o investigador Ignacio Ruiz-Arrondo do Departamento de Doenças Infecciosas do Centro de Investigação Biomédica de La Rioja (CIBIR), também em declarações ao El País.

A forma de resolver o problema passará por verter uma bactéria no caudal dos rios que é inócua para o resto da fauna e do ecossistema, só matando as larvas de mosca negra. Além disso, será preciso cortar as plantas aquáticas (macrófitas) onde elas se criam.

“7 picadas numa pessoa podem ser 400 numa ovelha”

As fêmeas de mosca negra precisam de sangue para maturarem os ovos e a sua picada é muito dolorosa, além de poder provocar alergias a pessoas mais sensíveis.

Milhares de espanhóis têm sido assistidos nas urgências devido a picadas do insecto. Em Madrid, foram atendidas mais de 300 mil pessoas nos últimos quatro anos devido à mosca negra, e em Saragoça, são cerca de 20 mil casos por ano, relata o El País.

Mas a mosca negra é ainda mais perniciosa para os animais, nomeadamente para rebanhos de ovelhas e cabras ou para manadas de vacas. “É pior do que nos humanos porque não têm mãos para as matar, nem onde esconder-se”, explica ao mesmo jornal Luis Figueras do Gabinete Técnico Veterinário de Saragoça.

“Seis ou sete picadas numa pessoa podem transformar-se em 300 ou 400 numa ovelha”, refere ainda o veterinário, contando que já viu “um cão de um rebanho a tentar enfiar a cabeça na terra para se livrar das moscas“.

Já há pastores que optam por levar os animais a comer à noite, evitando as horas matinais que é quando a mosca negra costuma atacar. Para evitar o sofrimento a que ficam sujeitos e para tentar evitar as perdas de produção devido ao facto de os animais comerem menos, quando estão sob ataque dos insectos.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. O problema é que os rios estão transformados em canais de esgoto, tal como as veias num corpo animal assim deveriam ser os rios mas infelizmente a incompreensão e ganância humana não o permitem.

  2. É verdade. As estações de tratamento são uma mentira. A poluição continua. Alguém ganhou com isso. A natureza fica sempre a perder. A contaminação aumenta. No verão não funcionam nas zonas balneares. Devido a população se multiplicar. O esgoto sai negro igual ao crude para a agua cristalina. Já vi com os meus olhos. Tudo é uma farsa.

RESPONDER

Diamante de 183 quilates está à venda em leilão angolano

A Sodiam, empresa pública de comercialização de diamantes angolana, lançou na quarta-feira o segundo leilão para venda de diamantes brutos, que inclui uma pedra de 183 quilates, e no qual estão já registadas mais de …

Bruxelas aprova compra de Seguradoras Unidas e AdvanceCare pela Generali

A Comissão Europeia aprovou, esta quinta-feira, a compra das portuguesas Seguradoras Unidas e AdvanceCare ao grupo norte-americano Apollo pelo grupo italiano Generali, um negócio no valor estimado de 600 milhões de euros. O Executivo comunitário adiantou, …

"Rebeldes" que saíram do Partido Conservador concorrem como independentes ou pela oposição

Vários deputados dissidentes ou expulsos do Partido Conservador estão a candidatar-se como independentes ou por partidos da oposição nas legislativas de 12 de dezembro por se oporem ao Brexit negociado pelo primeiro-ministro. O antigo procurador-geral Dominic …

CGD já está a cobrar comissões nos depósitos de instituições financeiras

A Caixa Geral de Depósitos (CGD) já começou a cobrar comissões nos depósitos das instituições financeiras, de modo a tentar contornar a política monetária do Banco central Europeu. A intenção de cobrar comissões nos depósitos de …

Câmara de Oliveira de Azeméis pagou contas de concelhia do PSD, acusa Ministério Público

O Ministério Público (MP) deduziu esta quarta-feira acusação contra 68 arguidos no âmbito da operação “Ajuste Secreto”. Entre os acusados está o antigo autarca da Câmara de Oliveira de Azeméis Hermínio Loureiro, que é a …

PAN defende atribuição de cartão de cidadão a sem-abrigo

A iniciativa recomenda ao executivo socialista, liderado por António Costa, que seja atribuído "um cartão de identificação a todos aqueles que não têm uma casa ou um teto". O PAN apresentou na Assembleia da República um …

Governo quer criar regras especiais para alunos do profissional acederem ao Ensino Superior

O Governo quer criar um modelo de acesso específico para alunos do ensino profissional que queiram prosseguir estudos superiores, uma proposta que chegou a estar desenhada na anterior legislatura, mas que ainda não avançou. Segundo noticiou …

Menos de metade dos médicos do SNS trabalha em regime de exclusividade

Menos de metade (42,9%) dos médicos do Serviço Nacional de Saúde (SNS) trabalha em regime de exclusividade, avança o Jornal de Notícias, citando números da Administração Central dos Serviços de Saúde.  Segundo dados apresentados esta quinta-feira …

Grávidas e crianças até aos 10 anos não devem comer peixe-espada e atum, recomenda Espanha

A Agência Espanhola de Segurança Alimentar e Nutrição publicou novas recomendações no final de outubro para o consumo de determinados tipos de pescado, nomeadamente o atum e o peixe-espada, tubarão ou cação e Lúcio. Em causa …

Deputado Lobo d'Ávila abre portas ao futuro no CDS. "Não digo não" ao partido

O ex-deputado Filipe Lobo d'Ávila afirmou que não afasta a possibilidade de se candidatar à liderança do CDS. O potencial candidato à sucessão de Assunção Cristas indicou que a estratégia do partido, nos últimos anos, …