Morreu Ross Perot, o excêntrico multimilionário que tirou um Bush da Casa Branca

USASOC News Service / Wikimedia

O bilionário e antigo candidato presidencial independente Ross Perot (c)

O multimilionário americano Ross Perot, que na década de 1990 se candidatou por duas vezes à presidência dos Estados Unidos como independente, morreu esta terça-feira, aos 89 anos, em consequência da leucemia com que foi diagnosticado há alguns meses.

O multimilionário texano Ross Perot morreu durante a madrugada desta terça-feira, na cidade de Dallas, segundo adiantou à imprensa local o porta-voz da família, James Fuller. De acordo com o porta-voz, o empresário foi diagnosticado com leucemia em fevereiro, e uma infecção secundária em março quase lhe levou então a vida.

Perot, cujas biografias retratam como um multimilionário que se construiu sozinho, tornou-se um dos homens mais ricos do país depois de fundar em 1962 a empresa de serviços informáticos Electronic Data Systems Corp. Um dos pioneiros do setor, Perot  vendeu mais tarde a empresa à General Motors por 2.5 mil milhões de dólares.

O empresário viria a criar em 1988 outra empresa, a Perot Systems, que liderou até 2004, altura em que entregou a liderança da companhia ao filho, passando a ocupar a presidência honorária.

Em 1992, Perot saltou para o palco da política norte-americana, lançando-se como candidato independente à presidência do país, contra o então presidente republicano George H.W Bush e o candidato democrata Bill Clinton.

Nestas eleições, que deram a primeira vitória a Bill Clinton, o multimilionário texano teve cerca de 19% dos votos, a maior percentagem para um candidato independente em mais de 80 anos.

O amplo apoio recolhido por Ross Perot foi considerado pelos republicanos o grande responsável pela derrota de George Bush, um dos poucos presidentes norte-americanos que não conseguiu ser reeleito para um segundo mandato.

Quatro anos mais tarde, em 1996, Perot voltaria a candidatar-se às eleições presidenciais, à frente do Partido da Reforma dos EUA e com um programa ultraconservador. Recebeu então apenas 8,4% dos votos, numa vitória fácil de Clinton. O programa de Perot, diz o Observer, abriu as portas ao movimento Make America Great Again de Donald Trump.

Ross Perot e sua mulher, Margot, tiveram cinco filhos e 16 netos.

ZAP // EFE

PARTILHAR

RESPONDER

Populações da Idade da Pedra Média ocuparam (repetidamente) a costa da África Ocidental

A ocupação das costas tropicais de África durante a Idade da Pedra é pouco conhecida. No entanto, estudos recentes na África oriental deram uma nova perspetiva, detalhando as mudanças comportamentais dinâmicas perto da costa do …

Novo apoio social de até 501 euros aprovado. Inclui sócios-gerentes, informais e estagiários

O Parlamento continua na maratona de votações no âmbito da apreciação do Orçamento do Estado para 2021 (OE2021) na especialidade. Nesta quarta-feira, os parlamentares aprovaram o novo apoio social de até 501 euros, bem como …

Deco exige 1,1 milhões de euros ao Vitória de Guimarães em tribunal

O empresário e ex-futebolista Deco exige 1,1 milhões de euros ao Vitória de Guimarães, da I Liga portuguesa de futebol, numa ação interposta no Juízo de Execução de Guimarães, informa o portal Citius, do Ministério …

PSD junta-se a BE e PCP para travar transferências para Novo Banco (e as Finanças ficam "estupefactas")

No último dia de votações na especialidade, o PSD juntou-se à esquerda para impedir a injeção de 476,6 milhões de euros do Fundo de Resolução ao Novo Banco em 2021, tal como previsto no Orçamento …

Há uma planta que evoluiu para se "esconder" do Homem

Uma planta utilizada na medicina tradicional chinesa evoluiu, mudando a própria pigmentação, para se tornar menos visível ao Homem, sugere uma nova investigação, dando conta que em causa está uma estratégia de sobrevivência. O estudo, …

Luz verde. PAN abstém-se e garante aprovação do OE2021

A votação final global do Orçamento do Estado para 2021 acontece esta quinta-feira no Parlamento. A sua aprovação está garantida devido à abstenção do PCP, PEV e PAN, apesar do voto contra do Bloco de …

Mais de 500 funcionários públicos vão ajudar SNS. Camas de cuidados intensivos podem chegar às 1.000

A ministra da Saúde, Marta Temido, anunciou, em entrevista ao Público e à Renascença, que mais de 500 funcionários públicos vão integrar as equipas de rastreio do Serviço Nacional de Saúde (SNS). Na entrevista conjunta ao …

Erro de fabrico levanta questões sobre vacina de Oxford

A AstraZeneca e a Universidade de Oxford reconheceram esta quarta-feira um erro de fabrico que está a levantar questões sobre os resultados preliminares e a eficácia da sua vacina experimental contra a covid-19. O comunicado, onde …

Partiu o "mais humano dos deuses" quando tentava mudar de vida. 9 ambulâncias socorreram Maradona, mas foi em vão

A Argentina está em choque com a morte de Diego Armando Maradona. O coração de El Pibe não aguentou numa altura em que estava a tentar mudar de vida, com exercícios físicos, dieta e a …

Manter o ar de casa limpo pode reduzir a probabilidade de propagar covid-19

Além das precauções atualmente recomendadas, garantir que o ar em espaços interiores esteja o mais limpo possível também pode ajudar a reduzir a probabilidade de propagar o novo coronavírus. A grande maioria da transmissão do SARS-CoV-2 …