Jovem morre depois de chamar ambulância e ser gozada por operadora

Naomi Musenga, de 22 anos, ligou a pedir ajuda, mas o seu pedido foi ignorado depois de o operador de serviço de emergência ter gozado com ela.

O caso polémico aconteceu no dia 27 de dezembro de 2017, mas só agora foi revelado, estando a causar uma onda de revolta em França. Esta semana foi divulgado o áudio da chamada telefónica de emergência entre Naomi Musenga e a telefonista, que lhe terá respondido com impaciência e “gozo”.

Segundo a BBC, a jovem de 22 anos ligou para a linha de emergência de Estrasburgo (SAMU) queixando-se de dores abdominais. “Vou morrer”, disse. “Definitivamente vai, como toda a gente um dia”, responderam-lhe do outro lado da linha.

A conversa terá demorado três minutos, e na gravação ouve-se a mulher, com voz fraca, a queixar-se, porém, com muitas dificuldades em explicar de forma mais concreta o que se estava a passar com ela. Naomi dizia estar “com muitas dores”. “Por favor, ajude-me, estou muito doente“, afirmou.

O assistente terá dito que não a conseguia ajudar porque Naomi não lhe dizia o que se estava a passar, tendo ameaçado desligar a chamada caso a jovem não conseguisse explicar. “Se não me disser o que se passa eu desligo“, ouviu Naomi, de uma voz com um tom mais irritado.

Na mesma gravação ouve-se quem atendeu o telefonema a “gozar” com a mulher juntamente com outro colega, explica o jornal francês Le Monde. Depois, o assistente aconselha Naomi a chamar o médico, tendo-lhe dado um número de outro serviço, o SOS Médecins, que envia médicos a casa.

A jovem não hesitou e contactou o serviço, tendo sido transportada para o hospital, onde acabou por falecer devido à falência de vários órgãos e hemorragias, na sequência de um ataque cardíaco.

O Ministério da Saúde francês já abriu um inquérito ao caso e Agnès Buzyn, ministra da saúde, mostrou-se indignada com a situação. Sabe-se ainda que o assistente em causa terá sido já suspenso.

Nas redes sociais o caso ganhou dimensão, tendo sido criada uma página no Facebook em que se pede justiça por Naomi Musenga. #JusticePourNaomi é também o nome da hashtag que tem sido utilizada por milhares de utilizadores do Twitter.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Não é só em França. Comigo, em Portugal, aconteceu situação idêntica só que o final, felizmente, não teve o mesmo desfecho. Apesar de ter feito uma queixa contra esse serviço de emergência médica, informaram-me que a operadora tinha actuado de forma profissional… Na primeira chamada que fiz para um coma hipoglicémico com perda de consciência de minha filha diabética tipo 1, desligaram-me a chamada. Na nova chamada, a mesma operadora atendeu-me com modos rançosos e inqualificáveis para quem desempenha tais funções de atendimento a emergências. Infelizmente é o que existe em qualquer parte do Mundo. Há bons e há rançosos profissionais sejam eles em que áreas forem.

    • O que são “modos rançosos”?!
      Diz que foi atendido do “mesmo modo” mas depois não explica absolutamente nada!…
      Vale o que vale…

RESPONDER

Retomado voo entre Portugal e a China após duas semanas de suspensão

Depois de ter sido suspensa por duas semanas, a ligação aérea entre Portugal e a China foi retomada este fim de semana. A ligação aérea entre Portugal e a China foi retomada este fim de semana, …

Líder do CDS diz que Portugal é uma "república das bananas" que já nem pune os criminosos

O líder do CDS, Francisco Rodrigues dos Santos, acusou o Governo de "descongestionar as cadeias à boleia de um pretexto sanitário". O regime especial de perdão das penas, aprovado em abril de 2020, continua em vigor, …

Há quatro mestrados portugueses entre os melhores do mundo segundo o Financial Times

Uma lista anual publicada pelo Financial Times ordena as 55 escolas de gestão em todo o mundo que mais se destacam nos 17 indicadores avaliados por esta publicação. O mestrado em Finanças da Nova School of …

Há cada vez mais denúncias de assédio. Motorista de autocarros de Coimbra foi suspenso após importunar jovem

Um motorista de autocarros de Coimbra foi suspenso depois de ter sido filmado enquanto assediava uma jovem num veículo dos SMTUC, a empresa de transportes públicos da cidade. O caso está a dar destaque a …

"A pandemia precipitou uma epidemia." Fungo negro disparou pela Índia desde a segunda vaga

A mucormicose, uma doença fúngica rara e frequentemente mortal, explodiu em toda a Índia durante a pandemia de covid-19. “A pandemia precipitou uma epidemia”, disse Bela Prajapati, otorrinolaringologista no Hospital Civil, na Índia, ao The New …

Governo aponta "soluções" para rever tabela remuneratória da Função Pública (e quer limitar "mandatos" das chefias intermédias)

O Governo está a avaliar “várias soluções” para rever a tabela remuneratória da Função Pública que passam por “alongá-la” ou alterar os momentos de entrada em cada carreira. A informação foi avançada pela ministra Alexandra Leitão, …

Já abriram os primeiros concursos para gastar a bazuca. Costa destaca "orgulho" na boa gestão de fundos europeus

Arranca, nesta segunda-feira, o Plano de Recuperação e Resiliência (PRR), com a abertura dos dois primeiros concursos para obtenção de financiamento da chamada "bazuca" europeia. O primeiro-ministro António Costa destaca a "boa gestão" dos fundos …

Parlamento sueco aprova moção de censura e derruba Governo

O primeiro-ministro sueco foi derrubado, esta segunda-feira, por um voto de desconfiança no Parlamento, situação inédita na história política da Suécia, e tem uma semana para se demitir ou convocar novas eleições. Resultado da reviravolta na …

MAI não revela velocidade a que seguia carro de Cabrita (e culpa a vítima pelo acidente)

Três dias após o acidente mortal na A6, o Ministério empurra as culpas para o trabalhador e continua a ocultar dados relativo à viagem. O Ministério da Administração Interna (MAI) recusa revelar a que velocidade seguia …

Militar de extrema-direita que ameaçou virologista belga encontrado morto

Jürgen Conings foi encontrado morto. O militar de extrema-direita estava em fuga após ameaçar um virologista, na Bélgica. O militar de extrema-direita Jürgen Conings, que estava em fuga após ameaçar um virologista, na Bélgica, “foi encontrado …