Moedas quer unir a direita contra Medina. Objetivo é incluir IL e Aliança na coligação PSD/CDS

ppdpsd / Flickr

Rui Rio e Carlos Moedas

Carlos Moedas está a tentar alargar a coligação PSD/CDS para construir uma frente de direita contra o socialista Fernando Medina, atual presidente da Câmara Municipal de Lisboa.

O Público avança esta terça-feira que Carlos Moedas, candidato do PSD e do CDS à Câmara de Lisboa, está a conversar com o Iniciativa Liberal (IL) e com o Aliança, de modo a incluir estes dois partidos na coligação PSD/CDS. As conversas podem ainda abranger o Partido Popular Monárquico (PPM) e o Movimento Partido da Terra (MPT).

De fora ficará o Chega, uma vez que o partido de André Ventura foi excluído do acordo de coligações autárquico que será assinado, nos próximos dias, entre o PSD e o CDS-PP.

João Cotrim Figueiredo e Carlos Moedas reuniram-se esta segunda-feira, mas, de acordo com uma nota divulgada no final da tarde, são poucas as conclusões conhecidas deste encontro: “Ficaram previstos novos contactos até se poder chegar a uma decisão sobre a disponibilidade do Iniciativa Liberal em integrar uma coligação.”

“Foi uma conversa franca em que se trocaram pontos de vista sobre as eleições autárquicas em Lisboa e onde se analisaram a existência de razões que pudessem levar o Iniciativa Liberal a considerar uma exceção à estratégia de apresentar candidaturas próprias nestas que são primeiras eleições autárquicas a que o partido concorre”, lê-se.

Cotrim de Figueiredo já se mostrou disponível para abdicar de ter uma candidatura em Lisboa. Em declarações ao semanário Expresso, disse que “Carlos Moedas tem uma costela liberal”, acrescentando: “Falta saber se pretende incluí-la no projecto para Lisboa”.

O Público refere ainda que, no caso do Aliança, há já encontros marcados.

Carlos Moedas conseguiu unir Rui Rio, os críticos internos e mereceu ainda o apoio do CDS. O nome para Lisboa parece consensual, com Rodrigues dos Santos a admitir que foi “uma notícia que recebemos com grande alegria e entusiasmo”.

IL quer PSD e CDS libertos de “hábitos socialistas”

O Iniciativa Liberal já avisou que não basta libertar a autarquia do PS, mas também que PSD e CDS deixem “hábitos socialistas”.

Numa posição oficial enviada no sábado à Lusa, os liberais referem que “depois da comunicação social ter anunciado a candidatura de Carlos Moedas”, este contactou o presidente do IL para agendar uma “primeira conversa para explorar eventuais pontos de convergência”, encontro esse que ficou marcado para o início da semana.

“Como sempre tem feito, o IL não subalterniza as suas ideias em prol de cargos ou ilusórios sucessos eleitorais. Não basta libertar Lisboa do socialismo do PS, é preciso também que PSD e CDS se libertem dos seus hábitos, muitas vezes também, socialistas”, avisa, segundo a mesma nota.

Os liberais reafirmam que a sua estratégia eleitoral autárquica passa por “apresentar candidaturas próprias”, motivo pelo qual as exceções implicam “uma análise ponderada” do partido.

“Essa análise passa pela verificação, em conjunto com o núcleo do IL de Lisboa, de eventuais pontos comuns a nível político e no plano programático que se insiram na defesa do projeto liberal do lL, numa perspetiva de longo prazo de que não abdicamos”, explica.

Nas últimas autárquicas, em 2017, PSD e CDS concorreram separados à Câmara de Lisboa, numas eleições ganhas pelo socialista Fernando Medina, que obteve 42% dos votos e perdeu a maioria absoluta na capital.

A então líder do CDS Assunção Cristas ficou em segundo lugar, com 20,6% (perto de 52 mil votos), numa candidatura apoiada também por MPT e PPM e que elegeu quatro vereadores.

Nessa eleição, o PSD teve como candidata a então deputada Teresa Leal Coelho, que ficou em terceiro lugar, com 11,2% (correspondentes a pouco mais de 28 mil votos), elegendo dois vereadores.

  Liliana Malainho, ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Ai-Da, a robô artista, foi detida no Egito antes da sua mais recente exposição

Ai-Da, a primeira robô artista ultrarrealista do mundo, foi detida pelas autoridades egípcias na alfândega por "questões de segurança". De acordo com o jornal The Guardian, está previsto que Ai-Da apresente o seu último trabalho na …

Albertina Museum, em Viena, na Áustria

Cansados de ver posts removidos por nudez, museus de Viena aderiram ao OnlyFans

Cansados de ver as obras de arte que partilhavam nas redes sociais removidas por serem demasiado "explícitas", vários museus austríacos decidiram abrir uma conta na plataforma mais liberal OnlyFans. No passado, tanto o Conselho de Turismo …

O pior desastre nuclear da história dos EUA pode ter sido fruto de uma brincadeira

O SL-1 era um reator nuclear experimental de baixa potência, localizado no Idaho, nos EUA, que tinha como objetivo fornecer energia a pequenas instalações militares remotas no início dos anos 1960. O reator acabou por ficar …

PJ deteve quarto suspeito da morte de jovem no metro das Laranjeiras

A Polícia Judiciária (PJ) deteve, ao final da tarde desta quinta-feira, um quarto suspeito da morte de um jovem, na quarta-feira, na estação de metro das Laranjeiras, em Lisboa. Durante a tarde de hoje, em conferência …

A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho, a ministra de Estado e da Presidência, Mariana Vieira da Silva, a ministra da Cultura, Graça Fonseca, e a ministra da Saúde, Marta Temido

Saúde, Trabalho e Cultura. As medidas aprovadas pelo Governo para facilitar a negociação do OE

Novo Estatuto do Serviço Nacional de Saúde, Agenda do Trabalho Digno e a versão final do Estatuto dos Profissionais da Cultura foram os grandes destaques da conferência de imprensa após o Conselho de Ministros desta …

Banido do Facebook, Donald Trump aposta na criação da sua própria rede social

Nova rede social deverá estar disponível a partir do início do próximo ano e é uma resposta do antigo presidente às empresas que o decidiram banir. O antigo Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump anunciou o …

Um cigarro aceso

"Fumar mata." Deputados britânicos querem que o aviso seja impresso em cada cigarro

Para desencorajar os fumadores, os deputados britânicos querem imprimir o slogan "Fumar mata" em cada cigarro de um maço de tabaco. Deputados britânicos apresentaram, no Parlamento, uma emenda à Lei de Saúde e Cuidados de Saúde …

Ludogorets 0-1 Braga | Horta bracarense dá frutos cedo

O Sporting de Braga conseguiu um importante triunfo por 1-0 na deslocação ao terreno do Ludogorets, no Grupo F da Liga Europa. A formação lusa não quis perder tempo e marcou logo aos sete minutos, por …

PJ admite mais pessoas envolvidas na morte de jovem no metro das Laranjeiras

A Polícia Judiciária (PJ) admitiu, esta quinta-feira, que estejam mais pessoas envolvidas na morte de um jovem, na quarta-feira, na estação de metro das Laranjeiras, em Lisboa. Os dados foram avançados esta tarde, em conferência de …

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa

Marcelo continua a "desejar e a esperar que haja uma possibilidade de o OE passar"

O Presidente da República afirmou, esta quinta-feira, que continua "a desejar e a esperar que haja uma possibilidade de o Orçamento passar" e considerou que os próximos dias, com reuniões partidárias até ao fim-de-semana, "são …