Ministério Público investiga falha de abastecimento no aeroporto de Lisboa

Sharon Hahn Darlin / Flickr

-

O Departamento de Investigação e Ação Penal de Lisboa está a investigar a falha no abastecimento de combustível ocorrida a 10 de maio no aeroporto de Lisboa, disse esta quinta-feira fonte oficial da Procuradoria-Geral da República à Lusa.

Segundo a fonte da PGR, o inquérito foi aberto na sequência de uma participação apresentação pela ANA – Aeroportos de Portugal, cujo presidente executivo anunciou na quarta-feira ter pedido ao Ministério Público uma investigação com o objetivo de vir a ser reclamada uma indemnização por parte da concessionária.

“Apresentámos um pedido de investigação ao Ministério Público e contratámos uma empresa especialista em combustível para apurar a causa” do incidente, que há duas semanas afetou 41.681 passageiros, disse aos deputados o presidente executivo da ANA, Carlos Lacerda, numa audição no Parlamento.

A empresa contratada pela ANA é a Bureau Veritas, que se apresenta na sua página na internet como “líder mundial em Testes, Inspeções e Certificação”.

O cancelamento de 97 voos, o atraso de 202 e a divergência de outros 12 voos para outros aeroportos a 10 de maio afetaram, segundo o presidente da ANA, 41.681 passageiros, dos quais 26.704 devido a atrasos, 13.341 por voos cancelados e 1.637 por voos divergidos.

Carlos Lacerda defendeu que não é à gestora que os passageiros afetados devem pedir para serem ressarcidos: “Os passageiros têm de pedir a indemnização às companhias aéreas, pois é com estas que têm contratos de transporte”, adiantando que a gestora recebeu “algumas, mas muito poucas”.

Por isso, adiantou, é junto das companhias aéreas ou até da Autoridade Nacional da Aviação Civil (ANAC) que o número de reclamações de passageiros deve ser solicitado.

“As peritagens dos seguros foram efetuadas e as pessoas afetadas têm de ser ressarcidas”, defendeu, considerando “uma boa ideia” a sugestão de um deputado de publicar no ‘site’ da ANA informação sobre o seu direito dos passageiros lesados serem indemnizados.

A ANA salientou aos deputados que não foram só os passageiros e as companhias aéreas que foram afetados: “Nós [a ANA] também fomos afetados e queremos uma indemnização”, afirmou.

A gestora do aeroporto de Lisboa, segundo o seu presidente, também foi “extremamente lesada” pelo incidente, assim como “a imagem do país”, com consequências para o turismo nacional.

Quanto à falta de informação nos painéis do aeroporto naquele dia sobre os cancelamentos e atrasos de voos por falta de combustível, Carlos Lacerda explicou aos deputados que isso aconteceu por falta de “informação fiável” para dar aos passageiros.

“Nem a ANA tinha informação sobre quando o abastecimento ia ser retomado”, declarou, porque a “informação que chegava verificava-se não ser correta”.

“Iremos até ao fim nas consequências do que se passou”, disse Carlos Lacerda, explicando aos deputados que nem a ANA, nem as companhias aéreas foram “avisadas” pela responsável do abastecimento de combustível do aeroporto e que a ANA “é especialista em aeroportos, mas não em combustível”.

Carlos Lacerda disse ainda aos deputados ter “consciência” que a ANA “fez tudo, e até mais do que devia ter feito”, para resolver o problema do abastecimento, e classificou o que se passou como “muito grave”, salientando que esta situação foi “inédita” e não tem ainda a causa identificada.

“Só percebendo a causa podemos criar medidas”, para que não se volte a repetir, defendeu.

Carlos Lacerda questionou ainda: “Como é possível os três tanques [de combustível] serem afetados? Nós não sabemos. E essa questão tem de ser respondida”, adiantou, afirmando que tal incidente “não pode voltar a acontecer”.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Desaparecimentos, mistérios e lendas. O Triângulo do Alasca pode ser mais perigoso do que o das Bermudas

Milhares de pessoas desaparecem todos os anos no estado norte-americano do Alasca, fazendo lembrar as histórias do Triângulo das Bermudas, onde aviões e navios desapareceram sem deixar rastro. De acordo com a revista The Atlantic, três …

Descobertas sete novas aranhas-pavão. E uma parece um quadro de Van Gogh

Foram encontradas sete novas espécies de aranha do género Maratus. E há uma que se destaca por se parecer com "A Noite Estrelada", famoso quadro de Vincent Van Gogh. Nos últimos anos, as aranhas-pavão (do género Maratus) …

Estado de emergência no México suspende produção de cerveja Corona

Nem toda a publicidade é boa publicidade. Que o diga a cerveja mexicana Corona que, em tempos de pandemia, partilha o nome com o vírus de que já ninguém quer ouvir falar. Segundo o jornal The …

Gás natural pode transformar Moçambique no "Qatar de África" (se os jihadistas deixarem)

A descoberta de gás natural em Moçambique é vista como uma grande esperança para o país que, à boleia dos avultados investimentos que está a receber de grandes multinacionais, sonha tornar-se no "Qatar de África". …

Afinal, os 1.000 ventiladores doados por Elon Musk podem não ser completamente inúteis

Elon Musk, CEO da Tesla, doou mil ventiladores do tipo errado a hospitais da Califórnia, que enfrentam um número esmagador de casos de coronavírus. Agora, afinal, os ventiladores vão poder ser usados em casos de …

Cientistas preveem quatro grandes furacões no Atlântico em 2020

Cientistas da Universidade Estadual do Colorado, nos Estados Unidos, preveem que se formem quatro grandes furacões no Oceano Atlântico em 2020. De acordo com os especialistas, estes quatro furacões serão de categoria 3 a 5 na …

Neymar doa 870 mil euros para luta contra a pandemia no Brasil

O futebolista internacional brasileiro Neymar doou cerca de 870 mil euros para a luta contra a pandemia covid-19 no seu país, revelou esta sexta-feira o canal SBT. Segundo a estação de televisão brasileira, o contributo de …

França confiscou quatro milhões de máscaras destinadas a Espanha e Itália

As autoridades francesas apreenderam quatro milhão de máscaras que uma empresa sueca transportava da China para a Espanha e Itália no início do mês. A disputa diplomática foi revelada na quarta-feira pela revista francês L'Express. Segundo …

Sobe para 52 o número de elementos da PSP infetados

Subiu esta sexta-feira para 52 o número de elementos da PSP infetados com covid-19, revelou esta força de segurança, dando conta que está a ser assegurado apoio psicológico a todos os polícias com 30 profissionais. Em …

A curvatura do espaço-tempo vai ajudar o WFIRST a encontrar exoplanetas

O WFIRST (Wide Field Infrared Survey Telescope) da NASA irá procurar planetas para lá do nosso Sistema Solar na direção do centro da nossa Galáxia, a Via Láctea, onde estão a maioria das estrelas. O …