Mineração de ouro deixa terras da Amazónia áridas por vários anos

A mineração de ouro na Amazónia está a deixar as suas terras áridas durante vários anos. Além disso, os rios também ficam altamente contaminados com mercúrio.

A mineração de ouro aumentou rapidamente em toda a região amazónica nos últimos anos, especialmente ao longo do Planalto das Guianas, onde é responsável por até 90% da desflorestação total. O Planalto abrange Guiana, Suriname, Guiana Francesa, Venezuela e pequenas partes da Colômbia e norte do Brasil, e as suas florestas retêm aproximadamente 20 mil milhões de toneladas de carbono.

Grande parte da perda de floresta na região é causada por mineiros artesanais e de pequena escala, que respondem rapidamente a aumentos nos preços internacionais do ouro. Muitas vezes, deixam para trás uma extensa erosão do solo e rios contaminados com mercúrio.

Os cientistas tinham analisado como é que as florestas recuperam após serem convertidas em campos e pastagens, e depois abandonadas. Eles descobriram que estas “florestas secundárias” em recuperação foram capazes de manter a biodiversidade e acumular carbono, entre outras coisas. No entanto, nenhum desses estudos comparou a recuperação de florestas após a agricultura com o que acontece após a mineração de ouro.

Um novo estudo publicado este domingo no Journal of Applied Ecology revela que a mineração de ouro limita significativamente a regeneração das florestas amazónicas e reduz bastante a sua capacidade de acumular carbono. As taxas de recuperação em poços de mineração abandonados estavam entre as mais baixas já registadas em florestas tropicais, em comparação com a recuperação da agricultura e pastagem.

Os investigadores estimam que, na Amazónia, a mineração de ouro faz com que cerca de 2 milhões de toneladas de carbono florestal sejam perdidas a cada ano. A falta de regeneração observada mostra que esse carbono perdido pode não ser recuperável, dentro do que seria considerado um período normal de regeneração, simplesmente deixando essas minas abandonadas para a natureza.

Também foi observado que os locais de mineração ativos tinham, em média, 250 vezes mais concentrações de mercúrio do que os locais abandonados. A poluição por mercúrio é especialmente prejudicial para os peixes, que são parte integrante da dieta das comunidades locais e indígenas nesta parte do mundo.

A recuperação mais lenta devido à mineração é particularmente preocupante, uma vez que a mineração é um fator cada vez mais importante da desflorestação na Amazónia, com mais de um milhão de quilómetros quadrados que poderiam ser reservados para a mineração de ouro e outros minerais.

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Sporting: espanhóis analisam o "maior" Haaland

Avançado do Borussia Dortmund apresenta recordes que, nem Messi, nem Cristiano, tinham. O Sporting entra em campo para a segunda jornada da Liga dos Campeões, diante de um Borussia Dortmund que tem no seu plantel uma …

Escola proíbe alunos de levarem almoço de casa. Ministério da Educação fala em “recomendação”

Interpretações distintas das normas emitidas pelo Ministério da Educação e a inexistência de equipamentos para aquecer as refeições em linha com as recomendações de segurança motivadas pela covid-19 podem estar na origem da decisão. Os alunos …

Autárquicas foram prova de vida para o CDS. Rodrigues dos Santos respira, Melo põe-se à espreita

Nuno Melo já se tinha colocado em posição de ataque na corrida interna, mas terá de esperar. O CDS "está vivo" e as autárquicas foram prova disso. O CDS decidiu apoiar Carlos Moedas e não se …

Explosão suspeita em complexo de edifícios na Suécia causa mais de 20 feridos

Mais de 20 pessoas ficaram feridas, três delas com gravidade, após uma explosão num complexo de edifícios no centro de Gotemburgo, na Suécia. A polícia está a investigar as causas do incidente e admite a …

Costa pode remodelar Governo após choque eleitoral (com Medina à cabeça)

António Costa pode estar a preparar uma remodelação no Governo, com Fernando Medina à cabeça. António Costa já veio negar essa possibilidade. O primeiro-ministro António Costa está preparado para fazer uma remodelação no Governo, após a …

Portugal com mais 600 casos de covid-19 e sete óbitos. Internamentos baixam das quatro centenas

Portugal registou, nas últimas 24 horas, 600 novos casos e sete mortes na sequência da infeção por covid-19, de acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Segundo o último boletim da Direção-Geral da …

Autárquicas não contaminam processo orçamental. Esquerda chuta eleições para canto e mantém pressão

Depois de uma empolgante noite eleitoral, avizinham-se duas semanas de negociações entre os partidos e o Governo. Os trabalhos de negociação do Orçamento do Estado para 2022 (OE2022) estão mais atrasados do que o habitual devido …

Igreja desaba com a força da lava do vulcão em La Palma

Uma igreja na ilha espanhola de La Palma desabou depois de ter sido atingida pela lava do vulcão que entrou em erupção no passado domingo, dia 19. Após ter escapado por pouco no início da semana …

Homem que tentou matar Ronald Reagan vai ser libertado em 2022

Na altura o homem foi considerado inimputável pela justiça devido a problemas mentais. Depois de ter saído de um hospital psiquiátrico em 2016, John Hinckley Jr vai ficar em liberdade total de 2022. A 31 de …

Coreia do Norte lança "projétil não identificado"

A Coreia do Norte lançou um "projétil não identificado" no mar ao largo da sua costa oriental, disseram esta madrugada os militares sul-coreanos. Tanto o Japão como os Estados Unidos já condenaram o lançamento. A Coreia …