Militar da GNR apanhado a fazer filmes pornográficos alvo de processo disciplinar

Oscar in the middle / Flickr

Um militar da Unidade de Intervenção da GNR está a ser alvo de um processo disciplinar por ter participado em vários filmes pornográficos nacionais, ao longo dos últimos dois anos.

A GNR só terá descoberto há pouco tempo a participação do cabo da unidade de elite da GNR em filmes pornográficos, após este ter desempenhado esta actividade paralela na indústria do sexo durante cerca de dois anos, revela o Correio da Manhã.

O diário atesta que o cabo da GNR usa o nome artístico de Frank Stone e que participou em filmes da produtora portuguesa Pornlowcost, nomeadamente na sua mais recente produção, “As Ronaldas”, mas também em “Apanhadas no Quarto Escuro” e em “Portuguesas sem Vergonha”.

O militar estará de baixa desde que a GNR abriu o processo disciplinar, frisa o CM.

“Frank Stone” incorre numa sanção porque terá exercido “uma actividade remunerada paralela sem autorização superior” e por potencial violação dos “deveres de decoro impostos aos militares da GNR”, sublinha o Diário de Notícias.

O CM ainda apurou que apenas um pequeno grupo de colegas do militar, do quartel da Pontinha, em Odivelas, sabia desta sua vida paralela como actor pornográfico. O agente terá até participado em espectáculos do Eros Porto.

Há cerca de dois anos, um cabo da GNR foi condenado na primeira instância por ter feito striptease num bar em Oliveira de Azeméis, alegadamente usando o uniforme oficial e a arma de serviço. O militar acabou por ser absolvido pelo Tribunal da Relação, que considerou que não ficou provado que a arma era real.

ZAP

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. O Cabo já tem negócio paralelo e pode largar a GNR. Ele que guarde só a farda, que pode dar jeito.

    Sinceramente, é uma vergonha. Pornlowcost? Low Cost?

    Deve-se mesmo ganhar muito mal na GNR.

    • Você sabe o que diz? Se por qualquer motivo fizer um biscate porque o ordenado não lhe chega para se sustentar considera isso um negócio paralelo? Trate esse estigma que tem contra quem trabalha nas forças de segurança. Quem fala assim só pode ser marginal à solta!

  2. Mais vale ser corrupto do que trabalhar honestamente para conseguir fazer face à vida! Dêem ordenados compatíveis às forças de segurança tal como dão aos srs. juízes que nada disto acontece!

  3. A GNR, esta cada vez pior, então ja nao chegava o outro militar a fazer strip, vem agora este actor porno, em part time. O processo vai dar em nada como o outro. Cada vez mais esta corporação perde o respeito dos cidadãos.

  4. Se não fosse GNR já não fazia mal????
    Acho que a mãe do sr. militar não o baptizou com o nome de GNR.
    Com tanto problema por resolver que por aí anda, é com isto (a vida pessoal do militar) que a GNR se preocupa?????
    Não lhes interessará saber a causa do aumento da criminalidade? O aumento dos suicídios no seio da classe?…..

RESPONDER

“É como ser queimado com ácido quente“. Planta venenosa australiana causa dores que podem durar anos

Os "cabelos" da planta gympie-gympie causam uma picada tão tóxica que a dor pode durar anos. Esta pode ser encontrada nas florestas australianas. A gympie-gympie, ou dendrocnide moroides, é um tipo de arbusto que recebe o …

Sporting 1-1 Famalicão | Leão volta a tremer e vê Porto a 6

Segundo empate consecutivo do Sporting na Liga NOS, e pelo mesmo resultado, 1-1. Na recepção ao Famalicão, o líder do campeonato começou bem, marcou, mas sofreu um golo de imediato e nunca mais se encontrou …

Arqueólogos descobrem túnel medieval na Polónia. Tinha restos mortais de 18 carmelitas

Uma equipa de arqueólogos descobriu um cemitério medieval onde estava sediado um mosteiro do século XIV. No local foi ainda encontrado um túnel com dezoito esqueletos de padres carmelitas. A descoberta ocorreu em Jaslo - uma …

Militantes apoiados pelo Al-Qaeda defendem uso de mel contra a covid-19

O Al-Shabaab, um grupo rebelde islâmico apoiado pela Al-Qaeda, apela ao boicote à vacina da AstraZeneca contra a covid-19. A alternativa é "cominho preto e mel". A vacina da AstraZeneca não está apenas a levantar preocupações …

Em menos de um ano, a polícia foi chamada a intervir pelo menos nove vezes na mansão dos Sussex

A vida nos Estados Unidos não tem sido fácil para os duques de Sussex. No último ano, a polícia da Califórnia foi chamada pelo menos nove menos à mansão onde o casal habita desde que …

Rivalidade entre China e Índia é obstáculo à maior aproximação entre os BRICS, diz especialista

Apesar de os BRICS representarem "o tipo de relações entre países que queremos no século XXI", a rivalidade entre a Índia e a China ainda é um obstáculo a uma maior integração, dizem os especialistas. Na …

Variante sul-africana pode resistir à Pfizer. China pondera misturar vacinas

A variante do coronavírus descoberta na África do Sul pode "romper" a vacina contra a covid-19 da Pfizer/BioNTech até certo ponto, concluiu um estudo em Israel, embora a sua prevalência no país seja baixa e …

Rússia garante que não haverá guerra com Ucrânia. EUA desconfiam e prometem consequências

O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, descartou este domingo a possibilidade de uma guerra com a Ucrânia, depois de Kiev ter manifestado preocupação com o reforço de tropas russas nas suas fronteiras. “Ninguém está a embarcar …

Inspetores do SEF rejeitam extinção sem aval do Parlamento (e dizem estar em causa o Espaço Schengen)

O sindicato dos inspetores do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) rejeitou este domingo a extinção daquele organismo sem a aprovação formal da Assembleia da República e considerou que está em causa a permanência de …

Testes rápidos registaram maior número de sempre. APED defende venda nos super e hipermercados

O recurso a testes rápidos de antigénio à covid-19 está a aumentar em Portugal, tendo atingido o maior número a 7 de abril, com mais de 34 mil realizados nesse dia, segundo dados do Instituto …