Militantes impedem Lula da Silva de se entregar

Paulo Pinto / Fotos Publicas

Manifestantes a favor do ex-presidente Lula da Silva carregam-no em braços em manifestação em São Bernardo do Campo

O ex-Presidente brasileiro Lula da Silva saiu hoje à tarde do edifício onde estava desde que, na quinta-feira, foi ordenada a sua detenção, e entrou num veículo descaracterizado para abandonar o local, mas a multidão de apoiantes impediu-o.

Faltavam alguns minutos para as 17:00 (21:00 em Lisboa) quando, em São Bernardo do Campo, no Estado brasileiro de São Paulo, Luiz Inácio Lula da Silva saiu da sede do Sindicato dos Metalúrgicos, onde iniciou nos anos 1970 a sua carreira política, e entrou numa viatura, onde se encontravam igualmente o seu advogado, um segurança e o diretor administrativo do sindicato, para se entregar à Polícia Federal.

Cercar, sentar e não deixar prender”, gritavam os manifestantes, enquanto corriam de um lado para o outro para bloquear as duas saídas do recinto do sindicato, tendo colocado uma corrente num dos portões, noticiou o diário Estado de S. Paulo, que acompanha ‘online’ os acontecimentos em São Bernardo do Campo.

Alguns minutos depois, Lula da Silva saiu do veículo em que seguiria para o aeroporto de Congonhas, de onde partiria para Curitiba, e voltou a entrar no edifício, de onde assomou, em seguida, a uma janela para acenar aos apoiantes.

Segundo o diário Folha de S. Paulo, os militantes do Partido dos Trabalhadores (PT) que estão dentro do recinto do Sindicato dos Metalúrgicos bloquearam também passagens internas do edifício para dificultar nova saída de Lula da Silva e da polícia.

O diário paulista noticiou também que, embora os dirigentes sindicais estejam a tentar apaziguar os ânimos, há grande resistência em obedecer a orientações que tenham como resultado que Lula se entregue à polícia federal, para começar a cumprir a pena de prisão.

Lula da Silva foi condenado em segunda instância a 12 anos e um mês de prisão por corrupção passiva e branqueamento de capitais, no âmbito de um processo da Operação Lava Jato em que foi acusado de receber um apartamento de luxo da construtora OAS em troca de favorecer os contratos da empresa com a estatal Petrobras.

O juiz federal Sérgio Moro decretou na quinta-feira a prisão do antigo chefe de Estado brasileiro (2003-2011) depois de o Supremo Tribunal Federal e o Supremo Tribunal de Justiça terem rejeitado os pedidos de ‘habeas corpus’ apresentados pela sua defesa.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Marés de Júpiter podem ajudar a perceber a história do Sistema Solar

Uma equipa de investigadores detetou uma pequena perturbação gravitacional em Júpiter. A descoberta pode ajudar a investigar o interior do planeta e perceber melhor a história do Sistema Solar. "Se você tentasse mergulhar em Júpiter, nunca …

Em 1925, "O Isolador" prometia bloquear qualquer tipo de distração

Procrastinar foi, é e sempre será um passatempo irresistível. Por isso, nos anos 20, houve quem apresentasse uma solução radical para evitar este problema: "O Isolador". De acordo com o site IFLScience, o chamado "Isolador" foi …

Seca no México revela uma igreja submersa há 40 anos

Uma igreja no estado de Guanajuato, no México, sobrevive entre a água e os peixes, como única testemunha de um povoado inundado por uma barragem há mais de 40 anos. Agora, devido à seca que …

Neymar prolonga contrato com o Paris Saint-Germain até 2025

O avançado internacional brasileiro Neymar renovou contrato com o Paris Saint-Germain até 30 de junho de 2025, informou hoje o tricampeão francês e vice-campeão europeu de futebol. “O Paris Saint-Germain tem o prazer de anunciar que …

Países usaram modelo do queijo suíço para conter a covid-19. Na Índia, alguns "buracos" eram demasiado grandes

A grande maioria dos países adotou a estratégia do queijo suíço para responder à pandemia. Na Índia, os "buracos" eram demasiado grandes em três das camadas mais importantes. Para responder à crise sanitária desencadeada pela covid-19, …

Primeira-ministra da Escócia declara que "haverá maioria pró-independência" no parlamento

A primeira-ministra da Escócia, Nicola Sturgeon, declarou hoje vitória nas eleições regionais, afirmando que "haverá uma maioria pró-independência" no parlamento escocês. Com as projeções a indicarem que o Partido Nacional Escocês (SNP), que lidera, foi o …

SOS Rio Paiva pede que se limite o número de visitantes à ponte e Passadiços do Paiva

A associação SOS Rio Paiva manifestou-se preocupada com o aumento da pressão turística e com a poluição, na sequência da inauguração da ponte suspensa em Arouca, e pediu que se limite o número de visitantes. A …

O seu antigo número de telemóvel pode ser usado para pirateá-lo

O seu antigo número de telemóvel pode ser usado para pirateá-lo, caso este ainda esteja associado a contas em sites ou redes sociais. Embora milhões de números de telemóvel sejam desconectados todos os anos, um novo …

Ataque à bomba contra escola feminina em Cabul faz 30 mortos e 79 feridos

A explosão de uma bomba junto a uma escola secundária para raparigas na zona ocidental de Cabul fez hoje pelo menos 30 mortos e 79 feridos, segundo um novo balanço feito pelas autoridades afegãs. “O número …

Tamám Shud. Exumação de corpo pode resolver um estranho mistério com 70 anos

As autoridades da Austrália aprovaram uma exumação do corpo de Tamám Shud - ou "Homem de Somerton" - e, em breve, o mistério de 70 anos pode estar resolvido. Em 30 de novembro de 1948, vários …