Mileva Einstein ajudou a estudar a Teoria da Relatividade (mas viveu na sombra do marido)

“Demasiado intelectual” e “velha bruxa”. Estes são alguns dos comentários que a família de Albert Einstein fez àquela que foi a primeira mulher do cientista.

Mas esta relação nem sempre foi assim. Antes do divórcio, em 1916, ambos tinham sido estudantes no Instituto Politécnico de Zurique, uma das poucas universidades da Europa que, na época, admitia mulheres.

Foi lá que se conheceram, tendo como interesso comum o amor pela ciência. As qualificações de Mileva não deixam dúvidas de que terá sido uma física brilhante, tendo algumas vezes notas mais altas que Albert.

A correspondência revela que, em 1900, antes de se terem casado, Mileva engravidou. Apesar de não se saber com certezas o paradeiro da primeira filha do casal, acredita-se que terá falecido após ter contraído escarlatina.

Diversas biografias sugerem que a etapa como estudantes foi o início de muitos anos anos de colaboração pelos quais Mileva recebeu pouco reconhecimento. Além disso, os filhos de ambos acabaram por afastá-la da ciência.

“Durante as férias escolares, que muitas vezes passavam afastados, trocavam numerosas cartas em que Albert constantemente se referia à sua colaboração”, explicou ao programa Today da BBC, Pauline Gagnon, física sénior do CERN.

De facto, as 43 cartas entre os dois cientistas, que foram preservadas, falam dos “nossos trabalhos”, da “nossa teoria da relatividade”, do “nosso ponto de vista” e dos “nossos artigos”.

Mas também há numerosos testemunhos de pessoas que os viram trabalhar juntos. “Até mesmo o filho, Hans Albert, lembra-se de vê-los a trabalhar juntos dia e noite na mesa da cozinha”, acrescenta Gagnon.

Isso aconteceu em 1905, quando Albert publicou as suas obras mais importantes: quatro artigos no Annalen der Physik, que mudaram as leis da física para sempre, incluindo a teoria da relatividade.

Quando se divorciaram, concordaram que se Albert ganhasse o Prémio Nobel, Mileva manteria o prémio em dinheiro. Em 1921, Einstein recebeu o prémio no ramo da Física em 1921, estando separado de Mileva há dois anos e já se havia casado novamente.

Quando Albert fez o seu testamento e deixou o prémio em dinheiro ao filhos, acredita-se que a ex-mulher o ameaçou que iria revelar a sua participação no trabalho. Mas o cientista aconselhou-a a ficar calada.

“Eliminar da história da ciência mulheres brilhantes como Mileva não ajuda no trabalho de demonstrar que as mulheres são tão capazes quanto os homens”, disse Gagnon.

A vida depois de Albert foi difícil para Mileva e ela sofreu vários problemas económicos. Em 1930, o filho Eduard foi diagnosticado com esquizofrenia, tendo a mulher passado o resto de sua vida a cuidar dele.

ZAP // BBC

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. “Eliminar da história da ciência mulheres brilhantes como Mileva não ajuda no trabalho de demonstrar que as mulheres são tão capazes quanto os homens”, disse Pauline Gagnon.

    Será que Pauline Gagnon considera que se deve exclusivamente a um concertado acto de discriminação o facto de, em toda a história dos prémios, apenas terem existido 3 mulheres vencedoras do Prémio Nobel da Física de um total de 208 laureados? (0.15%)
    Ou só lhe interessa explorar o caso de Mileva para sustentar a sua retórica feminista?

    • Será que Tiago Vasconcelos ironiza uma causalidade onde deveria apenas constatar uma correlação?
      Ou só lhe interessa explorar uma elação ilógica e ridícula para sustentar o seu balido machista?

      Ninguém diria que o não-reconhecimento do trabalho de Milene foi a causa da disparidade existente em entregas de prémios Nobel, só um calhau conspiracionista alegaria isso. Mas se calhar ambas as situações são demonstrativas da discriminação do género feminino na comunidade científica, que sempre houve e ainda há. Mas olhe, os “feministas” (de quem tem tanto medo) até agradecem esse 0.15% que apresenta, que claramente reforça essa ideia. Boa forma de dar um tiro no pé.

  2. Essa história está retratada em Genius. Acredito que o prêmio foi para ela como forma de recompensar a ajuda nas pesquisas e para ajudar nas despesas com os filhos.

"Um tsunami de dívidas". O mundo deve a si mesmo 277 mil milhões de dólares

Prevê-se que até ao final deste ano, a dívida da economia mundial atinja os 277 mil milhões de dólares. A pandemia de covid-19 é um dos fatores responsáveis. A pandemia de covid-19 não só está a …

Empresas podem negar trabalho a quem não se quiser vacinar

"É obviamente possível" que as empresas evitem contratar um trabalhador se não quiserem ser vacinadas contra a covid-19. A presidente do Comité Económico e Social Europeu (CESE), Christa Schweng, admitiu a possibilidade de uma empresa se …

"A Suitable Boy". Um beijo numa série da Netflix provocou um escândalo (social e político) na Índia

A Netflix está a enfrentar uma reação negativa na Índia por causa de uma cena de um beijo entre duas personagens na série A Suitable Boy ("Um bom partido"). O partido no poder já pediu …

Irmãos transformaram 7 linhas de código num império de 36 mil milhões de dólares

Patrick e John Collison são dois jovens empreendedores irlandeses que fundaram a Stripe, uma empresa que criou uma solução alternativa para os pagamentos online, avaliada em 36 mil milhões de dólares. Em vez de construirem soluções …

ECDC. Portugal terá "níveis muito baixos" de novos casos se mantiver restrições

Se Portugal mantiver as restrições adotadas atualmente, irá registar em dezembro “níveis muito baixos” de novos casos de covid-19. O Centro Europeu para Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC), criado com a missão de ajudar os …

Com apenas 14 anos, Xiaoyu é o adolescente mais alto do mundo. Mede 2,21 metros

Ren Keyu nasceu na China a 18 de outubro de 2006, e no dia em que comemorou o seu 14º aniversário recebeu também o título do Guinness World Records do adolescente mais alto do mundo, …

Jerónimo "não está a prazo" no PCP (e vai continuar a negociar com o PS)

O PCP continua disponível para negociar com o PS, mas não a troco de nada. Quanto ao quinto mandato consecutivo enquanto secretário-geral do partido, Jerónimo avisou, este domingo, que não está "a prazo". No discurso de …

Hackers expõem na cloud dados que roubaram de utilizadores do Spotify. Foi um acidente

Um grupo de piratas informáticos compilou uma base de dados com cerca de 250.000 palavras-passe do Spotify e armazenaram os dados na cloud. No entanto, esqueceram-se de proteger o armazenamento com uma palavra-passe. De acordo com …

Disney vai colocar em lay-off mais de 30.000 trabalhadores em 2021

A gigante norte-americana Walt Disney Company anunciou esta semana que vai colocar em regime de lay-off 32.000 trabalhadores no primeiro semestre de 2021 devido às quebras financeiras causadas por causada da pandemia de covid-19. A …

Ventura responde a Rodrigues dos Santos (e os ânimos à direita tornam-se cada vez mais ácidos)

Depois de Francisco Rodrigues dos Santos ter afirmado, em entrevista ao Sol, que o CDS "não fará alianças políticas com o partido Chega", André Ventura reagiu em tom irónico: "Como é que o Chega conseguirá …