Messi estará a preparar saída para o Inter Miami — e vai comprar 35% do clube

Mohammed Badra / EPA

Lionel Messi vai comprar 35% do Inter Miami. O argentino estará a preparar uma eventual saída para os Estados Unidos em junho de 2023.

O jornalista Álex Candal avança que Lionel Messi vai comprar 35% do Inter Miami, da Major League Soccer (MLS). O internacional argentino pode estar, desta forma, a pavimentar uma eventual saída para os Estados Unidos em junho de 2023.

A saída de Messi aconteceria, assim, depois de cumprir mais uma temporada ao serviço do Paris Saint-Germain e disputar aquele que provavelmente será o seu último Campeonato do Mundo ao serviço da Argentina.

Messi é dono de um apartamento de luxo em Miami e já revelou que gostava de jogar nos Estados Unidos. O futebolista albiceleste quer que os filhos frequentem o ensino norte-americano antes de irem para a universidade.

Na época de estreia na capital francesa, Messi esteve longe daquilo que habitou os fãs ao longo dos anos. O extremo apontou 11 golos e contribuiu com 13 assistências esta época. Como tal, a sua saída tem sido muito especulada nos últimos tempos.

Em março, o antigo companheiro de equipa de Messi, Dani Alves, disse que o argentino “não está feliz no PSG”.

“Para mim, Messi não está feliz no Paris Saint-Germain. Ele faz com que este jogo seja especial e isso acontece quando ele está bem. Nesse momento todos desfrutam do seu futebol. Atualmente ele parece fora do seu lugar e parece deslocado”, disse o brasileiro que jogou muitos anos com La Pulga no Barcelona.

Depois de ser equacionado um regresso ao Barcelona, falou-se também de dois clubes norte-americanos: New York City e, precisamente, o Inter Miami.

No entanto, a transferência para o Barcelona é um cenário que pode estar fora de equação. Isto porque o próprio presidente do Barcelona, Joan Laporta, descartou o seu regresso.

Já proprietário do Inter Miami, o ex-futebolista David Beckham, não disse que não à contratação do avançado, embora mantenha o seu foco na formação.

“Sempre disse que queria ver o melhor no nosso clube […]. Os adeptos ficarão felizes se tivermos estrelas na equipa, mas ficarão ainda mais felizes se vencermos com jovens vindos da academia e a levantar o troféu”, disse Beckham.

Na sua terceira temporada no clube, Gonzalo Higuaín também vê com bons olhos a chegada do seu compatriota: “Sim, por que não? A decisão cabe a ele, mas não vejo por que não”, disse o ponta-de-lança.

Pouco tempo depois, no início de abril, o próprio Leo Messi deixou o seu futuro em aberto: “Depois do Mundial terei de repensar muitas coisas”.

Quem está muito interessado no seu regresso é o outro clube que tem a honra de poder dizer que o astro argentino lá passou: o Newell’s Old Boys.

O clube de formação de Messi, do qual saiu com apenas 14 anos, vê com bons olhos a chegada do avançado. Ignacio Astore, presidente do Newell’s Old Boys, abriu a porta ao jogador.

“Para mim seria incrível trazer Messi. Só depende dele, muito mais do que quaisquer negociações que possamos ter, só ele sabe o que pensa da sua carreira e de como vai estar depois do Mundial. Se quiser voltar ao Newell’s só depende dele”, atirou.

  Daniel Costa, ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.